27/05/2018 00:12
Notícias / Conteúdo

Goiano ganha fama internacional ao criar réplica que voa do avião 14 Bis

Existem três réplicas no mundo e apenas a de Caldas Novas levanta voos

Júlia
por Júlia Marreto

Filho do sapateiro José Calassa e da porteira-servente Onofra, Allan dividia a casa com quatro irmãos: Munir, Almir, Maria José e Simone Beatriz, quando criança, Allan Calassa viu uma nota de 10 mil cruzeiros, na qual havia o rosto de Santos Dumont de um lado e do outro, a imagem do avião 14 Bis.

Com uma mente inquietante, o garoto não se fascinou pelo dinheiro, mas pelos desenhos que a ela pertenciam. Allan pesquisou até descobrir que aquela feição pertencia a um dos maiores inventores do mundo. E tudo vingou a seu favor, como o costume que seu pai tinha de juntar livros para formar uma biblioteca pública. Uma dessas obras ensinava a construir um avião em casa.


E foi no Sudeste de Goiás, na cidade de Corumbaíba, que Allan, então com 7 anos, reuniu os irmãos e amigos para saírem pela cidade em busca de qualquer coisa que os ajudasse a construir um avião. Com hélice de trator abandonado e motor do cinema da cidade, aconteceu o esperado, a 'coisa' desmoronou inteira.


Algumas coincidências nos fazem crer que a aviação realmente era o destino do jovem: uma de suas músicas preferidas pertence à banda 14 Bis; seu pai o batizou Allan em homenagem a um amigo piloto que morreu enquanto pilotava.

ed34100ff16d21e4bec56b77f6a82c2b.jpg


Além disso, antes mesmo de o Brasil saber do que se tratava, criou uma Asa-Delta, que até planou, mas teve suas asas caídas, assim como o amigo que se propôs a pilotá-la. Com o tempo, tornou-se piloto autodidata.


Mas, seu sonho supremo era construir uma réplica perfeita do 14 Bis, mesmo sem Santos Dumont ter deixado projetos do avião.


Então, com fotos e relatos da época, o projeto 14 Bis - 100 Anos Depois, foi colocado em prática e realizado com sucesso. Com as mesmas medidas, mesmos materiais, mesmas vitórias, Allan tornou realidade o que muitos consideram impossível, até mesmo para sua época.

Allan viaja o mundo expondo sua obra, em cidade como Paris (FR) [ na qual Santos Dumont realizou o primeiro voo do mundo]. Assim como nos Estados Unidos, país que nega a paternidade da aviação a Dumont, em uma das maiores feiras do setor, com 26 mil aviões, na qual o 14 Bis de Allan foi destaque absoluto.

Calaça construiu duas réplicas perfeitas, uma está no Museu do Ar em Portugal e outra no Museu do Ar da França. Uma outra réplica percorre exposições nos cinco continentes. Esta fica em Caldas Novas (GO), onde Allan mora atualmente.

Imagem: Juliano Damasio / Airliners

NOTÍCIAS RELACIONADAS

+ Notícias

Marília Mendonça é parada em bloqueio de caminhoneiros e faz desabafo nas redes sociais

Seguidores da cantora no Twitter se surpreenderam com sua declaração


+ Notícias

Goiás declara estado de emergência em virtude da greve dos caminhoneiros

Neste sábado (26), a paralisação entrou em seu sexto dia


+ Notícias

Autor do hit 'Não Deixo Não', Mano Walter brinca: 'Cansei de procurar gasolina, vim destrocar'

A piada com a greve dos caminhoneiros já soma mais 1 milhão de visualizações


+ Notícias

Aeroporto de Goiânia está sem combustível por causa da greve dos caminhoneiros

Se você tem voo marcado, confira aqui o status da companhia aérea


+ Notícias

Carlos Casagrande 'cochila' durante link ao vivo e vídeo diverte internautas

O comentarista levou o episódio na brincadeira e também fez piada; confira


+ Notícias

Trump cancela encontro com líder norte-coreano

Apesar do 'bolo' recebido, Kim Jong-un ainda tem interesse em reunião com presidente dos EUA


+ Notícias

Feira das Profissões gratuita com 600 vagas de estágio acontece em Goiânia

Direcionamento sobre carreira e mercado de trabalho são temas do evento


+ Notícias

Centro de internação para menores é atingido por incêndio em Goiânia e deixa pelo menos 9 mortes

De acordo com bombeiros menores colocaram fogo em colchão enrolado na entrada de um dos alojamentos


MAIS LIDAS DE HOJE

+ CLUBE DE VANTAGENS CURTA MAIS

Curta Mais 2018. Todos os direitos reservados.