26/04/2019 00:51
Notícias / Conteúdo

Segundo Bolsonaro ‘O Exército não matou ninguém’, sobre morte de músico no Rio

Presidente classificou episódio como 'incidente' e 'lamentou a morte de Evaldo dos Santos Rosa, de 51 anos

Bianca
por Curta Mais

Pela primeira vez, Jair Bolsonaro faz um pronunciamento em Macapá, em evento para a inauguração do aeroporto local, sobre a morte de Evaldo dos Santos Rosa, de 51 anos no último domingo (7). De acordo com o Presidente, "O Exército não matou ninguém, não. O Exército é do povo e não pode acusar o povo de ser assassino, não. Houve um incidente, uma morte."

Bolsonaro disse ainda lamentar "a morte do cidadão trabalhador, honesto, e está sendo apurada a responsabilidade. No Exército sempre tem um responsável."

"Não existe essa de jogar para debaixo do tapete. Vai aparecer o responsável". Ele prosseguiu: "Uma perícia já foi pedida para que se tenha certeza do que realmente aconteceu naquele momento e o Exército, na pessoa de seu comandante, vai se pronunciar sobre este assunto e, se for o caso, eu me pronuncio também. Nós vamos assumir a nossa responsabilidade e mostrar o que realmente aconteceu para a população brasileira".

Bolsonaro só havia se manifestado sobre o tema por meio do porta-voz. Na terça, Otávio Rêgo Barros disse que esperar que o caso fosse esclarecido "rapidamente".

Edvaldo foi morto quando o carro que dirigia foi alvo de pelo menos 80 tiros de fuzil disparados por soldados do Exército. Os militares dizem que confundiram o carro com o de criminosos. Duas pessoas ficaram feridas no tiroteio desencadeado pelos soldados do Exército.

Foto: Agência Brasil

Notícias sobre:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

+ Notícias

Festival Bananada 2019 anuncia Duda Beat, Teto Preto e outras 8 atrações em Goiânia

Ao todo, Festival já soltou quase 30 atrações


+ Notícias

Vídeo de campanha do Banco do Brasil marcado pela diversidade é vetado por Bolsonaro

O vídeo proibido mostra a diversidade com a presença de negros e pessoas tatuadas. Diretor de marketing do BB foi exonerado.


+ Notícias

DJ Rennan da Penha é preso no Rio de Janeiro

O funkeiro é criador do Baile da Gaiola, maior baile funk do Rio


+ Notícias

Sem álcool: Janaina Paschoal quer proibir festas 'Open Bar' em universidades

A deputada estadual teve 2 milhões de votos em São Paulo e pretende vetar toda e qualquer ação que envolva bebidas alcoólicas nas universidades paulistas


+ Notícias

Bolsonaro da sinal verde para análise de privatização dos Correios

A estatal tem mais de 100 mil funcionários e acumulou prejuízos nos últimos anos


+ Notícias

Bolsonaro assina decreto que acaba com horário de verão em todo o Brasil

De acordo com o presidente, o horário de verão atrapalha o relógio biológico da população


+ Notícias

Depois de 10 anos, Otaviano Costa deixa a Globo

De acordo com a emissora, a não renovação do contrato foi decidida em "comum acordo"


+ Notícias

Dólar atinge o maior valor do ano nesta quarta-feira

A moeda teve um aumento de 1,81%, nesta tarde e chegou a R$3,99


MAIS LIDAS DE HOJE

+ CLUBE DE VANTAGENS CURTA MAIS

Curta Mais 2019. Todos os direitos reservados.