22/07/2019 17:53
Notícias / Conteúdo

Ex-presidente da UEFA, Michel Platini, é preso por suspeita de corrupção envolvendo a Copa do Catar

A investigação é sobre um almoço na sede do governo francês em novembro de 2010 onde a Copa teria sido "vendida" ao Catar

Isabela
por Isabela Albuquerque

O ex-presidente da União das Associações Europeias de Futebol (UEFA) foi preso na manhã desta terça-feira (18), em Paris por suspeitas de corrupção envolvendo a Copa de 2022. Michel Platini é ex-jogador e, com 63 anos, era um dos investigados em operação que checa por possíveis irregularidades na escola do Catar como sede do próximo Mundial da FIFA. As informações são do site MediaPart.

Além de Platini, a operação mantém presa a ex-conselheira do ex-presidente francês Nicolas Sarkozy, Sophie Dion, por “suspeita de atos ativos e passivos de suborno”. O antigo secretário geral do governo, Claude Gueant, também foi chamado para depor em condição de “suspeito livre” pelo Escritório Central de Luta contra Corrupção e Infrações Financeiras e Fiscais (OCLCIFF).

Em 2016 foi aberta a primeira investigação na escolha do Catar como sede da Copa de 2022 pela Promotoria Financeira Nacional (PNF) da França. No ano seguinte, Platini foi ouvido como testemunha e admitiu que votou no Catar em dezembro de 2010, quando o país foi apontado como sede do Mundial.

Houve uma série de controvérsias em relação à adequação do país para ser sede do Mundial. As alegações de corrupção dentro da FIFA levantaram algumas perguntas sobre a legitimidade da licitação do Catar. O ex-vice-presidente da organização, Jack Warner, afirmou que um e-mail havia sido divulgado alegando que o país “comprou” a Copa, o que foi negado pela FIFA.

De acordo com o jornal Le Monde, de Paris, o foco da investigação seria um almoço organizado no Palácio do Eliseu, sede do governo francês, em novembro de 2010, onde estavam presentes o então presidente Nicolas Sarkozy, Michel Platini, Tamim Ben Hamad Al Thani, o Emir do Catar, e o então primeiro ministro do emirado, Sheikh Hamad, Bem Jassem.

Michel Platini é considerando um dos maiores jogadores do futebol mundial durante a década de 1980, vencendo a Bola de Ouro três vezes seguidas entre 1983 e 1985. Depois de aposentar como jogador, Platini se tornou treinador da seleção francesa, mas obteve um resultado decepcionante. Então, ingressou na administração do futebol, sendo fundamental na organização da Copa do Mundo na França em 1998.

Platini foi presidente da UEFA entre 2007 e 2015, quando foi afastado do futebol por seis anos depois de ser condenado por receber pagamentos indevidos do ex-presidente da FIFA, Sebastian Blatter. A pena foi reduzida a quatro anos após recurso na Corte Arbitral do Esporte (CAS) e termina em outubro deste ano.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

+ Notícias

Rei Leão: Live-action da Disney estreia batendo diversos recordes

O filme já faturou, só na estreia, metade de toda a bilheteria do filme de 1994


+ Notícias

Após destruir colchão e viralizar nas redes sociais, cão Chico volta a aprontar na casa da Dona; assista

Patrícia ganhou almofadas e colchões novos, mas Chico não deixou passar. "É o Chicorbyl", brinca a dona do cão após toda a bagunça!


+ Notícias

Pedreiro de Anápolis que emocionou a internet com surpresa para filha ganha bolsa para cursar Engenharia Civil

"É uma das coisas mais bonitas que eu já vi na vida", declarou Padre Fábio de Melo sobre o vídeo


+ Notícias

Cantora Alcione responde Presidente Bolsonaro sobre críticas a governos nordestinos: assista

Na sexta-feira Bolsonaro foi filmado chamando os governadores do nordeste de "Paraíba"


+ Notícias

Globo solta nota sobre comentários de Bolsonaro: Miriam Leitão foi presa, torturada e não participou de luta armada

Jornalista foi hostilizada em feira literária e ao comentar o ocorrido, o presidente afirmou que a jornalista mentiu sobre ter sido torturada


+ Notícias

QuintoAndar zera taxa de administração para proprietários e dá R$700 de desconto para inquilinos de Goiânia durante mês de julho

Ação contempla o cancelamento da taxa de administração durante os seis primeiros meses e o desconto de R$ 700 na primeira mensalidade do aluguel em contratos fechados até o dia 31/07/2019


+ Notícias

'Bolsonaro é minha maior decepção', desabafa Alexandre Frota

O parlamentar disse, em entrevista à revista Época, que sente “nojo” do bolsonarismo “xiita” e que defende João Doria (PSDB) para comandar o país em 2023


+ Notícias

Veja o que fazer em Goiânia neste final de semana

Julho, mês de férias mas a cidade está cada dia mais agitada. São shows para todos os gostos e bolsos


+ CLUBE DE VANTAGENS CURTA MAIS

Curta Mais 2019. Todos os direitos reservados.