iOS 17: conheça as novidades e saiba como instalar o software

A Apple lançou o iOS 17 nesta segunda-feira (18), trazendo uma série de novidades para os modelos compatíveis de iPhone. Os destaques incluem o recurso “Pôster de Contato”, que permite definir uma foto para ser exibida quando você liga para alguém, e o “NameDrop”, que compartilha informações de contato entre dois iPhones quando eles estão próximos.

Para atualizar o seu iPhone para o iOS 17, basta acessar a seção “Ajustes” do sistema e procurar pela opção de atualização de software.

No entanto, é importante notar que alguns modelos de iPhone foram excluídos desta atualização. Os iPhones X, 8 e 8 Plus não receberão o iOS 17 e ficarão no iOS 16.

Esta nova versão do sistema operacional da Apple promete trazer melhorias significativas para a experiência do usuário, além de aprimorar a comunicação e a interação entre dispositivos da marca. Certifique-se de fazer backup dos seus dados antes de realizar a atualização e aproveite as novas funcionalidades do iOS 17.

 

Confira tudo o que muda com o iOS 17

Pôster de Contato: mostra sua foto e seu nome com um estilo personalizado para as pessoas que receberem uma ligação sua;

NameDrop: envia número de telefone e e-mail de um iPhone para o outro ao aproximar os dois celulares, usando o método de transferência de dados sem fio do AirDrop;

Mapas: aplicativo agora consegue salvar uma área para ser acessada mesmo quando o celular não estiver conectado à internet;

Em Espera: tela do iPhone pode mostrar informações de calendário, tempo e música, quando o celular não estiver em uso e estiver apoiado na horizontal;

Diário (Journal): novo aplicativo da Apple para usuários registrarem lembranças (será liberado em uma segunda etapa, ainda em 2023, segundo a Apple).

Mensagens: aplicativo agora transcreve mensagens de áudio e têm um recurso que permite notificar uma pessoa assim que você chegar ao seu destino;

Figurinhas: novo versão do sistema oferece efeitos para animar stickers criados a partir de Live Photos;

FaceTime: usuários poderão deixar recado em vídeo ou áudio quando a outra pessoa não puder atender a chamada.

 

Passo a passo para atualizar o iPhone para iOS 17

 

1. Clique em “Ajustes”;

2. Depois, selecione o item “Geral”;

3. Escolha a opção “Atualização de Software”.

 

Modelos de Iphone que recebem o iOS 17

 

iPhone 15, 15 Plus, 15 Pro e 15 Pro Max (2023);

iPhone 14, 14 Plus, 14 Pro e 14 Pro Max (2022);

iPhone 13, 13 mini, 13 Pro e 13 Pro Max (2021);

iPhone 12, 12 mini, 12 Pro, 12 Pro Max (2020);

iPhone 11, 11 Pro e 11 Pro Max (2019);

iPhone XS e XS Max (2018);

iPhone XR (2018);

iPhone SE (2020 e 2022).

 

Quer receber nossas dicas e notícias em primeira mão? É só entrar em um dos grupos do Curta Mais. Basta clicar AQUI e escolher.

Foto de Capa:  divulgação/Apple

Apple lança iPhone 15 e finalmente muda a entrada do carregador

A Apple realizou o lançamento do iPhone 15 e iPhone 15 Pro e oficializou a adoção do conector USB-C no Apple Special Event realizado nesta tarde. Os preços no Brasil começam em R$ 7.299 para o iPhone 15 e R$ 9.299 para o iPhone 15 Pro.

Já era esperado, mas agora se tornou real a adoção do USB-C como porta para recarga e transmissão de dados dos smartphones. Trata-se de um padrão consolidado, muito comum entre outros equipamentos, e que conta inclusive com incentivos financeiros.

O USB-C tem a vantagem de funcionar com praticamente qualquer produto eletrônico moderno. É veloz na transferência de dados digitais e, acima de tudo, é reversível – não tem jeito certo para encaixá-lo.

Durante a apresentação, executivos da Apple defenderam que a escolha é em prol de acompanhara a adoção do mercado em relação ao USB-C

Cabe lembrar que a União Européia decidiu tornar obrigatório o uso do USB-C numa série de aparelhos, dentre eles smartphones. A medida começa a valer nos 27 países do bloco econômico em 2024. Portanto, a gigante da maçã estaria se antecipando a um regramento europeu.

A mesma estrutura de anos anteriores se repete na nova geração do iPhone. São quatro smartphones: iPhone 15, iPhone 15 Plus, iPhone 15 Pro e iPhone 15 Pro Max.

Os telefones menores têm tela de 6,1 polegadas e os maiores, de 6,7 polegadas. Todos contam com o Dynamic Island, aquele notch em formato de pílula que foi visto pela primeira vez nos produtos Pro da linha iPhone 14. Ou seja, a tecnologia está chegando a mais modelos.

Os smartphones tradicional e Plus têm tela de 60 Hz, enquanto o Pro e o Pro Max funcionam em 120 Hz (chamado de ProMotion pela empresa da maçã).

A Apple mudou a lente principal de 12 MP para 48 MP no iPhone 15. A novidade permite o chamado quad-pixel para aprimorar as fotos no smartphone, como já acontecia no iPhone 14 Pro.

Outro recurso incorporado na linha principal do iPhone 15 é o zoom óptico de 2X, dispensando uma terceira lente telephoto. O iPhone 15 e iPhone 15 Plus filmam em 4K a 60 Hz.

 

Quer receber nossas dicas e notícias em primeira mão? É só entrar em um dos grupos do Curta Mais. Basta clicar AQUI e escolher.

Fotos: Divulgação/Apple

Saiba por quê escolher smartphone vermelho pode salvar vidas

Juntos, (RED) e a Apple estão compartilhando uma história na luta global para acabar com a AIDS na África Subsaariana desde 2006. Nos últimos anos, já foi arrecadado mais de US$ 250 milhões para o Fundo Global por meio da venda de dispositivos e acessórios (PRODUCT) RED. 

 

product

O Fundo Global fornece acesso a serviços de saúde a milhões de indivíduos em comunidades mais necessitadas na África Subsaariana. Isso inclui trabalho crítico em comunidades rurais e apoio a mulheres grávidas e suas famílias para garantir que doenças possam ser evitadas e tratadas por todos. Por meio da App Store, a Apple consegue um envolvimento maior de seus clientes na luta contra a AIDS durante todo o ano e durante momentos importantes nas lojas de varejo.

Durante a Pandemia de COVID, que aconteceu em 2020, a Apple e (RED) se uniram para combater o vírus que amedrontou todo mundo. A COVID-19. Fazendo com que a parceria entre as duas marcas se expandisse para além de HIV/AIDS, o vírus trouxe desafios de acesso à saúde, interrompendo programas fundamentais para o tratamento de HIV/AIDS.

Para enfrentar esses desafios, as contribuições da Apple foram redirecionadas para a iniciativa de combate à COVID-19 do Fundo Global, garantindo ajuda essencial às comunidades mais afetadas pelo HIV/AIDS e protegendo os sistemas de saúde ameaçados pela pandemia.

Graças a isso, houve um aumento no rastreamento de contatos de infectados na África do Sul, garantindo o fornecimento de equipamentos de proteção individual (EPI) cruciais para profissionais de saúde e serviços de emergência em Gana. Além disso, foi possível viabilizar a compra de motocicletas para levar tratamento do HIV até comunidades locais que não puderam buscar atendimento presencial devido à COVID-19..

A marca da maçã também doou milhões de unidades de EPI ao Ministério da Saúde da Zâmbia, incluindo máscaras cirúrgicas da sua cadeia de fornecimento e protetores faciais feitos por eles mesmos.

Foto de Capa/Divulgação: Apple

Quer receber nossas dicas e notícias em primeira mão? É só entrar em um dos grupos do Curta Mais. Basta clicar AQUI e escolher.

Apple é proibida de vender Iphone sem carregador e condenada à multa milionária

A Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon), do Ministério da Justiça e Segurança Pública, determinou a suspensão da venda de celulares iPhones que estejam desacompanhados do carregador. As informações são do Metrópoles. Segundo a pasta, a venda do aparelho sem o produto para garantir carga à bateria se classifica como prática discriminatória sobre o consumidor.

 

No documento, o Ministério da Justiça solicitou a cassação do registro na Anatel dos smartphones da marca, a partir do iPhone 12, e determinou multa de R$ 12,3 milhões à Apple. Além de manifestar descontentamento com a justificativa da Apple quanto a venda separada do carregador. Segundo a Senacon, a Apple foi processada por “venda casada, venda de produto incompleto ou despido de funcionalidade essencial, recusa da venda de produto completo mediante discriminação contra o consumidor e transferência de responsabilidade a terceiros”.

 

Anteriormente, houveram outras multas aplicadas a empresa, ainda assim, a marca norte-americana continuou comercializando celulares sem carregadores. O Procon do Rio de Janeiro, por exemplo, multou a Apple no último dia 25 de agosto em R$ 12,2 milhões por vender celulares sem carregador.

 

O órgão entendeu que a prática é abusiva e pode ser considerada venda casada — quando o consumidor precisa comprar outro produto para que o aparelho funcione. Em maio deste ano, o Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJSP) condenou a empresa a entregar, em até 10 dias, um carregador do iPhone 12 para uma consumidora que comprou o aparelho celular em novembro de 2020.

 

 

Foto: Reprodução/ Unsplash

Iphone 14: Apple divulga data para lançamento do novo aparelho

A Apple confirmou nesta quarta-feira (24) que fará um evento no dia 7 de setembro, no Steve Jobs Theater, em Cupertino, na Califórnia (EUA). Como é praxe, a empresa deve apresentar a nova linha iPhone 14 durante a apresentação, que será transmitida ao vivo às 14h (horário de Brasília). Com informações do The Verge. 

 

A linha iPhone 14 provavelmente será a principal atração. Há rumores de que ele terá quatro versões: um iPhone 14 de 6,1 polegadas; um novo iPhone 14 Plus de 6,7 polegadas; um iPhone 14 Pro de 6,1 polegadas; e um iPhone 14 Pro Max 6.7. 

 

O convite do evento tem o slogan “Far Out” que pode ser traduzido como “bem longe” e traz a imagem de um céu estrelado, o que fez crescer os rumores de que entre as melhorias do novo modelo estará o modo noturno das câmeras – especulação que ainda não foram confirmadas pela empresa da maçã. 

 



 

Ainda em relação ao conjunto de câmeras, espera-se que a câmera principal dos aparelhos Pros receba um grande impulso para um sensor de 48 megapixels e especula-se que todos os quatro modelos do iPhone 14 tenham uma câmera frontal com foco automático melhorado para selfies. 

 

Outra possibilidade para a nova linha é a inclusão da comunicação via satélite, que chegou a ser especulada no ano passado antes do lançamento do iPhone 13, mas acabou não sendo incluída no modelo. 

 

Por enquanto, o que se sabe de real é que o iPhone 14 básico deve seguir com o processador A15 Bionic. Enquanto isso, os modelos Pro e Max, devem contar com um novo chip, o A16 Bionic. Além disso, os modelos Pro também devem perder o notch, que pode ser substituído por um recorte no formato de pílula.

 

Apple Watches, AirPods, iPads e Mac 

 

Além dos novos iPhones, a Apple também deve lançar o Apple Watch Series 8, nova versão do seu wearable. As especulações iniciais são de que o Series 8 deve ser parecido com o modelo anterior (Series 7), mas com o adicional de um sensor de temperatura corporal. Especula-se ainda de que a Apple já está trabalhando em novos fones de ouvido AirPods Pro e iPads. 

 

A empresa já disse também que um novo Mac Pro está sendo preparado, então há a possibilidade de novidades para esses produtos também no evento.

 

 

 

 

Foto: Reprodução

Apple é condenada a indenizar cliente de Goiânia que comprou Iphone sem carregador

A Apple foi condenada a indenizar uma consumidora de Goiânia em 5 mil reais por vender um modelo de iPhone e o carregador separadamente. Segundo a decisão do 6º Juizado Especial Cível de Goiânia, a marca realizou uma “venda casada”, prática abusiva proibida no Brasil.

Além da indenização, foi determinado que a empresa forneça, no prazo de 10 dias, contados da intimação, um carregador compatível com o modelo do aparelho de telefone informado na inicial.

Conforme declarou o juiz Vanderlei Caires Pinheiro, a venda separada de um acessório essencial para o funcionamento do produto é vista como uma “venda casada”. A prática força o consumidor a adquirir um item de fabricação exclusiva para ter a experiência completa do produto.

Na sentença, o juiz considera que houve venda casada (quando o consumidor só consegue adquirir um produto se também levar outro) pelo fato de que não é possível a utilização de uma entrada USB qualquer no carregador. Ele ainda alega que a prática comercial é abusiva e ilegal, atentando contra o Código de Defesa do Consumidor.

“Quanto ao adaptador do carregador, entretanto, restou incontroverso nos autos que o referido bico carregador do aparelho celular tem designer diferenciado, qual seja USB-C, de forma que não é possível a utilização de uma entrada de USB qualquer”, diz o magistrado.

A empresa deixou de incluir o adaptador de tomada em todos os seus celulares em outubro de 2020, após anunciar os novos iPhone 12, afirmando que a decisão faz parte de “seus objetivos ambientais”.

Na época, a decisão rendeu até memes nas redes sociais. A alegação, no entanto, é contestada pelo juiz em sua sentença:

“Não comporta cabimento de que tal medida busca diminuir os impactos ambientais, pois, a toda evidência, a requerida continua a fabricar tal acessório imprescindível, porém agora o vende separadamente”.

Outros casos

O Procon-SP multou a Apple em R$ 10,5 milhões por prática abusiva ao vender iPhones sem o carregador de energia em março de 2021. Em setembro e outubro do ano passado, o Procon-SP notificou a Apple por lançar novos celulares vendidos sem carregador na caixa.

 

O órgão de defesa do consumidor alegou que queria saber quais razões levaram as empresas a não incluir o carregador na embalagem e qual o custo do acessório quando vendido separadamente.

Apple e Samsung não convenceram com argumento ambiental para falta de carregadores, diz governo. Já em janeiro deste ano, o Procon Fortaleza informou que multou a Apple em R$ 10.372.500,00 pela venda de aparelho celular sem carregador.

A multa ocorreu depois que, em agosto do ano passado, agentes do Procon visitaram lojas no Centro e em shoppings da capital e constataram a prática.

 

*Agência O Globo

Imagem: Pixabay

Veja também:

Startup americana garante que a Lua terá Wifi em até dois anos

Cliente goiano que comprou Iphone sem carregador e fone será indenizado em R$ 5 mil pela Apple

A Apple Computer Brasil Ltda. e a Claro S.A foram condenadas a pagar indenização de R$ 5 mil a um consumidor goiano que comprou um iPhone 13 Pro Max 256 GB sem adaptador de carregador e fone de ouvido. As informações são do Jornal O Hoje.

A decisão é do Juiz Murilo Vieira de Faria, do 4º Juizado Especial Cível de Goiânia, que entendeu as ações da empresa como “venda casada”. Na análise do caso, o magistrado sobre esse crime.

A comercialização de bem durável sem item essencial para sua utilização, como é o caso do carregador e do fone de ouvido. Resultando, assim, em uma espécie de venda casada por via indireta, pois obriga o consumidor a adquirir os produtos separadamente, aumentando os lucros da empresa”, afirmou.

Segundo ele, a vendo iPhone sem o adaptador e fone fere o artigo 39, Código de Defesa do Consumidor (CDC), que define como prática abusiva condicionar o fornecimento de produto ou de serviço à compra de outro. Além da indenização por danos morais, a empresa deve restituir R$ 179,10 pago pelo cliente na aquisição do carregador e a enviar, sem custo, um fone de ouvido compatível com o aparelho.

A Claro S.A tentou requerer que fosse retirada do processo alegando que, de acordo com a Teoria da Aparência, o fornecer é que deve ser responsabilizado pela desinformação sobre os produtos e serviços.

 

Imagem: Pixabay

Apple é a primeira empresa do mundo a atingir US$ 3 trlhões em valor de mercado

A Apple começou ano com excelentes notícias: se tornou na última segunda-feira, 3 de janeiro,  a primeira empresa do mundo a atingir US$ 3 trilhões  em valor de mercado. O recorde veio após  41 meses da companhia ter chegado ao marco do US$ 1 trilhão.

 

As ações da empresa atingiram um recorde de US$ 182,88 no intraday da primeira sessão de 2022, para depois diminuírem a alta e fecharam com ganhos de US$ 182,01, totalizando assim um valor de mercado US$ 2,986 trilhões. A Apple agora representa 7% do índice S&P 500, segundo a Reuters Breakingviews.

 

A Apple compartilhou o clube dos US$ 2 trilhões em valor de mercado com a Microsoft, que agora vale cerca de US$ 2,53 trilhões. Alphabet, Amazon.com e Meta têm valor de mercado acima de US$ 1 trilhão cada.

 

“A chave para a avaliação da Apple continua sendo seu negócio de serviços, que acreditamos valer US$ 1,5 trilhão”, disse Daniel Ives, analista da Wedbush Securities. “Ser a primeira empresa a ingressar no clube de US$ 3 trilhões é um marco para o presidente, Tim Cook”, acrescentou.

 

As ações mais recomendadas para janeiro de 2022 (e para o ano)

A adoção pela companhia de tecnologias como 5G, realidade aumentada e virtual e inteligência artificial tem ajudado as ações da companhia a seguirem queridinhas do mercado.

 

O marco é principalmente simbólico, mas representa o reconhecimento dos investidores pelo sucesso da Apple nos últimos anos, já que a empresa relatou vários trimestres recordes de grande crescimento em todas as suas linhas de produtos. O fluxo de caixa da Apple também torna as ações um porto seguro em tempos de incerteza do mercado. A ação subiu 34% em 2021.

 

(com Reuters)

De celular a vibrador, confira os produtos do leilão da Receita Federal

O 5º Leilão de cargas apreendidas no Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas, interior de São Paulo, está disponibilizando Iphones a partir de R$ 360,00, Macbooks, Apple Watch além de produtos inusitados como vibradores, 10kg de fio dental e até 2,5 kg de cabelo humano e 22 perucas industrializadas.

 

Os objetos têm lance mínimo de R$ 260 e não podem ser adquiridos separadamente. De acordo com o edital deste leilão, as propostas de lances podem ser realizadas até às 21 horas do dia 29 de julho, e precisam ser retiradas pessoalmente no próprio aeroporto. 

 

O lote contendo um iPhone 11 e um iPhone X estão com valores iniciais a partir de R$ 1.500,00; iPhone SE 2020, disponível por lance inicial de R$ 360,00; MacBook Pro de 16” pelo preço inicial de R$ 2.600. Esse último item pode ter um desconto caso o interessado leve dois MacBooks por R$ 3.800,00.

 

Os 10 kg de fio dental estão em um lote com dezenas de itens para casa, como porta-retratos, papéis de parede e ventiladores de teto, que serão leiloados a partir de R$ 10.500,00. Enquanto o cabelo humano tem valor mínimo de R$ 3.200,00.

 

Os leilões da Receita Federal são feitos com objetos apreendidos por estarem em situação irregular no país ou abandonados. Esse procedimento já rendeu mais de R $ 2,6 bilhões nos últimos 10 anos. 

 

Os interessados ​​podem fazer o arremate pelo Sistema de Leilão Eletrônico (SLE), desenvolvido pelo Serpro.

Imagens: Reprodução Internet / Receita Federal

Veja também: Mergulhadores encontram cepa de levedura em garrafas de cerveja naufragadas

 

Turbina eólica portátil com preço de celular gera energia faça chuva faça ou sol

Pela 5° vez brasileira ganha destaque em desafio mundial da Apple

É penta! Pelo quinto ano consecutivo, a estudante Karina Tronkos, de 24 anos, ganhou destaque no desafio de programação Swift Student Challenge, criado pela Apple. A jovem está entre 350 alunos de vários lugares do mundo que tiveram seus trabalhos selecionados pela empresa.

O desafio é o seguinte: os competidores têm cerca de duas semanas para criar projetos de aplicativos utilizando a Swift, linguagem de programação desenvolvida pela Apple.

Questionada pela UOL sobre o segredo para chegar ao pentacampeonato, a estudante de ciência da computação da PUC-RJ (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro), afirmou a Tilt que sempre procura desenvolver projetos pensando na experiência do usuário, o que pode ter ajudado.

“Em vez de focar em mostrar que eu domino certa tecnologia, eu dedico boa parte do meu tempo refinando a minha ideia, o meu storytelling, e estruturando o que eu quero que os avaliadores sintam ao interagir com o meu projeto, o que eu quero que eles levem de aprendizado a partir dele”, explicou

O trabalho desenvolvido por Karina neste ano, que a levou ao penta,  fala sobre biomimética, uma área de estudo que visa se inspirar na natureza para desenvolver produtos e serviços mais eficientes e de forma sustentável.

Confiante no desempenho nos últimos cinco anos, Karina ainda não decidiu se tentará um hexacampeonato no desafio. Ela se forma na universidade no ano que vem, mas o plano não está descartado. 

Por conta da pandemia, em 2020 e 2021 a premiação de Karina foi diferente das quatro primeiras conquistas. Isso porque o vencedor da competição ganhava como prêmio ir pessoalmente à WWDC (Worldwide Developers Conference), a conferência anual de desenvolvedores da Apple. Nos últimos dois anos, o evento tornou- se 100% online por causa da pandemia de covid-19.

De acordo com a Apple, o Swift Student Challenge faz parte do programa Apple Developers Academy, presente no Brasil e em países como Índia, Alemanha e Turquia. Por aqui, o projeto está presente em dez cidades, entre elas Rio de Janeiro, São Paulo, Campinas e Recife.

A pentacampeã do desafio internacional quer inspirar mais mulheres a trabalhar com tecnologia. Para isso, ela criou o perfil Nina Talks, no Instagram, onde posta informações sobre a área, como bolsas de estudos, o impacto da tecnologia cognitiva no UX Design, como funciona o QR Code, entre outros

Atualmente, o perfil de Karina já possui mais de 80 mil seguidores e, segundo ela, possui três pilares: “educar, inspirar e empoderar”.

 
 
 
 
 
View this post on Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

A post shared by Nina Talks | UX Design e Tech (@nina_talks)



Apple anuncia mudanças voltadas para acessibilidade

Na semana em que se celebra o Dia Mundial da Conscientização sobre a Acessibilidade, a Apple anunciou algumas atualizações que facilitarão o uso de seus aparelhos por pessoas com deficiências motoras, visuais, auditivas e cognitivas. 

 

As melhorias vão permitir que os usuários controlem seu iPad com os olhos, e seu AppleWatch, o relógio da companhia, com pequenos gestos dos dedos e movimentos de abrir e fechar o punho, por exemplo. Apesar do foco das mudanças serem os portadores de necessidades especiais, uma vez lançadas, qualquer usuário poderá aderir às atualizações.

 

A empresa planeja ainda lançar uma função que permitirá aos usuários que escutem “barulhos de fundo” enquanto fazem uso do dispositivo, a fim de melhorar a concentração, o que visa melhorar a experiência de pessoas neuro divergentes, como portadores de autismo e dislexia. 

 

Outro novo serviço, disponível inicialmente nos Estados Unidos, Inglaterra e França, oferece intérpretes de linguagem de sinais, para pessoas surdas ou com audição limitada. 

 

Outra companhia que anunciou mudanças no mesmo sentido foi o Spotify, que atualizou alguns botões para facilitar o uso do aplicativo por pessoas com dificuldade de visão, e passou a oferecer a opção de aumentar a fonte no mesmo. 

Os novos produtos da Apple serão anunciados nesta terça e conta com grandes upgrades

Quando se fala em Apple pensamos logo nos Smartphones mais famosos do mundo, os Iphones, porém, a marca que registra anualmente uma meta de vendas e concorrência com as demais, este ano levará um pouco mais de tempo para o novo lançamento da versão 12, que deve vir com um design um pouco mais “retrô”.

Nos lançamentos deste ano que acontecem logo mais às 14h (horário de Brasília), hoje, terça-feira(15), a empresa apostou em seus acessórios, e a melhoria de cada um deles em detalhes específicos, como por exemplo o lançamento do novo ‘Apple Watch Series 6’. Este é um produto de luxo da marca e com certeza um dos que segue no topo dos queridinhos fãs da maçã. A nova versão contará com maior resistência à água, e a conexão com WiFi ganha um upgrade. Há indícios também de que os relógios altamente inteligentes da Apple poderão monitorar o oxigênio no sangue e contará com novas ferramentas relacionadas à saúde mental. Vamos aguardar as novidades logo mais.

Outros lançamentos

Apple One: Essa é uma nova modalidade da Apple, o pacote de assinaturas, que segundo rumores, deve unificar suas plataformas de compras e Apple Tv, assim como Amazon fez com a Prime Vídeo.

iPad Air

d5a67f638d8fa235cd0160656c34f5a2.jpg

O modelo ganha um novo design, deixando pra trás a entrada lightining, que segue como um modelo dos produtos anteriores, já modificado pela marca no iPad Pro, com atenção nas utilidades do tipo USB-C. Ele também ganha uma tela maior, sem botão, e bordas finas, e a grande curiosidade é o desbloqueio digital direto na tela.

Mais modernidade no sistema iOS

7b2b91e39d2340da6eea76832db00e1b.jpg

As novas atualizações devem chegar ainda em setembro, que mostrará destaque em apps como: datas no calendário, temperatura e previsão do tempo, favorecendo os detalhes na tela principal. Uma nova tela deve ser acrescentada para ganhar mais espaço e diminuir as quantidades de telas. E o boom da atualização é a nova versão da Siri que trará tradutor de conversação.

AirPods Studio

da85a56c6d1090793a33e2fd66e78045.jpg

Os sons também ganham uma nova exposição trazendo melhoria em sua qualidade, e fones bluetooth em duas novas versões de fones, sendo uma delas premium que ganha um design diferenciado, com revestimento em couro, e foco em exercícios físicos. É provável também que as novas versões ganhem cancelamento de ruídos, e os valores serão bem salgados no Brasil.

AirTag

841270e7b7189112ecc53c2921a8c19c.jpg

A marca lança novos dispositivos de rastreamento com possibilidade de conexão via bluetooth, e adivinha só, eles servirão para rastrear suas chaves, e até carteiras.

Home Pod

484b4b3bb35252551826e68d51533a9a.jpg

Este produto não ganha muito destaque, porém, será lançado em uma versão mais em conta, porém, ainda não disponível no Brasil, vamos ver se dessa vez chega por aqui.

Iphones, será?

ffaf1f4cf119694d2109a3cfbfdc9c16.jpg

É possível que a marca apresente algo sobre os Iphones, provável serem mostradas mudanças consideráveis, pois ganham dois novos protótipos de uma versão Pro mais em conta também, e todos com tela traseira de vidro.

Os design mudam, e ganham diferenciação entre eles, e também (se apresentados), haverá a possibilidade de novas cores, e o verde claro ganha novo tom de azul marinho. Todas as versões 12 serão 5G.

______________

Receba notícias do Curta Mais diretamente no seu WhatsApp (clique aqui)

SIGA O CURTA MAIS NAS REDES SOCIAIS

Facebook | Instagram | Twitter 

Impressions: conheça o aplicativo que te deixa com ‘cara’ de famoso

Definitivamente os ‘Deepfakes’ vieram pra ficar. Cada vez mais sofisticados, a tecnologia troca rostos e vozes em vídeos, fazendo você duvidar se aquilo é real ou não. Um bom exemplo para testar é o aplicativo ‘Impressions’, disponível para iOs.

Daniel Xavier é um dos jovens que estão fazendo sucesso utilizando filtro do aplicativo que deixa com rosto de famoso. Ele utiliza um que o deixa a cara de Justin Bieber. Nos vídeos, ele faz brincadeiras e finge ser de verdade o cantor.

Não deu outra: ganhou a internet e hoje é o maior sucesso.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Hoje o Justin Bieber cortou cabelo aqui no Brasil… #justinbieber #fy

Uma publicação compartilhada por HEY BRAZIL, TENKIO! (@danielxavierofc) em

Entretanto, o aplicativo nem sempre é utilizado para fins de entretenimento, visto que, com o seu crescente uso em conteúdo envolvendo fake news, a tecnologia foi proibida no Facebook.

Como funciona o Impressions: Abra o app, escolha uma celebridade e grave um pequeno vídeo com seu rosto. A gravação é carregada e você verá o resultado do seu rosto misturado com deepfake, tornando sua face como a da celebridade que você escolheu.

Outras opções de Deepfake

Uma nova plataforma chamada Doublicat criou um app que permite colocar o rosto do usuário em GIFs, somente usando a câmera do smartphone.

iPhone 11 chega ao Brasil com preço menor comparado a geração passada

A Apple atualizou seu site oficial no Brasil e confirmou não só a data de lançamento do iPhone 11 por aqui, como também quanto ele custará. Comparados com os celulares da geração passada, os novos iPhone ficaram mais baratos, os aparelhos chegam com valor menor do que no ano passado, quando o modelo mais caro chegou a custar quase R$ 10 mil.

Veja os preços da nova geração:

iPhone 11

  • 64 GB, por R$ 4.999
  • 128 GB, por R$ 5.299
  • 256 GB, por R$ 5.799

iPhone 11 Pro

  • 64GB, por R$ 6.999
  • 256GB, por R$ 7.799
  • 512GB, por R$ 8.999

iPhone 11 Pro Max

  • 64GB, por R$ 7.599
  • 256GB, por R$8.399
  • 512GB, por R$ 9.599

Veja as marcas que mais venderam Smartphones no mundo nos últimos 10 anos

O canal Arco, especializado em estatísticas sobre o Brasil e o mundo, fez um vídeo genial sobre como o mercado das fabricantes de smartphones mudou nos últimos anos. 

Dependendo da sua idade, talvez nem saiba o que era ter um Blackberry, e que em 2008 o mundo duvidou muito sobre a capacidade de Apple de fazer um celular competitivo com o mercado. 

Steve Jobs apresenta o iPhone 2G ao mundo em janeiro de 2007 - Kimberly White/Reuters

A iPhone não só foi revolucionário, mas praticamente aposentou as 3 grandes de 2008. Nokia, Motorola e Blackberry ainda existem, mas não são nem sombra do que já foram.

Mas a maior surpresa ainda vem por aí, porque uma marca Sul Coreana se reinventou e tomou da Estadunidense o título de lider deste mercado.

Assista o vídeo que você vai entender:

 

2f60fe1a65beeb3c57293c9c1194f409.png

Siga Curta Mais nas redes sociais:

Curta Mais no Facebook

Curta Mais no Instagram

Curta Mais no Twitter