Google oferece 15 cursos onlines gratuitos com certificados em diversas áreas

O Google oferece diversos cursos online (EAD) para quem busca aprimoramento no infinito mundo da tecnologia, usando a plataforma Eu Capacito, da IT Mídia, onde tem cursos online de diversas empresas e instituições, incluindo o Google.

Tempo vale ouro e o Google sabe disso, por isso a maioria cursos possuem apenas 1 hora de duração, sendo concluídos 100% online. Isso significa que você pode melhorar seu currículo na correria do dia a dia, mas para quem tem mais tempo de sobra existem cursos que chegam a 40 horas de duração, é perfeito para quem deseja aprimorar conhecimentos sem sair de casa.

Confira a lista completa com todos os cursos para decolar seu currículo:

1.Entenda os Primeiros Passos da Codificação (1 hora): Uma introdução ao mundo da programação e suas linguagens.

2.Gere Conteúdo para Promover sua Empresa (3 horas): Conquiste visibilidade nas redes sociais através do marketing de conteúdo.

3.Como Falar em Público (1 hora): Dicas e técnicas para melhorar sua oratória e apresentações.

4.Networking Eficiente (1 hora): Estratégias para construir uma rede de contatos sólida.

5.Transmita suas Ideias com Textos e Imagens (1 hora): Use storyboards e mapas mentais para engajar seu público.

6.Entenda os Conceitos Básicos do Aprendizado de Máquina (1 hora): Descubra como essa tecnologia pode impulsionar negócios.

7.Crie Confiança com a Autopromoção (1 hora): Aprenda a destacar suas conquistas e habilidades.

8.Empreender e Entender o Comportamento Web (1 hora): Análise estatística e comportamento online.

9.Empreender seu Negócio em Outros Países (1 hora): Estratégias para internacionalizar sua empresa.

10.Empreendedorismo com Foco em Dispositivos Móveis (1 hora): Táticas para campanhas mobile.

11.Empreendedorismo no seu Negócio Online (3 horas): Estratégias para marcar presença digital.

12.Cloud Onboard Online (8 horas): Conhecimentos em GCP, Big Data, Machine Learning e mais.

13.Melhore a Segurança da sua Empresa Online (1 hora): Princípios de segurança online para sua empresa.

14.Fundamentos do Marketing Digital (40 horas): Um mergulho no universo digital, ensinando desde o básico até a elaboração de campanhas eficazes.

15.Empreendendo para Ser Encontrado por Clientes (2 horas): Aprenda sobre motores de pesquisa e Google Search Console.

Palworld: novo jogo desperta o espírito da 5ª série e faz sucesso na web

Palworld, o mais novo lançamento nos games, já está disponível e está conquistando a comunidade gamer ao trazer de volta o espírito descontraído da 5ª série. Rapidamente o assunto se tornou um dos mais comentados da web e o mais pequisado do Google.

Desenvolvido como uma versão de “Pokémon, mas com armas”, o título oferece uma abordagem única e inovadora, atraindo a atenção dos aficionados por jogos de diversas idades.

O jogo, que mescla elementos de RPG, ação, sobrevivência e crafting, está atualmente em acesso antecipado, permitindo que os jogadores experimentem a novidade, embora alguns problemas na jogabilidade ainda possam estar presentes.

Vamos explorar mais sobre o Palworld, incluindo detalhes sobre o jogo, preços, plataformas e requisitos para rodar no seu PC.

 

A Essência de Palworld

Palworld: novo jogo desperta o espírito da 5ª série e faz sucesso na web

Foto: divulgação

Palworld, à primeira vista, pode lembrar Pokémon com suas criaturas únicas e batalhas. No entanto, as semelhanças param aí. No universo de Palworld, as batalhas não são apenas sobre poderes elementares, mas envolvem verdadeiras guerras de balas, com armas de diversos tipos.

Além das batalhas, os Pals, criaturas do jogo, podem ser utilizados para trabalhos forçados em fábricas e, em alguns casos, até sacrificados para obter vantagens durante as batalhas. Essa abordagem, claramente diferente de Pokémon, adiciona uma camada de complexidade ao jogo.

O componente de sobrevivência e crafting também é um destaque, onde os Pals desempenham papéis cruciais, como ajudar na coleta de materiais e recursos, realizar trabalhos agrícolas e muito mais.

Um aspecto interessante é o suporte para multijogador, permitindo que até quatro jogadores compartilhem o mesmo mundo, unindo seus Pals para enfrentar desafios e explorar juntos. Além disso, o jogo oferece servidores abertos com capacidade para até 32 jogadores, garantindo uma experiência dinâmica para quem busca interação social.

 

Acesso Antecipado e Futuras Atualizações:

Lançado em acesso antecipado, Palworld já apresenta mais de 100 tipos de Pals, com planos de expansão para incluir mais variedades, além de 70 construções e 350 itens diferentes. A desenvolvedora, Pocket Pair, tem o compromisso de manter o jogo dinâmico, revelando em breve um roteiro de atualizações para o primeiro ano após o lançamento.

O modo PvP (jogador contra jogador) está nos planos, mas não estará disponível inicialmente, pois a equipe está trabalhando para oferecer uma abordagem equilibrada e atraente.

Embora o Palworld não suporte inicialmente crossplay entre o Steam (PC) e o Xbox, a desenvolvedora está empenhada em adicionar esse suporte o mais rápido possível. Além disso, o jogo destaca que não segue a tendência pay-to-win e microtransações, proporcionando aos jogadores uma experiência justa.

 

Palworld Roda no Seu PC?

Para os entusiastas que desejam explorar o Palworld em seus PCs, é essencial verificar os requisitos mínimos e recomendados antes da compra para garantir uma experiência de jogo suave. Abaixo estão os requisitos:

 

Requisitos Mínimos:

  • Sistema Operacional: Windows 10 ou posterior (64-Bit)
  • Processador: i5-3570K 3.4 GHz 4 Core
  • Memória: 16 GB RAM
  • Placa de Vídeo: GeForce GTX 1050 (2GB)
  • Armazenamento: 40 GB disponíveis

Requisitos Recomendados:

  • Sistema Operacional: Windows 10 ou posterior (64-Bit)
  • Processador: i9-9900K 3.6 GHz 8 Core
  • Memória: 32 GB RAM
  • Placa de Vídeo: GeForce RTX 2070
  • Armazenamento: 40 GB disponíveis

Com suporte para modificações e o Steam Workshop, o Palworld oferece oportunidades para os jogadores mais criativos personalizarem e compartilharem suas experiências dentro do jogo.

 

Preço e disponibilidade

Para aqueles que estão ansiosos para explorar Palworld, o jogo está disponível para compra no PC através da Steam e na Microsoft Store, sendo compatível com computadores, Xbox One, Xbox Series S e X.

Além disso, o título faz parte do Xbox Game Pass em todas as plataformas, incluindo a opção de jogo via nuvem.

O preços são:

  • Steam: R$ 80,09
  • Xbox: R$ 112,45
  • Nuvem (Game Pass): R$ 49,99

Para quem ainda não assina o Game Pass e quer conferir o jogo por lá (e os outros do catálogo), uma opção interessante é pela loja brasileira Nuuvem, que está oferecendo um desconto de R$ 25 na assinatura com o cupom PALAMIGO. A assinatura de 3  meses da versão do Game Pass para PC, por exemplo, fica R$ 65 usando o cupom.

Startup goiana é selecionada em programa global do Google

Em um cenário tecnológico cada vez mais dominado pela inovação e pela inteligência artificial (IA), uma startup goiana tem motivos de sobra para comemorar. A Meliva.ai foi escolhida para integrar um seleto grupo de empresas no programa global Google Cloud for Startups, uma iniciativa que promete acelerar o crescimento das startups com soluções de ponta em nuvem, treinamentos e suporte especializado, além de oferecer benefícios significativos para startups focadas em IA.

Com a promessa de impulsionar negócios inovadores, o Google Cloud for Startups concedeu à Meliva.ai US$ 350.000 em créditos do Google Cloud para soluções de IA e nuvem, abrindo as portas para recursos avançados e possibilitando a expansão de operações com o apoio do gigante tecnológico. Além do aporte financeiro, a Meliva.ai receberá orientações técnicas, treinamentos e interação com uma comunidade global de investidores, especialistas e parceiros do Google Cloud.

Startup originalmente goiana

A Meliva.ai, fundada em Goiás, caminha lado a lado com as evoluções de IA deste ano, considerado por muitos um marco na história do desenvolvimento e aplicação dessa tecnologia. O ano de 2023 destacou a maturidade dos sistemas de IA e os investimentos crescentes por parte das empresas em busca de otimização e eficiência nos processos, além de melhores experiências para os usuários.

Especializada em ferramentas de IA para produção de conteúdo, a Meliva.ai se posiciona como uma pioneira no Brasil ao oferecer uma plataforma robusta que economiza até 95% do tempo na produção de textos, locuções com voz natural, vídeos com avatares e imagens exclusivas.

Tudo isso realizado por meio de recursos avançados de IA Generativa. A Meliva.ai integra os principais motores de IA da atualidade e agora terá acesso ás tecnologias mais avançadas do Google como a plataforma Gemini, considerada por especialistas superior até mesmo ao ChatGPT em seu motor mais poderoso.

A solução proporcionada pela Meliva.ai se destina a produtores de conteúdo que necessitam maximizar a produção sem sacrificar a qualidade.

A plataforma agiliza o processo criativo ao providenciar sugestões de palavras-chave, resumos, títulos, e até mesmo locuções e vídeos, todos enriquecidos pela colaboração dos mais avançados motores de IA disponíveis.

Avançando para o horizonte do Metaverso, a startup também investe na criação de avatares personalizados, incluindo avatares em 3D gerados a partir de selfies dos usuários, proporcionando uma identidade virtual única e possibilitando a interação em um universo paralelo repleto de oportunidades.

Meliva.ai e Google Cloud: a parceria de ”milhões”

Vandré Salles e Marcelo Albuquerque, respectivamente CEO e CMO da Meliva.ai (foto: divulgação)

A seleção no programa do Google é um ponto de inflexão para a Meliva.ai, que agora tem à disposição um ecossistema vasto e recursos que vão desde a infraestrutura do Google Cloud até o conhecimento técnico necessário para escalar suas soluções de IA. Este é apenas o começo para a empresa goiana que, apoiada por um dos maiores nomes da tecnologia, promete transformar a maneira como criamos e consumimos conteúdo digital.

Vandré Sales, CEO da Meliva.ai, disse que o contato com os engenheiros do Google é um dos principais destaques nessa parceria: “Ter acesso direto e mentoria dos engenheiros e especialista da própria Google é, sem dúvida, o maior benefício. Umas das engenheiras-chefe da gigante nos disse que agora somos startup estrelinha deles”, celebrou.

Marcelo Albuquerque, CMO da startup, só tem motivos para comemorar a parceria. ”A chancela do Google mostra que estamos no caminho certo e que a Meliva tem potencial de escala global”, comemora.

 

Veja também:

 

 

 

Confira o ranking do Google dos 10 destinos turísticos mais buscados pelos brasileiros em 2023

O Google apresentou insights valiosos sobre as preferências de viagem dos brasileiros ao longo de 2023. A análise abrangente, conduzida em parceria com o portal G1, considerou o período de janeiro até o início de dezembro, revelando que Rio de Janeiro, São Paulo e Porto Seguro conquistaram as três primeiras posições no ranking.

A pesquisa revelou uma distribuição geográfica diversificada entre os destinos mais buscados, com cinco cidades nordestinas, duas do Sudeste, duas do Sul do Brasil e uma internacional, situada nos Estados Unidos.

Destaque especial para Gramado, no Rio Grande do Sul, que conquistou a quinta posição no ranking.

 

Ranking dos 10 destinos mais buscados em 2023, segundo o Google:

 

Rio de Janeiro (RJ)

Confira o ranking dos 10 destinos turísticos mais buscados pelos brasileiros em 2023

Foto: Melhores Destinos

O Rio de Janeiro, conhecido como a “Cidade Maravilhosa”, é um ícone do turismo brasileiro. Abrigando a famosa Praia de Copacabana e o icônico Cristo Redentor no Morro do Corcovado, o Rio oferece uma mistura única de praias deslumbrantes, vida noturna animada e uma rica herança cultural.

Com eventos como o Carnaval e o Reveillon de Copacabana, a cidade atrai visitantes de todo o mundo em busca de experiências inesquecíveis.

 

São Paulo (SP)

Confira o ranking dos 10 destinos turísticos mais buscados pelos brasileiros em 2023

Foto: Melhores Destinos

Como a maior cidade do Brasil, São Paulo é um centro cultural e econômico vibrante. Conhecida por sua diversidade gastronômica, vida noturna agitada e eventos culturais, São Paulo oferece uma experiência urbana única.

Museus renomados, como o MASP, e bairros como Vila Madalena contribuem para a atmosfera cosmopolita dessa metrópole, que atrai tanto negócios quanto turismo de lazer.

 

Porto Seguro (BA)

Confira o ranking dos 10 destinos turísticos mais buscados pelos brasileiros em 2023

Foto: Conexão123

Porto Seguro, na Bahia, combina história e beleza natural de maneira encantadora. Marcado pelo descobrimento do Brasil em 1500, o município preserva o Centro Histórico, repleto de casarões coloniais.

Além disso, suas praias paradisíacas, como Trancoso e Arraial d’Ajuda, atraem turistas em busca de sol, mar e cultura. O axé e as festas populares são elementos vibrantes da vida noturna local.

 

Orlando (EUA)

Confira o ranking dos 10 destinos turísticos mais buscados pelos brasileiros em 2023

Foto: divulgação

Orlando, na Flórida, é sinônimo de magia e entretenimento. Lar dos parques temáticos da Disney e da Universal, a cidade atrai famílias e amantes de parques de diversões de todo o mundo.

Além dos parques, Orlando oferece uma variedade de opções de compras, restaurantes e eventos culturais. Um destino completo para quem busca diversão e experiências memoráveis.

 

Gramado (RS)

Confira o ranking dos 10 destinos turísticos mais buscados pelos brasileiros em 2023

Foto: Melhores Destinos

Gramado, no Rio Grande do Sul, encanta com sua arquitetura europeia e clima ameno. Conhecida por festivais como o Natal Luz, a cidade proporciona uma atmosfera romântica e acolhedora.

Além dos eventos, os visitantes podem explorar a Rua Coberta, o Lago Negro e degustar as delícias da culinária local. Gramado é um destino ideal para casais e famílias em busca de tranquilidade.

 

Fortaleza (CE)

Confira o ranking dos 10 destinos turísticos mais buscados pelos brasileiros em 2023

Foto: Viaje na Viagem

Fortaleza, no Ceará, é um paraíso tropical conhecido por suas praias de águas cristalinas e clima quente. A Praia de Iracema e a Praia do Futuro são destinos populares para os amantes do sol e do mar.

Além das belezas naturais, Fortaleza oferece uma rica cena cultural, com artesanato, música e dança, representando a vibrante cultura nordestina.

 

Salvador (BA)

Confira o ranking dos 10 destinos turísticos mais buscados pelos brasileiros em 2023

Foto: KAYAK

Salvador, na Bahia, é um tesouro histórico e cultural do Brasil. Com sua arquitetura colonial, o Pelourinho é Patrimônio da Humanidade.

A cidade preserva a herança afro-brasileira em sua culinária, música e festas como o Carnaval, sendo um destino essencial para quem busca imersão na rica história e cultura brasileira.

 

Curitiba (PR)

Confira o ranking dos 10 destinos turísticos mais buscados pelos brasileiros em 2023

Foto: HCC Hotels

Curitiba, no Paraná, destaca-se por sua abordagem inovadora e sustentável. Com seus parques bem cuidados, como o Jardim Botânico, e uma infraestrutura urbana eficiente, a cidade proporciona uma experiência única.

Museus, como o Museu Oscar Niemeyer, e a gastronomia diversificada contribuem para a atmosfera cultural e cosmopolita de Curitiba.

 

 

Ipojuca (PE)

Confira o ranking dos 10 destinos turísticos mais buscados pelos brasileiros em 2023

Foto: Guia do Turismo Brasil

Ipojuca, em Pernambuco, é um verdadeiro paraíso tropical. Conhecida pela famosa Praia de Porto de Galinhas, eleita diversas vezes como uma das melhores praias do mundo, a cidade atrai visitantes com suas águas cristalinas, piscinas naturais e recifes de corais.

Ideal para quem busca tranquilidade e contato direto com a natureza.

 

Maceió (AL)

Confira o ranking dos 10 destinos turísticos mais buscados pelos brasileiros em 2023

Foto: em algum lugar do mundo

Maceió, em Alagoas, é um destino de litoral deslumbrante e rica cultura local. Suas praias, como Pajuçara e Ponta Verde, são conhecidas pela areia fina e águas calmas.

A cidade também oferece uma experiência cultural única, com suas feiras de artesanato, culinária regional e festas tradicionais. Maceió é um convite ao relaxamento e à imersão na autenticidade nordestina.

 

A diversidade regional do Brasil reflete nas escolhas dos viajantes, destacando a riqueza turística em diferentes partes do país.

Entre as cidades mais procuradas, a efervescência cultural, as belezas naturais e a diversidade de experiências contribuíram para o interesse crescente dos usuários do Google.

 

Tópicos em evidência na busca do Google em 2023

Além dos destinos turísticos, a retrospectiva anual do Google, divulgada no início deste mês, trouxe à tona os eventos e tópicos que capturaram a atenção dos usuários ao longo do ano.

A Copa do Mundo feminina, o desaparecimento do submarino Titan e o conflito em Israel e Gaza foram alguns dos temas que registraram os maiores aumentos de interesse.

Ao analisar esses dados, percebemos que os brasileiros, além de buscarem destinos encantadores, também estiveram ávidos por informações sobre eventos globais, mostrando uma ampla gama de interesses entre os usuários.

 

 

Google revela os termos mais buscados de 2023 no Brasil

O Google lançou, nesta semana, a lista dos termos mais buscados em 2023. Tudo que foi pesquisado revela o que mais chamou atenção durante o ano, desde coisas divertidas até política, esportes e famosos.

Os rankings mostram o que as pessoas do mundo todo e aqui no Brasil mais pesquisaram, com algumas coisas parecidas e outras bem diferentes entre os dois. Dá uma olhada nos resultados principais e nas categorias que foram divulgadas.

O que mais o povo brasileiro buscou no Google em 2023

Por aqui, a política ficou bem em alta o ano todo, muito por conta das eleições de 2022 e a transição de governo. Personalidades políticas e não políticas dominaram as pesquisas no Brasil em 2023. Artistas e pessoas da midia também marcaram presença na lista.

Neste ano, o Google trouxe umas categorias especiais só pro Brasil,  um exemplo é aquela famosa pergunta “O que é…?”, se tornando uma categoria. As modinhas das redes sociais, com tutoriais e explicações que todo mundo quis saber.

Google lança ferramenta de Inteligência Artificial que busca viagens e voos mais baratos

O Google Flights lançou um novo recurso que ajuda a encontrar passagens aéreas mais baratas. Trata-se de uma inteligência artificial (IA) que rastreia os preços dos bilhetes e avisa aos usuários quando é a melhor hora de comprar. A novidade chegou em meio às polêmicas envolvendo a agência de viagens 123 Milhas, que cancelou pacotes da linha “Promo” de inúmeros clientes e causou revolta na Internet. Com dívidas de R$ 2,3 bilhões, a empresa entrou com processo de recuperação judicial.

Com a nova ferramenta, é possível identificar se os valores estão abaixo ou acima da média e até monitorar preços durante períodos específicos. Veja, a seguir, como usar a IA do Google Voos.

Como encontrar passagens mais baratas com o Google Flights

Passo 1. Acesse o site Google Flights (google.com/travel/flights);

passo

Passo 2. Preencha os campos “Para onde?”, “Partida” e “Volta” com o local de destino, data de partida e de retorno;

passo

Passo 3. Observe que, ao escolher as datas, o site já oferece estimativa de preços no calendário, auxiliando na escolha da melhor data. Ao finalizar, clique em “Concluído”;

passo

Passo 4. Use os filtros para selecionar quantidade de escalas, companhias aéreas, bagagens, faixa de preços e outros. Em seguida, clique em “Pesquisar”;

passo

Passo 5. Veja os melhores voos selecionados no topo da tela;

passo

Passo 6. Role a tela e clique em “Ver histórico de preços” para descobrir se os valores nesta época estão baixos, normais ou altos. Aqui, observe as recomendações da inteligência artificial;

passo

Passo 7. Ou mais abaixo, veja outras opções de voos de ida;

passo

Passo 8. No topo da página, é possível monitorar os preços na data selecionada ou em qualquer data, basta ativar o recurso para ser notificado por e-mail;

passo

Passo 9. Clique em “Calendário” para ver as variações de valores por data;

passo

Passo 10. Modifique a data de partida e volta, caso desejar;

passo

Passo 11. Na aba “Gráfico de preços”, confira a variação de valores em um gráfico.

passo

 

*Fonte: Tech Tudo

 

 

Quer receber nossas dicas e notícias em primeira mão? É só entrar em um dos grupos do Curta Mais. Basta clicar AQUI e escolher.

 

Bard: inteligência artificial do Google já está disponível

O Google anunciou oficialmente, nesta quinta-feira, dia 13, o lançamento do Bard no Brasil. Trata-se de um chatbot baseado em inteligência artificial (IA) generativa, que agora está disponível em português brasileiro, além de oferecer novos recursos, como um botão de pesquisa integrado e a capacidade de transformar o conteúdo em links compartilháveis.

A partir de agora, o Bard está disponível em 40 idiomas, incluindo árabe, chinês, alemão, hindi e espanhol, expandindo seu alcance global. Além disso, a ferramenta de IA generativa foi lançada em 27 países da União Europeia.

De acordo com o Google, o Bard é ainda considerado um experimento e pode apresentar erros. Ao abrir a página do Bard, os usuários são alertados sobre os riscos de obter respostas falsas. No entanto, a empresa acredita que os feedbacks dos usuários ajudarão a aprimorar as respostas problemáticas ao longo do tempo, enfrentando assim um desafio comum em chatbots.

Diferenças entre o Bard e o ChatGPT

Enquanto o ChatGPT é uma base de dados que abrange até 2021, o Bard tem acesso direto ao Google. Ambos os chatbots possuem uma barra lateral que permite fixar, nomear e salvar conversas.

As respostas do Bard contam com um botão que direciona diretamente para a pesquisa no Google sobre o tema em questão. Além disso, as respostas podem ser lidas em voz alta.

Com a recente atualização, agora é possível transformar as respostas em links compartilháveis, permitindo que os usuários enviem trechos específicos ou a conversa completa para outras pessoas. Em breve, o Bard terá quatro opções adicionais para modificar as respostas de maneira mais rápida. Essas opções incluirão versões mais curtas, longas, casuais e profissionais do texto. No entanto, essa funcionalidade está disponível apenas em inglês no momento.

Outra novidade é a integração do Bard com o Google Lens, permitindo que o chatbot analise imagens. Porém, essa função está disponível somente em inglês.

O que é o Bard?

O Bard é um chatbot alimentado por inteligência artificial que utiliza técnicas de aprendizado de máquina e redes neurais para criar e gerar novos conteúdos. Ele é baseado em um grande modelo de linguagem chamado LLM (Large Language Models), uma versão otimizada do LaMDA, segundo o Google. O Bard será atualizado com modelos mais avançados ao longo do tempo.

Como acessar

O Bard pode ser acessado pelo site bard.google.com, através do navegador de um computador ou celular. Para utilizar o chatbot, é necessário fazer login com uma conta do Google. Após o login, basta digitar um comando e explorar os diversos tópicos nos quais o Bard pode ajudar.

Após receber uma resposta do Bard, os usuários também têm a opção de complementar a pesquisa de forma independente clicando no botão de “Busca do Google”.

Como interagir

Assim como no ChatGPT, basta fazer uma pergunta ao Bard. É possível escrever de forma mais natural, sem a necessidade de comandos específicos. Existem algumas dicas para tirar melhor proveito do Bard, como a de falar com a inteligência artificial da mesma forma como se falaria com uma pessoa. É recomendado fornecer informações relevantes e contextuais em seu prompt (comando ou entrada) para obter respostas mais direcionadas.

 

 bard

 

Veja também:

Os segredos para economizar a bateria do seu celular que nem os fabricantes contam

Empresa pretende colocar carros voadores para circular em Goiânia

 

Quer receber nossas dicas e notícias em primeira mão? É só entrar em um dos grupos do Curta Mais. Basta clicar AQUI e escolher.

Corra e faça backup: Fotos serão deletadas dos álbuns do Google em julho

Na última segunda-feira (19), a Google anunciou aos seus usuários que que a Big Tech está encerrando o suporte do Album Archive, backup de imagens de serviços mais antigos e extintos — como Picasa e Hangout. Os usuários podem salvar o álbum de fotos antigas até o dia 18 de julho.

Como explicou o Google em seu site oficial, imagens que só estão presentes no Album Archive serão removidas no dia 19 de julho. Ao acessar o serviço de fotos, você verá uma mensagem informando que todas as imagens que aparecem serão apagadas.

A orientação para manter os registros seguros é buscar pelo serviço Google Takeout. Por ele, é possível efetuar o download de todas as imagens, permitindo que a nova função salve os arquivos apenas uma vez, o que pode facilitar a vida de muitos usuários.

É importante destacar que os conteúdos do Hangouts podem ter sido movidos para o chat do Google. Portanto, Essa não é a única ação da empresa relacionada à exclusão ou descontinuação de algum serviço.

No mês passado, a empresa anunciou que e-mails e perfis do gmail que estão dois anos ou mais sem uso também serão desativados.O objetivo é garantir a segurança dos usuários, uma vez que contas inativas são mais vulneráveis e alvos de golpistas, que trabalham com roubo de identidade e até mesmo com disseminação de spam.

 

YouTube: história de criação da plataforma é fascinante e você precisa conhecer

O YouTube é uma das plataformas de compartilhamento de vídeos mais populares do mundo, com mais de 2 bilhões de usuários ativos mensais. Mas você já parou para pensar como tudo começou? A história por trás da criação do YouTube é fascinante e vale a pena conhecer.

Tudo começou em fevereiro de 2005, quando três ex-funcionários do PayPal, Chad Hurley, Steve Chen e Jawed Karim, notaram que não havia uma plataforma fácil e acessível para compartilhar vídeos na internet. Eles tiveram a ideia de criar o YouTube como uma maneira simples e rápida de compartilhar vídeos pessoais com amigos e familiares.

O primeiro vídeo carregado no YouTube foi um vídeo amador de Jawed Karim intitulado “Eu no zoológico”, onde ele falava sobre elefantes. O vídeo foi publicado em 23 de abril de 2005 e ainda está disponível no site.

Nos primeiros meses, o YouTube teve um crescimento lento, mas constante. O grande ponto de virada aconteceu em dezembro de 2005, quando um vídeo intitulado “Lazy Sunday” do programa Saturday Night Live se tornou viral. O vídeo foi assistido milhões de vezes em poucos dias e tornou-se um marco na história do YouTube.

Em novembro de 2006, o Google adquiriu o YouTube por US$1,65 bilhão. Desde então, o site tem crescido exponencialmente, com milhões de usuários carregando e assistindo a vídeos todos os dias.

A história por trás da criação do YouTube é fascinante e mostra como uma ideia simples pode se transformar em uma das maiores plataformas de compartilhamento de vídeos do mundo. O sucesso do YouTube é resultado da visão de três amigos que perceberam uma necessidade e criaram uma solução para ela.

Créditos da imagem de capa: Neil Patel

Quer receber nossas dicas e notícias em primeira mão? É só entrar em um dos grupos do Curta Mais. Basta clicar AQUI e escolher.

Inteligência artificial promete acabar com império Google (e eles estão preocupados)

A administração do Google teria emitido um “código vermelho” para os negócios de mecanismos de busca da empresa em meio ao lançamento do chatbot experimental ChatGPT criado pelo laboratório de pesquisa de inteligência artificial OpenAI. As informações são do Yahoo Notícias.

Desde o seu lançamento, o AI chatbot levou a especulações de que poderia revolucionar vários setores e até mesmo substituir ferramentas como o mecanismo de busca do Google por sua capacidade de entender e gerar respostas semelhantes às humanas para uma variedade de consultas.

Sundar Pichai, CEO do Google, participou de várias reuniões sobre a estratégia de IA do Google e instruiu vários grupos da empresa a reorientar seus esforços para enfrentar a ameaça que o ChatGPT representa para seus negócios de mecanismo de pesquisa, de acordo com um memorando interno e gravação de áudio analisados ​​pelo The Times.

Em particular, as equipes da divisão de pesquisa, confiança e segurança do Google, entre outros departamentos, foram orientadas a mudar de marcha para auxiliar no desenvolvimento e lançamento de protótipos e produtos de IA, informou o The Times. Alguns funcionários foram encarregados de criar produtos de IA que geram arte e gráficos, semelhantes ao DALL-E da OpenAI, usado por milhões de pessoas, de acordo com o The Times.

O movimento do Google para construir seu portfólio de produtos de IA ocorre enquanto funcionários e especialistas do Google debatem se o ChatGPT – administrado por Sam Altman, ex-presidente da Y Combinator – tem o potencial de substituir o mecanismo de pesquisa e, por sua vez, prejudicar a receita publicitária do Google. modelo de negócios.

Sridhar Ramaswamy, que supervisionou a equipe de anúncios do Google entre 2013 e 2018, disse que o ChatGPT poderia impedir os usuários de clicar em links do Google com anúncios, que geraram US$ 208 bilhões – 81% da receita total da Alphabet – em 2021, informou o Insider .

O ChatGPT, que acumulou mais de 1 milhão de usuários cinco dias após seu lançamento público em novembro, pode gerar respostas singulares para consultas de maneira conversacional e humana, coletando informações de milhões de sites. Os usuários pediram ao chatbot para escrever um ensaio universitários, fornecer conselhos de codificação e até servir como terapeuta.

 

Quer receber nossas dicas e notícias em primeira mão? É só entrar em um dos grupos do Curta Mais. Basta clicar AQUI e escolher.

Foto de capa: Banco de Imagens

Nova tecnologia do Google vai traduzir ”letra de médico”

Para acabar com o pesadelo de pacientes do mundo todo, o Google está desenvolvendo uma inteligência artificial (IA) que decodifica a escrita dos médicos em receitas. A ferramenta será integrante do serviço Lens, que já faz a leitura de textos em imagens.

O anúncio foi realizado pelo Google, na última segunda-feira (19), em uma apresentação na Índia. De acordo com a gigante da tecnologia, o projeto está sendo tocado junto com farmacêuticos, que são os profissionais que conseguem entender a caligrafia dos doutores e doutoras.

O uso da ferramenta será bastante simples. O paciente terá que tirar uma foto da receita com o celular, a imagem será processada e a IA fará a análise das palavras, indicando o remédio ou procedimento que foi recomendado pelo médico.

Sanjay Chopra, um farmacêutico indiano que está trabalhando com o Google na Índia, explicou as técnicas utilizadas para reconhecer o que está escrito na receita. Ele argumentou que normalmente quem trabalha na farmácia identifica o diagnóstico do paciente, quando está escrito, e depois já consegue direcionar a leitura da medicação indicada.

“Nós normalmente vemos a primeira e a última letra. E nós tendemos a reconhecer medicações comuns para alguns tipos de doenças, como antibióticos. Com a experiência adquirida com o tempo, nós também aprendemos o estilo de escrita de um médico”, pontuou.

Apesar de apresentar a iniciativa, o Google não informou quando a ferramenta chegará ao mercado.

 

 

*Fonte: Tecmundo

Google anuncia 500 mil bolsas de estudo para jovens estudantes

O Google anunciou que, até 2026, vai distribuir 500 mil bolsas de estudo para a formação de jovens em “áreas de atuação altamente demandadas pelo mercado de trabalho”. Segundo a empresa, as bolsas serão para a formação de profissionais em suporte de Tecnologia da Informação (TI), análise de dados, gerenciamento de projetos e design UX (User Experience ou experiência do usuário).

A empresa pretende destinar duas mil dessas bolsas a pessoas que se autodeclaram transexuais. A expectativa é de que a medida favoreça a inclusão social deste grupo no mercado de trabalho.

Em nota, a Google informou que os jovens que não estão estudando no momento também poderão disputar as vagas. “O processo de inscrição e seleção ocorrerá através do aplicativo do CIEE ONE (plataforma 100% gratuita), e os escolhidos serão acompanhados por uma monitoria exclusiva, que os auxiliará a concluir as certificações”, explicou a empresa.

Todos os cursos foram criados pelo Google e estão hospedados na plataforma de educação da Coursera. “São cerca de 800 horas de aulas, considerando as quatro titulações juntas, com certificação, visando o preparo dos estudantes para ingresso em postos de trabalho no campo em constante crescimento profissional da tecnologia”, acentuou.

Empregabilidade trans

Na avaliação do Google, o Brasil tem “aprendido muito com a inserção de pessoas trans nos espaços de mídia e cultura popular”. A empresa utiliza, como exemplo dos avanços observados no país, o respeito aos pronomes e o direito de retificação de nome.

“Temos muito a melhorar, mas, ao menos, alguma evolução já é percebida”, ponderou a empresa ao afirmar que, no que se refere a mercado de trabalho, não se observa progressão na mesma velocidade.

“Estima-se que 90% da população trans no Brasil têm o mercado informal como fonte de renda e única possibilidade de subsistência. São milhões de pessoas que vivem uma condição de vulnerabilidade extrema devido à falta de uma oportunidade de emprego”, finalizou.

 

*Agência Brasil

Imagem: Reuters / Arnd Wiegmann

“Pode beber após a vacina?” foi a pergunta mais buscada por brasileiros no Google em 2021

Nesta segunda-feira (17/1), completa-se 1 ano desde que a primeira vacina contra a Covid-19 foi aplicada no Brasil, na enfermeira Mônica Calazans, em São Paulo. Desde então, cresce cada vez mais a busca dos brasileiros sobre temas relacionados aos imunizantes.

Um levantamento realizado pelo Google Brasil aponta que a pergunta mais pesquisada na plataforma sobre imunizantes nos últimos 12 meses foi: “Pode beber depois da vacina?”.

De acordo com a empresa, os estados que mais procuraram respostas para a questão foram Sergipe, Paraíba, Pernambuco, Espírito Santo e Rio Grande do Norte.

A dúvida sobre ingerir bebida alcoólica após a vacinação foi 36% mais pesquisada que a pergunta que ocupa o segundo lugar no ranking: “Qual a melhor vacina?”. Em seguida na lista, aparece a questão: “Onde tomar vacina?”.

 

Veja a lista de perguntas mais buscadas sobre vacina no Brasil nos últimos 12 meses:

Pode beber depois da vacina?

Qual a melhor vacina?

Onde tomar vacina?

Onde tem vacina?

Quando vou ser vacinado?

O que é logradouro?

Qual a melhor vacina para Covid?

O que são imunossuprimidos?

O que é comorbidade?

Qual a vacina da Fiocruz?

O que são puérperas?

O que é vacina?

Quem teve Covid pode tomar vacina?

Pode tomar vacina Covid gripado?

Como se cadastrar para tomar vacina?

Como fazer o cadastro da vacina?

Quais são as vacinas do Covid?

O que é pessoa institucionalizada?

Quais vacinas estão sendo aplicadas no Brasil?

Como está a vacinação no Brasil?

 

Temas e termos mais frequentes

“Apesar da vacinação contra a Covid-19 ter sido objeto de controvérsia, desde o início da vacinação, o que os brasileiros quiseram mesmo saber no Google foi de ordem prática, com predominância de termos relacionados a agendamento, cadastro e calendário de imunização”, informou o Google.

Das 100 frases mais pesquisadas sobre os imunizantes, 44 foram sobre aspectos práticos, como local da vacinação, calendário de imunização e lista de comorbidades.

Segundo o Google, dentre os termos mais buscados sobre vacinas, as categorias com maior destaque foram “agendamento”, “cadastro” e “calendário”. “Juntas, essas três áreas representaram 18 dos 50 termos mais pesquisados sobre vacina no país nos últimos 12 meses”, informou a plataforma.

Para chegar aos resultados, a empresa analisou as 100 perguntas e os 50 termos mais buscados sobre o imunizante, a partir de uma amostra de mil termos.

 

Mas afinal, pode ou não beber após a vacina?

O que se sabe é que o álcool pode “retardar” a velocidade da resposta contra infecções por até 24 horas após sua ingestão, e isso resulta em maiores chances de complicações e dificuldade na recuperação em caso de adoecimento. Mas a literatura especializada é clara: todos esses dados dizem respeito apenas ao abuso, excesso ou uso crônico de bebidas alcoólicas.

A interação de fármacos com o álcool pode estar presente nas bulas de alguns medicamentos. No caso das vacinas hoje disponíveis no país —AstraZeneca, CoronaVac, Janssen e Pfizer— não existe qualquer indicação expressa desse possível efeito, e nem mesmo a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) emitiu orientação nesse sentido.

 

Imagem: Reprodução

Veja também:

Marília Mendonça foi o nome mais buscado no Google Brasil em 2021

Empresa cria Vale do Silício Brasileiro para incentivar a cultura do empreendedorismo e inovação

Você sabia que o empreendedorismo é o 4º maior sonho dos brasileiros? Quem disse isso foi um recente relatório do Global Entrepreneurship Monitor (GEM), que estuda o comportamento econômico e tecnológico pelo mundo. No entanto, as oportunidades de conhecimento ainda engatinham por aqui, mesmo frente a um número incrível de 49 milhões de empreendedores nas cinco regiões do País.

Contudo, a demanda de pessoas ávidas por se tornarem empreendedoras se tornou a razão da existência da Silicon Valley Brasil, uma empresa que fomenta a imersão internacional e o intercâmbio entre os veteranos de sucesso e iniciantes que desejam inovar e ressignificar. Ela foi Fundada em 2016 por J.R Azambuja e José Motta, e já levou mais de 700 pessoas apaixonadas pelo DNA da inovação evolutiva para os principais ecossistemas do mundo, estreladas por Google, Apple, Netflix, Facebook, Universidade de Stanford,  Berkeley, Santa Clara e outras.

Se você não sabe quem está por trás ou nunca ouviu falar da Silicon Valley Brasil, certamente já se deparou com o trabalho de seus fundadores. Azambuja já realizou trabalhos para grandes empresas conhecidas como Nike do Brasil, Fifa, Conmebol, Petrobras, Octagon e Banco do Brasil, só para citar algumas, como designer de marketing esportivo. Justamente uma das paixões que move o sangue brasileiro. Em 2016, criativo e cheio de ideias na cabeça, avistou a possibilidade de ir ao Vale do Silício nos Estados Unidos para consumir altas doses de empreendedorismo e tecnologia. Por lá, se apaixonou e decidiu mudar de vida, começando um novo ciclo. Foi assim que surgiu a SVB.

 “Criei um projeto para conectar brasileiros com países de potencial crescimento e para que eles pudessem se preparar para este mercado novo que estava por vir. Então, estruturei a SVB – Silicon Valley Brasil, que é uma empresa que permite essa conexão para aprenderem com a cultura de inovação, de tecnologia de empreendedorismo, fatores que me fizeram chegar pela primeira vez nesta terra repleta de sabedoria”, declara.

E o Prof. José Motta, diretor de educação da SVB, entusiasta em inovações educacionais, palestrante, autor e referência em aprendizagem ativa na esfera de formação docente. Mestre em Tecnologias Emergentes em Educação (MUST University – USA), o Prof. Motta possui experiência de mais de 25 anos no âmbito da educação, tendo atuado como docente no Ensino Médio (Física) e no Ensino Superior (Engenharias), como diretor de escolas, diretor de campus, coordenador de curso e empreendedor na área educacional. Além de coordenar os projetos educacionais da SVB, é co-founder da Moonshot Educação e advisor de diversos programas educacionais ao redor do mundo.  “Nosso propósito nos projetos internacionais da Silicon Valley Brasil é transformar as pessoas para que possam mudar, para muito melhor, o mundo ao seu redor”, ressalta Motta.

e5fb88acc5709ee5ba45dc9f1708bf28.jpeg

Mirando o futuro

As imersões que duram em torno de 7 dias, com palestras, jantares, workshops, treinamentos, certificações e muito networking, são ótimas fontes para educadores, gestores e CEOs de grandes organizações, no que se refere à viverem 100% o que seria a inovação na prática.  .  

Mesmo diante de um cenário pandêmico, as buscas por cohecimento não pararam, e a meta da empresa brasileira é de triplicar o movimento para 2022. No site da entidade, já há imersões programadas para os Estados Unidos, Portugal, Dubai, Israel e Finlândia. Todas com contagem regressiva e poucas vagas. Tudo para não haver ruído no aprendizado de imersão.

Para quem não sabe falar inglês, o idioma não é uma barreira. Pelo contrário, Azambuja sabe que, apesar de conceituado, muita gente não sabe ou tem o inglês fluente. Por esta razão, sua equipe traduz tudo o que é falado durante o programa, seja em qual país for:

8ce6bb16636c2a04985d98c386776e7b.jpeg

Sobre a Silicon Valley Brasil

A Silicon Valley Brasil (SVB) é uma empresa que atua na área de imersões pelo mundo desde 2016. Já atendeu mais de 700 pessoas com diferentes níveis de cargos e funções, como executivos, gestores e educadores. Visando oferecer o máximo de aprendizagem e inovação, a SVB cria experiências exclusivas e totalmente personalizadas nos principais ecossistemas do mundo: Vale do Silício, Finlândia, Portugal, China, Israel e Emirados Árabes Unidos. A SVB é especialista em permitir integralmente o conteúdo para todos os empreendedores interessados. O seu principal diferencial é tornar possível a entrega de uma experiência internacional de forma única, humanizada, que faça sentido para cada participante e para o seu negócio e que, principalmente, o conecte às principais transformações do mundo.  

  

#publipost

Marília Mendonça é o nome mais buscado no Google Brasil em 2021

O nome da cantora Marília Mendonça foi o termo mais buscado no Google em 2021, no Brasil. A plataforma de pesquisa divulgou, nesta quarta-feira (8), os nomes que são “campeões de audiência” no país e no mundo. Na categoria “mortes”, que abrange pesquisas feitas em todo o planeta, a artista aparece em 3º lugar.

A letra da música Estrelinha, gravada por ela com a dupla Di Paullo e Paulino, também está entre os mais buscados na categoria letras de músicas.

 

A artista aparece em uma terceira categoria de termos mais buscados: a de mortes. A cantora morreu em 5 de novembro deste ano na queda do avião em que ela estava a caminho de um show, em Caratinga (MG). Ela tinha 26 anos e deixou o filho Léo Mendonça Huff, de 1 ano.

 

O nome do criminoso Lázaro Barbosa, que era suspeito de matar quatro pessoas de uma família e fugir por 20 dias na zona rural de Goiás, ocupa o 10º lugar dos termos mais buscados no Brasil. Na categoria de “mortes”, ele aparece em 3º lugar.

 

Buscas do ano:

1.    Marília Mendonça

2.    Eurocopa

3.    Palmeiras

4.    Libertadores

5.    Brasileirão

6.    Corinthians

7.    Copa do Brasil

8.    Mc Kevin

9.    Copa América

10. Lázaro Barbosa

 

ACONTECIMENTOS:

 

1)    Olimpíadas 2021;

2)    Vacina COVID-19;

3)    WhatsApp fora do ar;

4)    Caso Henry Borel;

5)    Caso Lázaro;

6)    Afeganistão;

7)    Lockdown;

8)    Queda do avião de Marília Mendonça;

9)    Foguete chinês;

10) Greve dos caminhoneiros.

 

Passings (categoria mundial):

1     DMX

2     Gabby Petito

3     Marília Mendonça

4     Prince Philip

5     Brian Laundrie

 

 

Mortes:

 

  1. Marília Mendonça
  2. MC Kevin
  3. Lázaro Barbosa
  4. Paulo Gustavo
  5. Bruno Covas
  6. Tarcísio Meira
  7. Eva Wilma
  8. Agnaldo Timóteo
  9. Major Olímpio
  10. Cristiana Lôbo

 

FILMES:

1) Eternos;

2) Viúva Negra;

3) Liga da Justiça de Zack Snyder;

4) Venom: Tempo de Carnificina;

5) Invocação do Mal 3;

6) Marighella;

7) Esquadrão Suicida;

8) Cruella;

9) Duna;

10) A menina que Matou os Pais.


Música (letra):

     1. Girl from Rio (Anitta)

  1. Estrelinha (Di Paullo e Paulino com Marília Mendonça)
  2. Batom de Cereja (Israel e Rodolffo)
  3. Deus me Proteja de Mim (Chico César)
  4. Drivers Licence (Olivia Rodrigo)

 

O QUE?

1     O que é cringe?

2     O que é basculho?

3     O que aconteceu com o WhatsApp?

4     O que é politraumatismo?

5     O que estuda a gelotologia?

6     O que é comorbidade?

7     O que é Talibã?

8     O que é estigma?

9     O que aconteceu com MC Kevin?

10  O que é imunossuprimidos?

 

 

*Fonte G1

Imagem: Reprodução

Veja também:

Nova atualização do WhatsApp permite mensagens temporárias como padrão