23/10/2019 00:26
Turismo / Turismo em Goiás

20 construções que provam que Goiânia é a capital Art Déco do Brasil

Um roteiro para valorizar nossa história

por Curta Mais

Em 1920 surgia na França um movimento artístico que pretendia deixar o mundo material mais elegante e refinado, apresentando através das formas os conceitos de progresso e modernidade – era o Art Déco (pronuncia-se “ár decô”), estilo que nas décadas seguintes conquistou o mundo inteiro, inclusive o Brasil.

Empire

Empire State Building, em Nova Iorque, é um dos representantes do estilo Art Déco nos Estados Unidos.

Miami

Miami, nos Estados Unidos, é a cidade com o maior acervo Art Déco do mundo! Na cidade americana, o circuito Art Déco virou roteiro turístico, atraindo visitantes durante todo o ano.

Cristo

Sabia que até o Cristo Redentor no Rio de Janeiro é uma obra Art Déco? Construções como o Elevador Lacerda em Salvador, o Teatro Carlos Gomes no Rio de Janeiro, a Biblioteca Municipal Félix Araújo em Campina Grande e o Estádio do Pacaembu em São Paulo também são representantes do estilo no Brasil.

Presente na arquitetura, design, mobiliário, moda e decoração, o movimento representou na época os ideais de modernidade e progresso que a sociedade vivia. A expressão é uma abreviação do francês “arts décoratifs”, que significa arte decorativa. Sem abrir mão do requinte, os objetos têm decoração geometrizada com predominância de linhas verticais, e influências do construtivismo, futurismo e cubismo.

Mas é Goiânia que reúne o mais representativo acervo Art Déco do Brasil. O estilo inspirou os primeiros prédios da cidade, representando o progresso e a modernidade que a nova capital representava para o estado. Attílio Corrêa Lima, urbanista responsável pelo projeto da capital, havia concluído seus estudos na França quando em 1935 fez o desenho da cidade. Construídos nas décadas de 40 e 50, vários prédios e monumentos públicos no estilo Art Déco foram tombados pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) como patrimônio nacional por sua relevância histórica e arquitetônica, mas, infelizmente, muitos sofrem com o abandono e o descuido por parte do poder público, com a ação de vândalos e a falta de segurança. 

Conheça as principais construções Art Déco de Goiânia e seus endereços, e prepare a câmera e os tênis de caminhada para um passeio pela história e arquitetura da cidade – divirta-se! Deixamos claro que apesar de nesta lista constarem apenas 20 prédios, a cidade têm muitas outras construções no estilo, pertencentes à iniciativa privada e pessoas físicas.

1. Coreto da Praça Cívica

coreto

Palco de manifestações artísticas, culturais e políticas ao longo da história, o Coreto da Praça Cívica foi inaugurado oficialmente em 1942. Em bom estado de conservação, evite visitar o ponto durante a noite, devido a falta de segurança.

Endereço: Praça Cívica, S/N, Centro


2. Palácio das Esmeraldas

Palácio

Espaço que abriga todos os governadores do Estado de Goiás, o Palácio das Esmeraldas recebeu o nome devido à cor. O prédio Art Déco foi projetado por Atílio Correia Lima e inaugurado em 1937. O prédio se encontra em ótimo estado de conservação e vale a visita.

Onde: Praça Cívica, N 01, Centro


3. Edifício da antiga Chefatura de Polícia, atual Procuradoria Geral do Estado

Edifício

Inaugurado em 1937, o prédio da antiga Chefatura de Polícia funciona atualmente como a Procuradoria Geral do Estado.

Endereço: Praca Cívica, Centro


4. Edifício da antiga Secretaria Geral, atual Centro Cultural Marieta Telles Machado

Centro

Inaugurado em 1936, o prédio que hoje abriga o Centro Cultural Marieta Telles Machado já foi a Secretaria Geral do Estado.

Endereço: Praça Cívica, Centro


5. Edifício do Tribunal Regional Eleitoral

tre

Endereço: Praça Cívica, N300, Centro


6. Antigo Departamento Estadual de Informação, atual Museu Zoroastro Artiaga

zoro

Primeiro museu de Goiânia, o Zoroastro Artiaga foi criado em 1946. Localizado na Praça Cívica, o prédio faz parte do acervo art déco da capital. Vale a visita para conhecer o grande acervo do museu e, claro, fotografar.

Endereço: Praça Cívica, N13, Setor Central


7. Torre do Relógio

relogio

Inaugurada também em 1942, a Torre do Relógio é um dos mais antigos pontos de referência na capital.

Endereço: Avenida Goiás, próximo à Praça Cívica.


8. Edifício do Colégio Estadual Lyceu de Goiânia

Edifício

Colégio mais antigo de Goiânia, com mais de 160 anos de fundação, o Lyceu de Goiânia também abriga hoje o Espaço Sonhus, funcionando como polo cultural da cidade. Infelizmente, o prédio sofre com más condições de conservação.

Endereço: Rua 21, N10, Setor Central


9. Grande Hotel

Grande

Inaugurado em 1937, o Grande Hotel recebia importantes hóspedes em suas visitas à capital. Atualmente, o prédio recebe eventos de cunho cultural, apesar do precário estado de conservação. Evite visitar o espaço durante a noite.

Endereço: Avenida Goiás esquina com rua 3, Setor Central


10. Museu Pedro Ludovico Teixeira

Museu

Antiga residência do fundador de Goiânia, a construção abriga hoje um museu em ótimo estado de conservação, que possui no acervo objeto pessoais, fotos, documentos originais e a biblioteca do fundador de Goiânia.

Endereço: Rua Gercina Borges Teixeira (Rua 26), Centro


11. Teatro Goiânia

Teatro

Mais tradicional espaço cultural de Goiânia, o Teatro Goiânia foi inaugurado em 12 de junho de 1942 e projetado pelo arquiteto Jorge Félix. Atualmente recebe grandes shows, espetáculos e eventos culturais em sua estrutura, belíssima e bem conservada por dentro e por fora.

Endereço: Avenida Tocantins com Avenida Anhanguera, Qd. 67, Lt. 32, Setor Central


12. Edifício do Instituto Federal de Goiás

ifg

Inaugurado em 1942, o prédio do antigo CEFET, atual Instituto Federal de Goiás oferece hoje cursos de formação na área de tecnologia, mas nem sempre foi assim. A escola foi fundada ainda na antiga capital de Goiás com cursos de serralheria, sapataria, alfaiataria, marcenaria e outros do gênero.

Endereço: Rua 66, Setor Central


13. Edifício da antiga Estação Ferroviária

Estação

Localizada na Praça do Trabalhador, no Setor Central da Capital, a Estação foi inaugurada em 1950, ainda sem funcionamento de trens. Foi apenas em 1952 que trens de carga circularam por lá, e a Estação funcionou até a década de 1980. Infelizmente, o prédio da Estação é um dos que mais sofre com a falta de segurança e a ação de vândalos - evite visitar o local durante a noite.

Endereço: Praça do Trabalhador, Setor Central


14. Mureta e Trampolim do Lago das Rosas

mureta

Mais antigo parque de Goiânia, o Lago das Rosas foi construído na década de 1940, e abrigava um grande canteiro de rosas, que deu inspiração para o nome. Atualmente abriga também o Zoológico de Goiânia.

Endereço: Entre a Alameda das Rosas e a Avenida Anhanguera


15. Edifício do Goiânia Palace Hotel

Goiania

Fundado em 1953, o Goiânia Palace Hotel é todo inspirado no Art Déco e recebe hóspedes até hoje.

Endereço: Avenida Anhanguera, N5195, Centro


16. Edifício do antigo Palace Hotel, atual Biblioteca Cora Coralina

difício

Inaugurado em 1939, o antigo Palace Hotel abriga hoje a Biblioteca Municipal Cora Coralina.

Endereço: Avenida 24 de Outubro, esq. com Rua Geraldo de Oliveira Ney, Qd. 23, Lt. 15, Setor Campinas


17. Hotel Dom Bosco

Hotel

Endereço: Avenida Araguaia, N655, Setor Central


18. Fórum e Tribunal de Justiça

Fórum


19. Edifício da antiga Subprefeitura e Fórum de Campinas

Subprefeitura


20. Edifício da antiga Delegacia Fiscal

Delegacia


Outros bens Art Déco tombados pelo IPHAN como patrimônio nacional:

Obeliscos e luminárias

Fontes luminosas




NOTÍCIAS RELACIONADAS

+ Turismo

Centro histórico de Goiânia ganha nova galeria de arte a céu aberto com entrada gratuita

Espaço Ursulino Leão: antes lote baldio e destino de lixo e entulho, agora, uma galeria de arte a céu aberto


+ Turismo

Laboratório: uma trilha de Mountain Bike perfeita dentro de Goiânia que provavelmente você não sabia que existia

Localizada há 10 minutos do Centro, a Trilha do Laboratório é considerada uma das melhores dos arredores da capital goiana


+ Turismo

Descobrimos um parque que é um verdadeiro complexo esportivo em Goiânia

Parque Odilon Soares, na região sudoeste, possui a primeira quadra para a prática de tênis gratuito em Goiânia


+ Turismo

Villa Cavalcare

Um pedacinho do Velho Oeste que reúne Restaurante Bar e Centro Equestre em Goiânia


+ Turismo

Conheça o Vale do Capão, um achadinho na Chapada Diamantina na região central da Bahia

Um refúgio da correria goiana em um paraíso natural com diversas particularidades


+ Turismo

Conheça a Vila Hípica Werner Haberkorn, um paraíso para os amantes de cavalos no Brasil

Repleto de história, a hípica surgiu do amor pelos cavalos e hoje é uma das principais atrações do Resort


+ Turismo

Destinos em Goiás para se divertir e descansar em contato com a natureza

Olhar árvores pela janela, tomar um banho de cachoeira, ou ouvir o canto dos pássaros pode aliviar a tensão do dia a dia


+ Turismo

Maior praia artificial com águas naturalmente quentes do mundo se encontra em Goiás

Localizada no interior de Goiás, na cidade de Rio Quente, a Praia do Cerrado é uma atração reconhecida mundialmente


MAIS LIDAS DE HOJE

+ CLUBE DE VANTAGENS CURTA MAIS

Curta Mais 2019. Todos os direitos reservados.