06/12/2019 22:25
Notícias / Conteúdo

Astrônomos descobrem novo sistema solar que pode conter água e vida

Astrônomos europeus e americanos anunciaram a descoberta de sete planetas do tamanho da Terra, situados a apenas 40 anos-luz de distância

Paloma
por Paloma M. Carvalho

O sistema, formado em torno da já conhecida estrela-anã superfria TRAPPIST-1, tem o maior número de planetas de dimensões semelhantes aos da Terra já encontrados e o maior número de mundos com condições favoráveis à existência de água. A descoberta foi anunciada na revista científica Nature.

Para encontrar os planetas, os cientistas usaram telescópios em terra e no espaço, incluindo o Grande Telescópio ESO, no Chile. Os corpos celestes foram localizados quando passaram em frente à estrela, que tem tamanho e brilho menores que o Sol - a TRAPPIST-1 tem apenas 8% da massa solar e é apenas um pouco maior que Júpiter.

Temperatura semelhante
A passagem dos planetas causou oscilações no brilho da TRAPPIST-1 e permitiu aos astrônomos deduzir informações sobre tamanho, composição e órbita destes mundos, bem como as temperaturas - em pelo menos seis planetas, elas seriam semelhantes às da Terra.

"A energia de estrelas-anãs como a TRAPPIST-1 é muito mais fraca que a do Sol, e os planetas em sua órbita teriam que estar em órbitas muito mais próximas que a do Sistema Solar para que houvesse a existência de água. Mas este tipo de configuração compacta é justamente o que vemos nesse sistema", explica um dos autores do estudo, Amaury Triaud, da Universidade de Cambridge, no Reino Unido.

As órbitas dos planetas são mais próximas da estrela-anã do que a de Mercúrio junto ao Sol, mas as dimensões reduzidas da TRAPPIST-1 fazem com que esses planetas recebam uma quantidade de energia similar a de planetas como Vênus, Terra e Marte.

Os corpos celestes também têm períodos de translação bem menores que os do Sistema Solar. O mais próximo da estrela (TRAPPIST-1 b), por exemplo, completa a volta em torno da estrela em menos de dois dias terrestres - Mercúrio, por exemplo, leva cerca de 88.

Todos os sete planetas descobertos nesse sistema podem potencialmente conter água em suas superfícies, mas modelos climáticos feitos pelos astrônomos sugerem que os planetas batizados até agora apenas de TRAPPIST-1 e, f e g estão no que a astronomia determina como uma possível "zona habitável" - órbitas em que a superfície pode conter água líquida sob as condições ideais de pressão atmosférica.
Os cientistas acreditam que a descoberta dos planetas torna TRAPPIST-1 um alvo de estudo importante para a busca da existência de água e mesmo vida fora da Terra.

 

Via BBC Brasil

Foto: Reprodução

Comente esse assunto em nossas redes sociais e acompanhe o Curta Mais no Facebook, Instagram e Twitter.

Notícias sobre: sistema solar

NOTÍCIAS RELACIONADAS

+ Notícias

Matheus Ribeiro recebe convite de William Bonner para apresentar Jornal Nacional em 2020

O jornalista goiano está confirmado na bancada do JN no rodízio de apresentadores regionais



+ Notícias

Kanpai: o primeiro restaurante japonês de Goiânia une tradição e modernidade em duas casas

A casa ensinou o goianiense a comer comida japonesa e resiste ao tempo e modismos há mais de duas décadas


+ Notícias

Voz de Lula aparece no Waze dizendo 'vire à esquerda companheiro'

O aplicativo oferece a opção de colocar a própria voz como guia da plataforma também


+ Notícias

Confira o roteiro para curtir as decorações de natal 2019 em Goiânia

Tem árvore flutuante, Vila do papai noel e trenzinho da alegria


+ Notícias

Thiaguinho chora ao cantar música que escreveu para Fernanda Souza. Assista!

Separado há pouco mais de um mês, Thiaguinho não conteve a emoção ao cantar os mesmos versos que cantou para a atriz no casamento deles


+ Notícias

Eliminado do Mestre do Sabor, Chef goiano André Barros agradece: 'Saio de coração aberto'

André e Carol precisaram cozinhar dando destaque para o jiló


+ Notícias

Inscrições abertas para carteira de habilitação gratuita em Goiás

São três as modalidades inclusas na CNH social: urbana, rural e estudantil


+ CLUBE DE VANTAGENS CURTA MAIS

Curta Mais 2019. Todos os direitos reservados.