23/05/2017 13:40
Notícias / Conteúdo

Goiana foi eleita uma das personalidades mais influentes do mundo pela Time

Celina Turchi e jogador Neymar são os únicos brasileiros na lista dos 100 mais influentes do mundo

23758    22

Paloma
por Paloma M. Carvalho

Anualmente, a revista estadunidense 'Time' elege as 100 personalidades mais influentes do mundo. Neste ano, os brasileiros que figuraram na lista foram a médica goiana Celina Turchi e o jogador do Barcelona, Neymar.

A médica, natural de Goiânia, entrou pra história mundial da medicina ao descobrir a relação entre a microcefalia e o vírus da zika. Turchi foi reconhecida na categoria 'Pioneers' (Pioneiros, em português). Em dezembro de 2016, sua pesquisa teve notoriedade mundial pela revista 'Nature', quando apareceu no ranking dos 10 cientistas mais importantes do mundo.

"Turchi é apaixonada, motivada e um modelo de liderança global e de colaboração necessárias para a proteção da saúde humana.", afirma na publicação o ex-diretor do Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos (CDC), Tom Frieden.

Entre os pioneiros, a lista é liderada por Riz Ahmed, ator e cantor britânico, Samantha Bee, apresentadora de TV norte-americana focada na luta das mulheres, e pelo rapper Chance the Rapper, conhecido por disponibilizar os seus álbuns na Internet em vez de os vender.

Confira aqui a lista completa.

Sobre Celina Turchi
Celina Maria Turchi formou-se em Medicina pela Universidade Federal de Goiás no ano de 1981, possui mestrado em epidemiologia pela London School of Hygiene & Tropical Medicine/UK e doutorado pelo Departamento de Medicina Preventiva da USP.

A pesquisa
Quando Celina e seus colegas começaram suas pesquisas o conhecimento sobre o zika era extremamente limitado, não havia consenso em relação à definição de microcefalia. "Nem em meu maior pesadelo como epidemiologista eu havia imaginado uma epidemia de microcefalia em bebês", pontuou a pesquisadora à revista 'Nature'.

Turchi integrou uma rede de epidemiologistas, pediatras, neurologistas e biólogos que levou a resultados "formidáveis", que permitiu gerar evidências suficientes para ligar a infecção por zika e a doença no primeiro trimestre da gravidez.

Sua ação contrariou parte da comunidade médica, que não acreditava em sua tese.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

500   

Universidade oferece curso prático de produção de cerveja artesanal

+ Notícias

Universidade oferece curso prático de produção de cerveja artesanal

Pessoas com ou sem experiência podem participar do curso


1157   

Roger Moore, ator de '007', morre aos 89 anos

+ Notícias

Roger Moore, ator de '007', morre aos 89 anos

Segundo a família, o ator será velado em uma cerimônia privada em Mônaco


1059   

Espetáculo Beladona estreia nesta quinta-feira em Goiânia

+ Notícias

Espetáculo Beladona estreia nesta quinta-feira em Goiânia

Evento é gratuito e possui linguagem da dança contemporânea


7648   

Anvisa proíbe a venda de condicionador infantil em todo o Brasil

+ Notícias

Anvisa proíbe a venda de condicionador infantil em todo o Brasil

A vigilância sanitária proibiu a fabricação, venda e divulgação do produto em todo o território nacional


4043   

Confira o que abre e fecha no feriado da Padroeira de Goiânia

+ Notícias

Confira o que abre e fecha no feriado da Padroeira de Goiânia

Programe o seu feriado. Confira quais locais estarão fechados amanhã


23031   

Grávida, Eliana se afasta do SBT após deslocar placenta

+ Notícias

Grávida, Eliana se afasta do SBT após deslocar placenta

'Preciso salvar minha filha'


851   

Ariana Grande suspende turnê por tempo indeterminado após ataque terrorista em Manchester

+ Notícias

Ariana Grande suspende turnê por tempo indeterminado após ataque terrorista em Manchester

São Paulo e Rio de Janeiro fazem parte das datas da turnê Dangerous Woman Tour


1441   

Meteorologia tem previsão de chuva para esta terça-feira

+ Notícias

Meteorologia tem previsão de chuva para esta terça-feira

Confira a previsão para o feriado desta quarta-feira (24/05)


+ CLUBE DE VANTAGENS CURTA MAIS

Curta Mais 2017. Todos os direitos reservados.