26/05/2019 18:14
Curiosidades / Histórias

Depois de apelo na internet, mãe consegue Netflix personalizada para filho autista ver Procurando Nemo

A saída de Nemo do catálogo do serviço de streaming gerou crises em Miguel, de 6 anos, que costumava assistir ao filme todos os dias

Gabriela
por Gabriela Tavares

No primeiro dia do ano, a maioria das pessoas aproveitavam as primeiras horas de 2019 para dormir e descansar no feriado. O jovem Miguel, de 6 anos, como de costume, se levantou para assistir ao filme Procurando Nemo, através da Netflix. Dá pra imaginar a frustração do menino quando ele não conseguiu encontrar a produção da Disney no catálogo do serviço de streaming.

A falta do filme deu início às crises de Miguel, que é autista, e à saga da mãe, Fernanda Torres, que é confeiteira, na procura de uma forma de recuperar Nemo na Netflix.

38e9436b52aa560714f857b1d5c5228e.jpg
Foto: Reprodução | Facebook

Fernanda foi até as páginas, tanto da Disney, quanto da Netflix, no Facebook questionar a retirada do filme do catálogo, pedindo para que retornassem Nemo e relatando o drama que enfrentava com o filho.

Entre os comentários, alguns maldosos que a julgavam e falavam para ela "dar um jeito", surgiu um morador de Carapicuíba (SP), Rodrigo Lima, que se ofereceu para fazer uma gravação personalizada em um DVD, com o layout da Netflix. Assim, ele faria o filme rodar, com a aparência de que ainda estivesse disponível no streaming.

"Ele chorava muito, ficava nervoso e chegou ao ponto de bater no rosto. O Miguel ficava repetindo as falas do filme para me fazer tentar lembrar. Na cabeça dele, eu ia fazer voltar o desenho lá. Então, escrevi no Facebook. As pessoas falavam que era frescura, mas daí ele apareceu com a solução e foi maravilhoso, no meio de tanta gente falando besteira", disse Fernanda.

a9e664b913227f11c39a4b75a93f388c.jpg
Foto: Reprodução | Facebook

Rodrigo Lima, analista de suporte técnico, sensibilizado com o relato da mãe, tirou dois dias para personalizar o material e enviar um link para Fernanda. 

"Tive a ideia de tirar um print do layout e fazer de um modo que ficasse parecido. Não conheço ninguém com autismo, mas entendi a dificuldade e quis fazer para ajudar. Não achei que ia ter repercussão, porque sou uma pessoa tímida e [a repercussão] assusta um pouco."

Segundo Fernanda, o filho Miguel foi diagnosticado com autismo aos dois anos e costuma assistir Procurando Nemo todo dia. No entanto, enquanto ela não tinha como reproduzir o filme, o filho assistia a outros desenhos, mas sempre questionava o sumiço do Nemo.

Nas palavras de Fernanda, Rodrigo foi um anjo que apareceu: "Fiquei emocionada quando deu tudo certo [...] Não era um problema dele, não tinha a mínima obrigação de fazer nada e fez. Sou grata e que Deus o abençõe." 

Em 2017, a Disney anunciou que lançaria um serviço de streaming, apenas com conteúdos próprios da empresa e, portanto, não renovaria o contrato de licenciamento de conteúdo para a Netflix.

9ada39a589d679c7b595401fe79ff1ec.jpg
Foto: Finding Nemo | Divulgação

NOTÍCIAS RELACIONADAS

+ Curiosidades

Paciente internado em Hospital de Goiânia se emociona ao ver seu neto andar pela primeira vez

HUGOL realiza com frequência visitas humanizadas com seus internos como parte do tratamento, visando amenizar as dores e garantindo bem-estar dos pacientes


+ Curiosidades

Conheça a Menina do Laço, única garota a treinar nas categorias de base de um time profissional no Brasil

O futebol feminino vem ganhando espaço nos últimos anos e Natália mostra que o esporte não é só para meninos


+ Curiosidades

Conheça Dionísio, idoso que une as pessoas através do Xadrez em Shopping de Goiânia

"Xadrez é nobre, cultura e uma porta aberta para fazer novos amigos!", afirma o 'Vovô do Shopping' que há 15 anos frequenta o centro de compras para jogar xadrez


+ Curiosidades

Saiba mais sobre o café, a bebida preparada mais consumida do mundo

Quem não gosta de um cafezinho para acordar no início do dia ou para acompanhar um bolo durante a tarde?


+ Curiosidades

Projeto realizado em Aparecida de Goiânia será apresentado em um dos mais importantes fóruns de desenvolvimento sustentável do mundo

O Projeto Eyes of the Street (Olhares da Rua) deu “olhos” e “voz” a treze crianças que vivem na carente comunidade Terra do Sol


+ Curiosidades

Descobrimos uma ecovila colaborativa pertinho de Goiânia

As vezes dá uma vontade de largar tudo e ir pro mato, pois foi isso que esses amigos fizeram


+ Curiosidades

Produza 50 kg de alimentos orgânicos por mês no quintal da sua casa

A bióloga goiana Nathália Machado ensina e mostra na prática a sua Agrofloresta que nasceu há 6 meses no Jardim América


+ Curiosidades

PM goiano fica em primeiro lugar em curso da SWAT nos Estados Unidos

Além disso, o Policial Militar Júlio César Ferreira Júnior já foi homenageado com a medalha de mérito da ONU


MAIS LIDAS DE HOJE

+ CLUBE DE VANTAGENS CURTA MAIS

Curta Mais 2019. Todos os direitos reservados.