21/02/2020 18:59
Curiosidades / Histórias

Empatia e combate à fome: projeto 'Geladeira Solidária' chega em Uberlândia

A geladeira funciona 24 horas por dia para atender pessoas necessitadas

Lais
por Lais Vieira

Em Uberlândia, uma ideia simples tem inspirado muitas pessoas e ajudado a diversas outras que estão em situação de vulnerabilidade financeira e social, como moradores de rua e catadores de materiais recicláveis.

Uma geladeira solidária foi instalada na semana passada em uma calçada da rua Comendador Alexandrino Garcia, no bairro Marta Helena. “Vi um vídeo da geladeira que implantada em Goiânia e achei muito interessante. Fui atrás de pessoas que poderiam ser as minhas companheiras nesse projeto”, explicou a aposentada Laudelina Theodoro, a principal idealizadora da ideia na cidade.

Ela conta que diversas pessoas ajudaram a aplicar o projeto, seja doando a geladeira, doando uma arte final para a cobertura dela, uma vestimenta e plotagem ou até mesmo depositando pequenas quantias em dinheiro para criar um fundo do projeto.

geladeira
A idealizadora do projeto, Laudelina Theodoro, com o doador da geladeira, Sílvio. Foto: Nil Herbert l Arquivo pessoal

“Cerca de 25 pessoas ajudam na manutenção da geladeira. Um de nós do grupo sempre vai até a geladeira uma vez por dia pra fazer a supervisão dela, pra colocar alimentos, limpar, verificar se tem comida vencida e cuidar da higiene dela”, disse Laudelina.

geladeira
Alguns dos voluntários que ajudam na manutenção da geladeira. Foto: Laudelina Theodoro l Arquivo pessoal

O que pode colocar na geladeira?  Amor, água, sucos, marmitex, lanches, tudo embalado e dentro da data de vencimento. O que não pode: falta de amor, carnes, peixes, ovos crus, alimento fora da validade, bebida alcoólica e alimentos fora da embalagem.

Ladelina conta que ela e o grupo têm a intenção de instalar outras geladeiras na cidade, mas que por enquanto é preciso ter um certo “fôlego” para ver como será o funcionamento da geladeira instalada.

A geladeira está instalada na Avenida Comendador Alexandrino Garcia, 1645, no bairro Marta Helena.

Foto de capa: Nil Herbert l Divulgação

NOTÍCIAS RELACIONADAS

+ Curiosidades

Hamster de estudante da UFU fica entalado em ralo, é resgatado por bombeiros e história viraliza no Twitter

Equipe que atendeu a emergência foi acionada em meio ao desespero e tentativas frustadas de resgate


+ Curiosidades

Campeonato de Assobio dará 15 litros de chopp ao vencedor da disputa em Uberlândia

Interessados, de qualquer idade, podem se inscrever de forma gratuita


+ Curiosidades

Voluntários dão exemplo e promovem ações de conservação em cachoeiras de Uberlândia

O grupo percorre cachoeiras da cidade realizando limpeza e instalando placas de sinalização


+ Curiosidades

Guia definitivo para quem pretende morar em Uberlândia

Manual de sobrevivência em Uberlândia: conheça, explore e curta mais


+ Curiosidades

Evento reúne pessoas com boa memória para ajudar na identificação de fotografias antigas de Uberlândia

'Chá com Memória' será realizado na Casa da Cultura e faz parte da programação da semana 'Uberlândia tem Memória'


+ Curiosidades

Projeto leva pessoas com dificuldade de locomoção para passeio de bicicleta em Uberlândia

 'Bike do Bem' oferece voltas de bicicleta para idosos e pessoas com deficiência no Parque do Sabiá


+ Curiosidades

Homem carrega idoso nas costas até o destino dele em Uberlândia

Momento foi flagrado por um fotógrafo que passava pelo local


+ Curiosidades

Estudante de Uberlândia é selecionado para fazer cobertura da Brazil Conference em Harvard

Ele é um dos dois estudantes brasileiros que participarão da cobertura jornalística da conferência


+ CLUBE DE VANTAGENS CURTA MAIS

Curta Mais 2020. Todos os direitos reservados.