20/01/2018 10:48
Turismo / Turismo em Goiás

Com 7 cachoeiras incríveis, Complexo do Prata é um paraíso quase intocado na Chapada dos Veadeiros

Todo o roteiro, repleto de paisagens incríveis, pode ser concluído em apenas um dia

Caio
por Caio Miranda

Apoio cultural Bretas

 

Sete cachoeiras em sete quilômetros, que podem ser visitadas em uma trilha de pouco menos de duas horas. Esta é a descrição mais simples do Complexo do Prata, formado pelo Rio Prata, que corre e despenca em várias quedas sucessivas no coração da Chapada dos Veadeiros.

Exporado pelo nosso fotógrafo Marcos Aleotti, o complexo é formado por lindas paisagens e mirantes paradisíacos, além de uma grande riqueza em biodiversidade. 

Ao visitar suas cachoeiras, a impressão é a de que se está em um lugar recém-descoberto em um dos destinos turísticos mais conhecidos de Goiás. Perfeitas para bombar as redes sociais com as mais lindas fotografias. 

E o mais incrível: tudo pode ser visitado e (bem) aproveitado em um único dia! Confira o nosso roteiro:

 

Roteiro

A nossa dica é visitar primeiro a Cachoeira Rei do Prata, ideal para quem curte estar em meio a belezas natuais de tirar o fôlego, e passar a manhã por lá. Localizada dentro de um cânion, com uma queda d’água de aproximadamente 7 metros, a queda forma uma piscina verde-esmeralda translúcida, perfeita para nadar!

360c4fdec8d2a9227b1e6934a1d8c8c8.jpg

Cachoeira Rei do Prata / Marcos Aleotti

De fora, dá pra ver peixinhos compartilhando a beleza estonteante deste pequeno paraíso. Um banho de energia e de boas vibrações para quem precisa dar uma fugida da correria urbana.

a421621f19c04e561e10a2ced52aebdb.jpg

Cachoeira Rei do Prata / Marcos Aleotti

À tarde, antes ou depois do almoço, uma ótima ideia é passar pelo Mirante do Urubu, que tem uma vista privilegiada da Cachoeira Urubu Rei (carinhosamente apelidada de Cachoeira Rainha do Prata). Com uma queda de 20 metros, o acesso à Rainha requer um esforço maior do visitante.

f9861e670c39cad990586b682a24d08f.jpg

Cachoeira Rainha do Prata / Marcos Aleotti

Para quem prefere dosar o grau de aventura, vale a pena apenas admirá-la do Mirante, que também oferece uma vista panorâmica de toda a imensidão impactante da Chapada, com suas montanhas, vales e cânions.

526e41ac1fd58fd09c366b58b04867c7.jpg

Vista do Mirante do Urubu Rei / Marcos Aleotti

Saindo do Mirante, 4km adiante na trilha está a Cachoeira Prata 5. Conhecido pelas lindas piscinas naturais, o lugar possui vários pontos ideais para banho e um visual único e encantador! Perfeito para dar uma pausa na caminhada e se refrescar.

71e691aab090e05d35580c676dcc5207.jpg

Cachoeira Prata 5 / Marcos Aleotti

Em seguida, após uma caminhada de cerca de 2km, a trilha chega às cachoeiras Prata 4, Prata 3 e Prata 2, que ficam uma ao lado da outra. A Cachoeira Prata 2, conhecida por 3 Marias, é a mais procurada dentre as três, dado o fácil acesso e pela beleza única.

33a5f7c11b4acdb08ccef5f8eb040586.jpg

Cachoeira Prata 2 (3 Marias) / Marcos Aleotti

Após relaxar pela cachoeira Prata 2, caminhe por cerca de 500 metros até chegar ao surreal Vale de Marte, que chama a atenção pelas suas formações rochosas, pequenas crateras e peculiares formatos. Vale a pena dar uma paradinha para se refrescar nas várias banheiras naturais que existem no local.

c2319511f93427866f7b7a2b6b5fb4f2.jpg

Vale de Marte / Marcos Aleotti

Por fim, 500 metros à frente, a trilha chega à Cachoeira Prata 1, conhecida por Pratinha, linda queda d'água que fica dentro de um cânion. Ela é uma excelente opção para aproveitar e curtir um longo e relaxante banho. Pertinho do estacionamento, ela é perfeita para ser deixada para o final.

149e09c93737c47622291c1e55346216.jpg

Cachoeira Prata 1 (Pratinha) / Marcos Aleotti

 

Dicas

- Saia bem cedo para poder conhecer todo o complexo, devido a grande distância da estrada de terra e da trilha. Na volta, saia no máximo as 16:00hrs, para não pegar a estrada muito escura.
- É necessário reservar um dia para conhecer o complexo. Saia bem cedo e vá direto para a Cachoeira Rei do Prata e passe a parte da manhã por lá; programe-se para fazer a volta com calma; vá parando e se refrescando nas cachoeiras e piscinas naturais durante o trajeto.
- Use calçados apropriados.
- Leve água, repelente, chapéu e filtro solar.
- Leve lanches para poder ficar um tempo maior. O local não possui estrutura de restaurantes e lanchonetes
- Água você pode reabastecer nos riachos pelo caminho. Uma garrafa basta.
- Uma pequena mochila é suficiente para o passeio. Evite pesos desnecessários.
- Não deixe lixo no local, não faça fogueiras.
- Respeite a natureza.

6fece6bb909869a8119a88d2908bd5ef.jpg

Presente da Natureza na trilha / Marcos Aleotti

 

Acesso

Antes de visitar este paraíso, primeiramente, é necessária a contratação de um guia credenciado. Isto pode ser feito no CAT Cavalcante. Por lá, você também poderá fazer a aquisição do bilhete de acesso ao Complexo do Prata, em um ponto de venda que fica na cidade. O guia também pode ser contratado no CAT da Comunidade dos Kalungas do Engenho ll, que fica no caminho. Confira informações mais detalhadas mais abaixo.

e20bb2956aacc93c406f41b36a4585a4.jpg

Barraquinha do Seu João, na trilha de acesso às cachoeiras / Marcos Aleotti

O Complexo do Prata fica na Fazenda Ouro Fino, a 65km da Cidade de Cavalcante (que fica 322 km de Brasília, a 498 km de Goiânia e a 85 km de Alto Paraíso). O acesso este paraíso é feito pela rodovia GO-118. Depois que passar por Alto Paraíso, você deve seguir mais 65 km até Teresina de Goiás, de onde você pegará um trecho de 20 km até Cavalcante.

Para se chegar até o Complexo do Prata, o acesso é feito pela estrada Cavalcante-Minaçu. Já adiantamos que a via é de terra e tem pouquíssima sinalização.

ac25bf92759c624ca40f890034b012db.jpg

Trilha de acesso às cachoeiras / Marcos Aleotti

 

Serviço

Complexo do Prata - Chapada dos Veadeiros
 
Distância cidade de Cavalcante ao Complexo do Prata: 65 km(estrada de terra)
Distância da Comunidade Kalunga do Engenho ll ao Complexo do Prata: 49km (estrada de terra)
Sinalização da estrada: pouco sinalizada
Entrada: 20 reais por pessoa
Distância da trilha: 14 km ida/volta
Dificuldade da trilha: média (devido a distância) terreno plano, com algumas subidas
Guia: é necessária e obrigatória a contratação de um guia.
Valor do guia/CAT Cavalcante: 150,00(diária) para um grupo de até 6 pessoas
Valor do guia/CAT Comunidade Kalunga: em torno de 150,00 (diária) para um grupo de até a 6 pessoas
 
Fotos e Pauta: Marcos Aleotti / Curta Mais
 
Localização
 
Mais Fotos
 
58ccf434a49e0fc1a9d582096c7c757b.jpg
Cachoeira Rei do Prata / Marcos Aleotti
 
66206afa961846c9ef1223bbb2e52622.jpg
Cachoeira Rainha do Prata / Marcos Aleotti
 
d280e69c882140c0e7b79864756fc73b.jpg
Vista do Mirante Urubu Rei / Marcos Aleotti
 
1a0d1939e3fe1fe82c18ce54d7639f56.jpg
Cachoeira Prata 5 / Marcos Aleotti
 
01617a2b47918f63e4e0b4442891d4de.jpg
Cachoeira Prata 2 (3 Marias) / Marcos Aleotti
 
12f6b5def6481624b8f710ed7b15297d.jpg
Cachoeira Prata 1 (Pratinha) / Marcos Aleotti
 
0d9e968db7b8105d9be597ed50910ce3.jpg
Belezas da trilha / Marcos Aleotti
 
4c4f389892ec4ef8451ad72c6d608a3f.jpg
Belezas da trilha / Marcos Aleotti
 
e82ae58fd9065c13673fe18e5eb973a8.jpg
Belezas da trilha / Marcos Aleotti

NOTÍCIAS RELACIONADAS

+ Turismo

Por dentro da histórica Igreja Matriz do século 18 de Corumbá de Goiás

Conjunto arquitetônico constituído pela Igreja Matriz de Nossa Senhora da Penha de França é patrimônio cultural de fé no estado


+ Turismo

6 flagras que só acontecem (ainda) no interior de Goiás

Situações que só mesmo nos menores municípios goianos ainda é possível presenciar


+ Turismo

Goiás ganha trilha histórica de 280 km destinada a aventureiros

Trecho inspirado no caminho de Santiago de Compostela, exalta a beleza do cerrado, a culinária goiana e os lugares históricos


+ Turismo

O menor município goiano tem mais coisas pra fazer do que você imagina

Confira as principais atrações da menor cidade do estado de Goiás


+ Turismo

Descobrimos uma cachoeira quase intocável no lado oeste do cerrado goiano

Escondidas dentro da mata, são 2 quedas d’água formando piscinas naturais de água cristalina


+ Turismo

Com 7 belíssimas quedas, Cachoeira dos Cristais é ótima opção para toda família na Chapada

Um verdadeiro complexo de águas translúcidas, com estrutura de camping, restaurante e de fácil acesso.


+ Turismo

7 experiências que todo turista precisa ter em Goiânia

Alguns lugares obrigatórios que todo turista precisa conhecer na cidade


+ Turismo

Flamboyants da Avenida Goiás Norte viram ponto turístico em Goiânia

Seria esta a rua mais bonita de Goiânia?


TV Curta Mais

MAIS LIDAS DE HOJE

+ CLUBE DE VANTAGENS CURTA MAIS

Curta Mais 2018. Todos os direitos reservados.