Conheça o tubarão gigante que comia os irmãos no útero da mãe

Os megalodontes aterrorizaram os oceanos por até 20 milhões de anos até serem extintos, cerca de 3,5 milhões de anos atrás – muito antes que a humanidade pudesse conhecê-los pessoalmente. 

Ele foi o maior tubarão que já existiu e um dos maiores predadores marinhos do nosso planeta. Mas, só nos últimos anos conseguimos conhecer com clareza o seu tamanho e saber como eles evoluíram tanto. E novas pesquisas estão fornecendo informações sobre a possível forma de vida dessas criaturas, como elas caçavam e como se alimentavam. 

Por volta de 1840, os megalodontes são conhecidos pela ciência, graças aos seus enormes dentes triangulares, que costumamos encontrar fossilizados. O próprio nome da espécie significa “dente grande”, em grego antigo. Antigamente eram chamados de Carcharodon megalodon, do mesmo gênero do grande tubarão-branco moderno, porém, atualmente, ela é classificada como Otodus megalodon. 

Alguns espécimes têm 16,8 cm de comprimento e para dar uma ideia, os dentes do tubarão-branco moderno chegam “apenas” a cerca de 7,5 cm. Os tubarões são peixes cartilaginosos, ou seja, seus esqueletos são feitos de cartilagem mole e não de ossos resistentes. E a cartilagem não se fossiliza adequadamente. 

Os paleontólogos conseguem apenas formular estimativas, pois não sabem realmente o verdadeiro tamanho do animal e por isso, os registros fósseis dos megalodontes consistem principalmente dos dentes, além de algumas vértebras parcialmente mineralizadas. 

O maior tubarão predador existente hoje em dia é o grande tubarão-branco. Ele costuma atingir 4,9 metros de comprimento – ou seja, o megalodonte pode ter sido três ou quatro vezes maior do que ele. Quem pode ser comparado com o megalodonte é o tubarão-baleia moderno, porque existem relatos confiáveis sobre um indivíduo com 18,8 metros de comprimento.

Mas essa outra espécie não é predadora – ele é filtrador e se alimenta de imensas quantidades de plâncton microscópico. Por outro lado, tanto o mastodonte quanto o tubarão-baleia são pequenos, perto das maiores espécies existentes. Afinal, a baleia-azul (o maior animal vivo do planeta) pode atingir 30 metros de comprimento. E, como o tubarão-baleia, eles também se alimenta de plâncton.

 

Do que essas espécies se alimentavam ? 

Os dentes do megalodonte revelam que o animal era um predador, mas o que ele comia ? Para responder a esta pergunta, os pesquisadores recorreram à análise química dos dentes. Um método empregado é analisar o nitrogênio, pois todo o nitrogênio do corpo de um animal vem da proteína da sua alimentação.

O nitrogênio aparece em duas formas ou “isótopos”: o nitrogênio-14 e o nitrogênio-15. Basicamente, o corpo dos animais retém mais nitrogênio-15 do que nitrogênio-14 proveniente da alimentação. Em um estudo de 2022, os pesquisadores demonstraram que os dentes do megalodonte tinham níveis extremamente altos de nitrogênio-15. Isso indica que ele era um importante predador, que se alimentava das presas maiores, como fazem as orcas modernas. 

Os tubarões-brancos jovens alimentam-se principalmente de peixes, enquanto os adultos caçam mamíferos marinhos. Os megalodontes jovens podem ter seguido transições similares enquanto cresciam. Existem evidências de que os megalodontes, às vezes, caçavam pequenos mamíferos marinhos, como focas.

A equipe examinou as faixas de crescimento das vértebras, similares aos anéis dos troncos das árvores. Eles revelaram que o animal morreu com 46 anos de idade e também demonstraram que a criatura tinha cerca de dois metros de comprimento quando nasceu. Este grande tamanho ao nascer sugere que o peixe foi incubado dentro do corpo da mãe e não nasceu de um ovo, como ocorre em muitas espécies de peixe. 

Os pesquisadores também indicaram que o embrião teria se alimentado de outros filhotes no útero materno, o que ajudou no seu enorme crescimento. Este tipo de “canibalismo intrauterino”, embora pareça assustador, é comum nos tubarões modernos e faz com que as mães gerem relativamente poucos filhotes, com o máximo de nutrição possível.

 

Evolução e Extinção 

O O. Megalodon era apenas o mais recente de uma série de espécies do gênero Otodus, que evoluíram gradualmente ao longo de dezenas de milhões de anos. 

 De forma mais ampla, esse gênero faz parte de um grupo maior de tubarões conhecidos como Lamniformes. Na época dos dinossauros, eles eram diferentes dos outros tubarões. 

Com o tamanho maior, evoluíram a capacidade de regular a temperatura corporal. Isso permitiu que os Lamniformes seguintes se tornassem realmente imensos – mas só quando seus ambientes fossem suficientemente ricos para sustentá-los. Agora, parece que o tamanho e o sangue quente do megalodonte podem também ter sido o motivo da sua extinção.

 

Algum ainda vive ? 

Os megalodontes se extinguiram há milhões de anos e, embora a época exata talvez ainda precise ser definida, o que temos certeza é que eles não existem mais. 

Considerando que ele caçava em áreas imensas, muitas vezes buscando animais grandes como baleias, é impossível que não o tivéssemos observado se ele ainda vivesse. Por isso, os pesquisadores afirmam que os filmes da série Megatubarão, que sugerem que a espécie pode ter sobrevivido de alguma forma, são fantasiosos. 

O pesquisador acrescenta que, às vezes, as pessoas também têm a impressão errônea de que o megalodonte viveu na era dos dinossauros. Mas, na verdade, ele evoluiu muito depois dos enormes répteis, talvez 23 milhões de anos atrás.

E, se esta data estiver correta, os megalodontes viveram por um período surpreendentemente longo. Aqueles tubarões não vivem mais entre nós, mas existe um parente imenso que ainda sobrevive. O tubarão-baleia atingiu um tamanho similar ao do megalodonte, sem se tornar um superpredador. Ele preferiu ficar calmamente se alimentando de plâncton.

 

Fonte: BBC Brasil

 

Créditos da imagem de capa: Getty Images

Quer receber nossas dicas e notícias em primeira mão? É só entrar em um dos grupos do Curta Mais. Basta clicar AQUI e escolher.

Museu do Futuro em Dubai quer prever a humanidade daqui 50 anos

Daqui 50 anos, como será o mundo? Buscando desvendar essa resposta, foi inaugurado, nesta segunda-feira (21), o Museu do Futuro, em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, em cerimônia fechada. O centro cultural pretende discutir os aspectos ligados ao futuro da humanidade e chama atenção pelo estilo arquitetônico futurista. As informações são da revista Exame.

O espaço trata-se de um centro cultural para “visionários, talentos e grandes mentes que se proponham moldar o futuro da humanidade”, e que receberá visitantes para embarcar em uma viagem prevendo o ano de 2072.

“O futuro pertence àqueles que podem imaginá-lo, planejá-lo e executá-lo. Não é algo que você pode esperar, mas criar”, define o Sheik Mohammed Bin Rashid al Maktoum, governador de Dubai. Segundo Maktoum, o prédio “representa o renascimento da excelência árabe nos campos da ciência, matemática e investigação”.

O edifício está localizado próximo a Burj Khalifa, e mesmo entre outras novíssimas construções de Dubai, o museu em um formato que se assemelha a um anel é destoante.

Orientado por avançados sistemas de sustentabilidade e nova governança, o prédio é alimentado com 4.000 megawatts de energia solar. A estrutura sem pilares abriga sete andares únicos e distintos que podem ser percorridos facilmente entre rampas.

Além disso, o Museu do Futuro emprega as mais recentes tecnologias de realidade virtual e aumentada, análise de dados, inteligência artificial e interação entre máquinas e humanos.

Como na ala onde robôs podem ser consultados em questões relacionadas com o futuro dos seres humanos, cidades, sociedades, vida no planeta Terra e espaço exterior, “as exposições do museu orquestram um mundo para além do conhecimento humano, proporcionando aos visitantes experiências inovadoras que se desdobram em cinco exposições diferentes que exploram o futuro das viagens e da vida no espaço, as alterações climáticas e a ecologia, a saúde, o bem-estar e a espiritualidade”.

 

Imagem: Karin Sahib

Saiba como ajudar as vítimas das fortes chuvas que atingem o nordeste de Goiás

Chove de maneira incessante na região da Chapada dos Veadeiros, no Nordeste de Goiás, desde o dia 24 de dezembro, afetando mais de mil famílias de Alto Paraíso, Cavalcante, Monte Alegre de Goiás, Teresina de Goiás, Nova Roma, entre outras comunidades.
 
Desta forma, empresas, grupos e associações têm se mobilizado para angariar doações para ajudar a população afetada que necessita de abrigo, remédios e roupas. São 14 cidades em situação de calamidade: Alto Paraíso de Goiás, Campos Belos, Cavalcante, Colinas do Sul, Divinópolis de Goiás, Monte Alegre de Goiás, Iaciara, Formoso, Niquelândia, São João D’Aliança, Guarani de Goiás, Flores de Goiás, São Domingos e Teresina de Goiás.

É possível fazer doações em dinheiro via Pix para a Associação Quilombo Kalunga pelo CNPJ 04 075 938 0001 21. A Central Única das Favelas – Goiás (Cufa-GO) também disponibilizou o Pix [email protected] para arrecadações.
 
Presencialmente, doações, especialmente de medicamentos, podem ser entregues em Cavalcante na Rua Cristão, Centro (telefone: (62) 3494-1074) e no Centro de Atendimento ao Turista de Alto Paraíso (telefone: (62) 3446-1159).
 
Em Goiânia, as doações podem ser entregues na Casa de Apoio Assistência.com, na Avenida João Luís de Almeida, nº 555-471, no Setor Crimeia Oeste (telefone: (62) 98103-0107).
 
O Instituto Federal de Goiás (IFG) também arrecada doações. Participam da ação a Reitoria e os câmpus Goiânia, Uruaçu e Formosa. Quem desejar ajudar pode doar roupas, água potável, alimentos não perecíveis, itens de higiene pessoal e utensílios domésticos. As doações podem ser feitas até o dia 21 de janeiro.

No Câmpus Goiânia, as doações podem ser entregues na sala T 109, das 7 às 13h. No Câmpus Formosa, o recebimento das doações acontece entre 8h e 17h.  As doações em Uruaçu podem ser feitas diretamente no Câmpus.
 
Já a Rede de Sementes do Cerrado (RSC) e a Associação Cerrado de Pé (ACP) arrecadam doações de água, roupas, materiais de higiene e limpeza e alimentos não perecíveis presencialmente em Brasília, no Encontro à Mineira, no endereço SCRN 714/715, Bloco F, 50.
 
Em Teresina de Goiás, para fazer qualquer tipo de doação, basta entrar em contato com a comunidade Kalunga no município pelos números (62) 3494-1074/(62) 99984-5944/(62) 99649-1679).

*Fonte Jornal A Redação

Imagem: CBMGO

Veja também:

Goiano que sofre com doença rara de ouvido realiza Rifa Solidária para custear tratamento no exterior

10 filmes que revitalizam a esperança na humanidade

Quando discutimos sobre a real função e importância do cinema, podemos citar alguns objetivos básicos que essa arte pode cumprir como o entretenimento despretensioso; como forma de educação na sociedade; propagação de ideologias e, principalmente, movimentar nossas emoções enquanto público e espectador.

Assim, quando encontramos obras cinematográficas que são capazes de nos emocionar e nos tocar, elas podem ser utilizadas para nos oferecer outras perspectivas de vida, um melhor entendimento sobre o próximo e aflorar nossos sentimentos. Além disso, alguns filmes abordam tramas fortes sobre determinados conceitos da vida humana, que sempre trabalham para elevar algumas das qualidades mais básicas encontradas na essência da humanidade, restaurando sua fé, esperança e deixando nosso coração bem quentinho.

Pensando nisso, separamos para você hoje 10 filmes que revitalizam o melhor de nós e, quem sabe, ajuda a nos tornarmos pessoas melhores.

Confira essas dicas:

 

Milk – A Voz da Igualdade

Em 1972, Harvey Milk e seu namorado Scott Smith, mudam-se de Nova York para São Francisco. Milk, determinado a fazer algo importante em sua vida, abre uma loja de câmeras no distrito de Castro e ajuda a transformar a área em um ponto de encontro para gays e lésbicas. Em 1977, ele se torna o primeiro homossexual assumido em um cargo público, eleito para o Conselho de Supervisores. Milk logo estabelece uma difícil relação profissional com Dan White, o homem que iria acabar com sua vida.

 

Onde assistir: Globoplay

 

 

O Fabuloso Destino de Amélie Poulain

A beleza de desejar melhorar a vida de estranhos, sem receber crédito algum por isso, o amor sem vaidade que motiva a jovem garçonete Amélie poderia contaminar todos aqueles que tivessem contato com a obra. Ao perceber como um simples gesto de gentileza modifica o dia de uma pessoa, ela passa a encarar a experiência da vida de forma totalmente diferente. Nem mesmo uma infância imersa em tristeza e frustração pode impedir um espírito livre de alcançar a redenção. Tudo se resume ao ato de querer ser melhor.

Onde assistir: Apple TV+

 

Conta Comigo

Após um desconhecido ser morto acidentalmente, perto de suas casas, quatro meninos, de Oregon, decidem ver o corpo. No caminho, Gordie Lachance, Vern Tessio, Chris Chambers e Teddy Duchamp encontram um homem em um pântano cheio de sanguessugas. Começando como uma simples brincadeira, a aventura dos garotos evolui para um evento marcante em suas vidas.

Onde assistir: Star+

 

Um Sonho de Liberdade

Falsamente condenado pelo assassinato de sua esposa, um homem terá que aprender a lidar com a vida dentro de uma prisão. Obra-prima da década de 1990, ‘Um Sonho de Liberdade’ apresenta algumas das maiores qualidades que um ser humano pode possuir, fazendo-nos reavaliar alguns dos preceitos básicos construídos através do tempo.

Onde assistir: HBO Max

 

Hurricane – O Furacão

Em junho de 1966, Rubin “Hurricane” Carter (Denzel Washington) era um forte candidato ao título mundial de boxe. Entretanto, os sonhos de Carter vão por água abaixo quando três pessoas são assassinadas num bar em Nova Jersey. Indo para casa em seu carro e passando perto do local do crime, Carter é erroneamente preso como um dos assassinos e condenado à prisão perpétua. Anos mais tarde, Carter publica um memorial, chamado “The 16th round”, em que conta todo o caso. O livro inspira um adolescente do Brooklyn e três ativistas canadenses a juntarem forças com Carter para lutar por sua inocência.

Onde assistir: Star+

 

As Pontes de Madison

Após o falecimento de Francesca Johnson, uma proprietária rural, seus filhos descobrem, através de cartas que a mãe deixou, do forte envolvimento que ela teve com um fotógrafo da National Geographic, quando a família se ausentou de casa por quatro dias. Esta revelação faz com que os jovens repensem a forma como vivem seus próprios relacionamentos, o legado bonito de uma experiência que sempre foi mantida nas sombras, por medo do que a sociedade diria. Um amor proibido e que nunca chegou a desabrochar, mas forte o suficiente para servir de inspiração, muitos anos depois da última troca de olhares.

Onde assistir: HBO Max

 

Extraordinário

Um filme sobre gentileza, entre muitas outras coisas. Em “Extraordinário”, adaptação do best seller de R.J. Palacio, o pequeno Jacob Tremblay (“O Quarto de Jack”) Auggie, um menino que nasceu com uma má formação facial, passou por diversas cirurgias e foi educado em casa até os dez anos, escondendo-se do mundo com a ajuda de um capacete de astronauta. Agora, porém, é hora de encarar uma escola de verdade. O elenco conta ainda com Julia Roberts e Owen Wilson, que interpretam os pais de Auggie.

Onde assistir: Telecine Play

 

Capitão Fantástico

Uma família escolhe viver numa casa isolada junto à natureza, e trocou escolas e a vida social pelo ensino doméstico e uma vida quase selvagem, porém extremamente culta.

Onde assistir: NOW

 

A Corrente do Bem

Faça algo de bom a alguém e, quando lhe agradecerem, sugira que o retorno seja dado a outras três pessoas, através de outras três boas ações. Seria possível mudar o mundo desta forma? Essa é a ideia que o pequeno Trevor (Haley Joel Osment) coloca em prática no filme “A Corrente do Bem”, que tem também Kevin Spacey e Helen Hunt no elenco.

Onde assistir: HBO Max

 

Patch Adams – O Amor é Contagioso

Baseado em fatos reais, o médico chamado Patch Adams descobre que o humor e o carinho podem fazer maravilhas e ajudar a curar pessoas hospitalizadas, mas suas ideias entram em conflito com os defensores da medicina tradicional.

Onde assistir: Star+

Angelina Jolie abre conta no Instagram para ajudar jovem afegã e já ultrapassa 6 milhões de seguidores

Uma das atrizes mais famosas de todos os tempos, Angelina Jolie está de volta aos holofotes graças ao seu próximo filme, o ”Eternos” da Marvel. Mas Angelina também chamou a atenção dos fãs após criar uma conta no Instagram para ajudar uma jovem afegã, e que em poucas horas a conta bateu recorde de seguidores, com mais de 5 milhões de pessoas enlouquecidos com um único post. 

Jolie publicou uma carta que foi escrita por uma jovem do Afeganistão, onde ela compartilha publicamente as consequências da volta do Talibã no país, e os impactos na vida da população. No post, Jolie comentou: ”Essa é uma carta que recebi de uma menina adolescente no Afeganistão. Neste momento, as pessoas estão perdendo sua habilidade de se comunicar nas mídias sociais e se expressar livremente. Então eu entrei no Instagram para compartilhar suas histórias e as vozes desses ao redor do mundo que estão lutando por seus direitos humanos básicos”, explicou a atriz.

 

 

 

Confira a carta traduzida da jovem afegã na íntegra:

”Eu sou uma jovem menina. Eu moro no Afeganistão, antes do Talibã chegar, nós todos iámos trabalhar e íamos para a escola devidamente. Nós tínhamos direitos, conseguíamos defender nossos direitos livremente, mas quando ele chegaram, nós todos temos medo deles e achamos que todos os nossos sonhos se foram. Nós achamos que nossos direitos foram violados. Não podemos sair. Trabalho e estudo estão distantes. Mas algumas pessoas dizem que o Talibã mudou, mas eu não acho isso, porque eles têm um passado muito ruim.

Um dia eles entraram em nossa casa e nós ficamos com medo. Depois desse dia, eu penso sobre o horário de ir para a escola de manhã. Nessa situação, por causa da existência deles, ou quando eu volto para casa do curso o ar era escuro, mas eu podia voltar para casa facilmente, mas agora eu não posso ir ao curso com a mesma facilidade. Acho que meu curso será fechado. Talvez a gente tenha voltado 20 anos no passado, não temos direitos novamente. A vida de todos nós é sombria. 

Todos perdemos nossa liberdade e estão presos novamente“.

 

Imagem: Reprodução

Veja também: Saiba qual o novo salário de William Bonner na Rede Globo

Pirenópolis divulga vídeo emocionante sobre consciência e humanidade em meio à pandemia

A Prefeitura de Pirenópolis divulgou um vídeo emocionante nesta quinta-feira (7), sobre a importância da coletividade em meio à pandemia. O vídeo começa refletindo se alguém imaginaria que as ruas de Piri, sempre tão cheias de alegria, se tornariam silenciosas e vazias. As imagens da natureza, cachoeiras e pontos turísticos da cidade se unem numa mensagem única de consciência e humanidade. “Estamos aprendendo com esta lição, buscando entender os motivos, que fizeram o planeta nos pedir uma trégua”, diz.

Para concluir, o vídeo mostra a cidade se organizando para quando tudo isso passar. “Estamos ansiosos por nosso reencontro, ele será em breve. Não queremos antecipar nada, mas estamos preparando tudo com cuidado para proteger a sua vida. Estamos prontos para esperar o tempo e a hora exata para rever vocês. Mas agora é hora de proteger nosso maior patrimônio: a saúde de nossa cidade”, finaliza. 

Imagem: Prefeitura de Pirenópolis/Reprodução

Confira o vídeo na íntegra:

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Curta Mais® (@guiacurtamais) em



 

Livro de Rodrigo Alvarez reconstitui os passos do pregador que definiu o rumo da humanidade

Escrito pelo autor laico brasileiro que mais vende livros de temática religiosa no país, Jesus – O homem mais amado da História é a obra mais atual sobre a vida daquele que ensinou a humanidade a amar e dividiu a História em antes e depois.

Rodrigo Alvarez recorreu às fontes bibliográficas mais recentes, investigou as mais antigas (entre elas diversos manuscritos originais) e viajou pelos mesmos lugares percorridos por Jesus em seu tempo.

O livro é resultado de uma pesquisa que buscou a informação em estado bruto – o mais livre possível dos interesses políticos e religiosos que sempre manipularam a História.

A obra aborda temas como a disputa com João Batista, o papel de Maria Madalena na vida de Jesus e manuscritos que, segundo interpretação divergente da tradição cristã predominante, resultam dos segredos do Messias revelados a alguns apóstolos.

Nas palavras do autor, a obra é dedicada:

“aos católicos, aos evangélicos – cristãos de todas as cores – e também aos espíritas, aos muçulmanos, aos budistas, aos seguidores de outras religiões, ou de nenhuma; a todos aqueles que, como Jesus, entendem que o amor ao próximo é a parte mais bonita de nossa existência – e que toda a existência humana, por si só, sempre foi e será sagrada.”

Jesus – O homem mais amado da História
Autor: Rodrigo Alvarez
LeYa | 368 páginas| R$ 44,90

Imagem: Globo Play

Esse é o homem mais rico da história

Atualmente, o homem mais rico do mundo – continua sendo – é Bill Gates, com fortuna estimada em U$86 bilhões. Mas esse valor passa beeeeeem longe do montante do considerado ‘homem mais rico do mundo’. Se somarmos as fortunas de Bill Gates, Warren Buffet, Carlos Slim e Mark Zuckeberg ainda não conseguiremos alcançar a fortuna desse homem. Mas, afinal de contas, quem é ele? Na verdade, quem foi.

A pessoa mais rica da história da humanidade

Se chamava Jakob Fugger, ele viveu entre 1459 e 1525, foi um banqueiro alemão que chegou a acumular, ao longo da vida, o equivalente ao que seriam hoje US$400 bilhões de dólares – mais ou menos R$1,2 trilhão. O responsável por escrever sua biografia foi Greg Steinmetz, ex-editor do Wall Street Journal, que considera Fugger como o homem mais rico da história, dando esse título ao livro que escreveu sobre a vida do alemão, em 2015.

Por que ele foi o mais rico do mundo (até hoje)?

De acordo com Steinmetz, apesar de muitas pessoas considerarem a comparação de riqueza em diferentes períodos históricos não muito confiável, afirmou à BBC Mundo – serviço da BBC em espanhol, que “Jakob Fugger foi sem dúvida o mais poderoso banqueiro de todos os tempos”. E completa: “No Renascimento, a época em que Fugger viveu, o mundo era controlado por duas figuras: o imperador romano e o papa. E fugger financiou os dois”. Ele foi o único banqueiro da história da humanidade (até hoje) a ter tanta influência política. “Fugger decidiu que o rei Da Espanha, Carlos I, deveria ser o imperador de Roma e o fez vencer a eleição (com o nome de Carlos V)”. “Carlos V colonizou o Novo Mundo. A história não seria a mesma se não tivesse chegado ao poder.”

Por que nunca ouvimos falar em Fugger?

Um dos principais motivos é que Fugger era alemão, não se tornando muito conhecido no mundo anglófono – motivo pelo qual Steinmetz decidiu escrever sobre ele. “Fui chefe da sucursal do Wall Street Journal em Berlim e ouvi uma menção a Fugger, mas não consegui encontrar um único texto em inglês sobre isso.” Mas, provavelmente, o grande motivo de não ter sido tão reconhecido fora de seu país de origem, tenha sido porque não se tratava de um personagem ‘colorido’, não tentou ocupar cargos políticos, nem se tornar papa, não patrocinou artistas, nem construiu palácios ou templos. A ação mais conhecida do banqueiro é um projeto de habitação social em Augsburg, sul da Alemanha, conhecida até hoje porque quem mora ali paga o aluguel simbólico de 1 dólar por ano. Steinmetz diz: “Os banqueiros estão acostumados a trabalhar nos bastidores”.

bd382e28da0cead8f2a6e05bb9adb6a6.jpg

Brazil SFE Biography

O ele deixou?

Apesar de não ser conhecido mundialmente, isso não quer dizer que não tenha deixado nada. Muita gente não sabe mas, Fugger deixou algumas marcas importantes. Confira:

1 – Criou a primeira multinacional

Naquela época a atividade econômica era bem pequena, as pessoas ricas viviam de suas terras e do trabalho dos camponeses que, por sua vez, recebiam proteção. O trilionário negociou direitos a mineiros em troca de seus empréstimos, monopolizando o comércio de cobre e prata. Também comercializou especiarias. Sendo, assim, um dos precursores do capitalismo.

2 – O primeiro noticiário

Como um homem muito à frente de seu tempo, Fugger sabia o quanto as informações tem poder, por isso queria saber de tudo antes de seus concorrentes. Para isso, pagou mensageiros para levarem informações sobre as atividades comerciais e políticas de diferentes cidades. Dando continuidade à ideia, seus sucessores criaram o Fugger Newsletter, considerado por algumas pessoas como o primeiro jornal da história.

3 – Modelos de financiamento que existem até hoje

Naquela época, os Médici já tinham bancos, mas a Igreja Católica proibiu a cobrança de juros por considerar tal ato ganancioso. Assim, Fugger convenceu o Papa Leão X (também seu cliente) a suspender essa proibição e começou a oferecer taxas de 5% de juros ao ano para os clientes que depositassem dinheiro em seu banco em Augsburg.

4 – Financiou exploradores

Quando Colombo descobriu a América, Fugger tinha 33 anos e, com interesse no potencial econômico, financiou a primeira viagem à Índia. Além de ter sido um dos financiadores da viagem ao redor do mundo de Fernão de Magalhães.

E aí pessoal, vocês já conheciam a história de Jakob Fugger? Encontraram algum erro na matéria? Ficaram com dúvidas? Possuem sugestões? Não se esqueçam de comentar com a gente!

Capa: UOL

20 histórias rapidinhas que irão renovar a sua fé no mundo e na humanidade

Com a enxurrada de notícias ruins que recebemos todos os dias pelos jornais, fica meio difícil olhar para o ano que chega com otimismo. Mas em meio a tantas tragédias, guerras e provas de egoísmo, existe um mundo repleto de pessoas que acreditam em fazer o bem ao próximo e ao meio ambiente.

Que tal focar nestas histórias e deixar toda a negatividade de lado por pelo menos um minuto?

O Curta Mais separou 20 ótimas notícias e histórias que, com certeza, vão te fazer pensar que o mundo e a humanidade não estão tão perdidos assim e que um futuro melhor é completamente possível.

Confira e compartilhe! 🙂

 

1. Novo exoesqueleto flexível faz idosos e pessoas com paralisia caminharem

9aae5bd2e734c9e1a0f7734a6042554e.jpg

 

2. O leopardo da neve não está mais na lista dos animais ameaçados de extinção

4086ed632485055297ff576b3dcf8f69.jpg

3. HIV/AIDS não é mais a principal causa de morte na África

5c909022fef7bb80120217d06c36136d.jpg

4. A família deste cobrador passou a virada de ano no ônibus para entrar em 2018 unida

91fe6c07d6112ad1ecbd9ada39f4b3f7.jpg

5. A população de abelhas, antes ameaçada, cresceu 27% no último ano

05531f62b623c1ecbfbad1e4c0a8e06b.jpg

6. Uma empresa de calçados argentina produz tênis feitos de pneus reciclados e emprega apenas mulheres de zonas rurais

f4c5fabbd504e3b9e84535d1c6391449.jpg

7. Unidades de conservação concordaram em plantar 73 milhões de árvores nos próximos 6 anos na floresta Amazônica

397ebd9c78d4d3b140ea99a6392b2bd9.jpg

8. A taxas de trabalho infantil diminuiram em um terço desde o ano 2000

3e481c5d9f3d3b2b71833bfe50f3bad5.jpg

 

9. Noiva traduz música em Libras para o marido surdo durante cerimônia e vídeo comove a internet

6024280a83936ba3134dc7d0480d287a.jpg

 

 

10. Cientistas desenvolveram um tratamento que reduz os sintomas do Alzheimer

ed03555c120b20588dfc12d4ddaf5c51.jpg

11. Um grupo está trabalhando para remover 40% do plástico existente nos oceanos em 10 anos

2ada288c066c40eed789094565a7f909.jpg

12. A fome mundial atingiu seus índices mais baixos em 25 anos 

2997c01983875fae7ab27d2bfe7c01dc.jpg

13. Pandas gigantes não estão mais em risco de extinção 

9b31fda4dbe26c758ff3d0082ad278bd.jpg

14. Estes mergulhadores salvaram uma baleia que estava presa em uma rede de pesca

15. Lavanderia lava de graça as roupas de moradores de rua para eles mandarem bem na entrevista de emprego

80ea29cc903c92ce1c50c8aee7c66e33.jpg

16. Um jovem viu que a janela do carro do vizinho estava aberta e resolveu cobrí-la com um saco para a chuva não molhar seu interior

45b3716e474797d8c3106c352e1bbe98.jpg

17. Um shopping em Istambul deixa os cães de rua dormirem em seu interior durante as noites frias do inverno

3ca9ce5a5e145c7fbaad10994f90abe5.png

 

18. Dezenas de pedestres fizeram um mutirão para tirar alces de solo congelado

19. Desenvolvedores criaram um aplicativo que permite que seus usuários ‘emprestem’ seus olhos a pessoas cegas 

ca786f2e738b12ad4ca0ed765be6256a.jpg

20. Uma unidade do Subway oferece lanches de graça a moradores de rua das 13h às 15h 

ec29dfe0c9b5ce4109f4e403379cbbc8.jpg

 

Ladrão devolve R$1000 roubados e pede perdão à vítima

Esta é mais uma daquelas histórias quase inacreditáveis. Após ter a carteira roubada na noite de 31 de dezembro, em Copacabana, no Rio de Janeiro, o advogado Eduardo Goldenberg recebeu no trabalho um bilhete e um envelope com quase todo o dinheiro que havia sido roubado na ocasião, três dias depois.

Em relato no Facebook, o advogado conta a história. Ele havia tido a carteira roubada na noite de 31 de dezembro, na estação de metrô Siqueira Campos. No dia seguinte, foi procurado por uma pessoa que lhe entregou sua carteira, com os documentos. E na terça, 05 de dezembro, encontrou em seu escritório um envelope com R$967 em dinheiro (faltavam apenas R$50) e o bilhete assinado. A história de Goldenberg viralizou nas redes, e já tem mais de 6 mil curtidas e mais de 4 mil compartilhamentos.

Bilhete

No bilhete deixado, é possível ler: “Dr. Eduardo estou devolvendo seu dinheiro que eu peguei da sua carteira no dia 31 em Copacabana. Não dormi arrependido e peço que me perdoe. Feliz Ano Novo. Só tirei cinquenta reais pra comprar uma champanhe pra minha mãe. Fábio.”

 

Bilhete

 

Relato da história de Goldenberg nas redes sociais.

No Irã, muros da gentileza ajudam população sem-teto a suportar o frio

Muros podem até lembrar separação de povos e pessoas, mas, uma iniciativa no Irã está transformando os muros em painéis de solidariedade. Os “muros da gentileza” são muros nos quais pessoas podem deixar roupas de frio e agasalhos que não usam mais para que sejam usados por moradores sem teto e famílias pobres suportarem o clima frio da época.

Muro

Muro

Muro

Muros da Gentileza, no Irã

A ideia surgiu na cidade de Mashad, a partir da atitude de um anônimo que teria colocado ganchos e cabides no muro e escrito “Se você não precisa, deixe aqui. Se você precisa, leve”. As pessoas foram deixando casacos, sapatos e agasalhos, e desde então a ideia tem e espalhado a outras cidades iranianas.

 

Com informações do Uol Notícias

10 coisas que você não pode deixar de fazer na Cidade de Goiás

A antiga Vila Boa de Goyaz, atual Cidade de Goiás, foi fundada durante o Ciclo do Ouro, lá pelos idos do século XVIII, graças à busca por esse metal precioso na região. A cidade foi a capital do estado até 1935, quando Goiânia assumiu o trono e permitiu com que a Cidade de Goiás preservasse seus prédios históricos e cheios de charme, reconhecidos em 2001 como Patrimônio Histórico e Cultural da Humanidade pela UNESCO. Cheia de história e cultural, a Cidade de Goiás é uma joia que merece ser redescoberta. Acompanhe nosso checklist de 10 coisas que você não pode deixar de fazer na cidade e conheça o melhor de Goiás.

 

1. Visitar o Museu Casa de Cora Coralina

cora

Foto: Adelano Lázaro

Onde: Rua Dom Cândido, N 22

 

2. Provar os alfenins, compotas e licores das doceiras da cidade

doces

Foto: Goiás Turismo

Onde: por toda a cidade e no Mercado Municipal, na Praça Zacheu Alves

 

3. Conhecer os afrescos do Frei Nazareno Confaloni na Igreja de Nossa Senhora do Carmo

carmo

Foto: Beatriz Barreto Tanezini

Onde: Largo do Rosário, próxima ao Museu Casa de Cora Coralina

 

4. Experimentar o empadão goiano

empadao

Foto: Goiás Turismo

Onde: Mercado Municipal da cidade, localizado na Praça Zacheu Alves

 

5. Apreciar as obras do escultor barroco Veiga Valle no Museu de Arte Sacra e da Boa Morte

veiga

Foto: Goiás Turismo

Onde: Rua Luiz do Couto, S/N

 

6. Visitar o Museu das Bandeiras

bandeiras

Foto: Ministério da Cultura

Onde: Praça Dr. Brasil Ramos Caiado, S/N, Praça do Chafariz, Centro

 

7. Comprar lembrancinhas no Centro Comercial do Lago das Acácias

comercial

Foto: Kellen Bittencourt

Onde: Entrada da cidade

 

8. Conhecer o Museu Palácio Conde dos Arcos

arcos

Foto: Daniel Souza Lima

Onde: Praça do Coreto, N 1

 

9. Mergulhar na Cachoeira das Andorinhas

andorinhas

Onde: A 07 km do Centro Histórico da cidade de Goiás, acesso por estrada de terra

 

10. Fotografar o Parque Estadual Serra Dourada

serra

Foto: Goiás Turismo

Onde: Acesso pelo km 20 da GO-164 para Mossâmedes, km 37