Qual o cachê mais alto dos sertanejos?

Nos últimos anos, o cenário da música sertaneja tem experimentado um grande crescimento, refletindo a crescente popularidade desse gênero musical no Brasil. É então que uma questão naturalmente surge: qual é o cachê mais alto entre os artistas sertanejos? 

Um levantamento realizado pelo “Splash Uol”, embora não oficial, revela cifras impressionantes, levantando especulações sobre os generosos cachês dos famosos sertanejos. Esses valores, divulgados de forma não oficial, não apenas destacam o grande sucesso alcançado pelos representantes da música sertaneja, mas também reconhecem o talento inquestionável desses artistas em suas apresentações ao vivo.

Se você está curioso para saber quem são os artistas que dominam os palcos, quanto cobram por suas apresentações e quem está no topo da lista com o maior cachê, confira a seguir os 10 cachês mais altos de cantores sertanejos no Brasil.

Esses valores impressionantes não apenas destacam a excelência musical desses artistas, mas também refletem o fervor dos fãs que os apoiam em cada nota, cada acorde e em cada espetáculo espetacular. Lembramos que os valores mencionados são aproximados e podem variar de acordo com diferentes negociações e condições contratuais. 

 

>Veja Também<

Você Conhece o Nivaldo Batista? Descubra o Nome Verdadeiro de Sertanejos Famosos

Os estados que mais escutam sertanejo no Brasil

Bares em Goiânia pra você que ama música sertaneja

Porque Goiânia é a capital brasileira da música sertaneja

Goiânia, a vibrante capital de Goiás, foi oficialmente reconhecida como a “Capital Nacional da Música Sertaneja”, um título que reflete não apenas a sua rica herança cultural, mas também sua influência contínua no cenário musical brasileiro. Este reconhecimento é mais do que um mero título; é um testemunho do papel central que Goiânia desempenha na evolução e popularização da música sertaneja no Brasil.

A efervescência musical de Goiânia

A popularidade da música sertaneja no Brasil, e particularmente em Goiânia, é um fenômeno multifacetado. De acordo com uma pesquisa realizada pela USP, a ascensão do sertanejo foi significativamente impulsionada pela digitalização da música e pela internet, que ampliaram o acesso e a distribuição de músicas. 

 

Nos anos 90, com a formação do grupo Amigos, composto por Chitãozinho & Xororó, Zezé di Camargo & Luciano, e Leandro & Leonardo, houve uma consolidação do circuito de shows sertanejos. Este movimento foi reforçado por estratégias de marketing bem-sucedidas, levando a um aumento significativo no público. 

 

O Festival de Barretos, por exemplo, um dos maiores eventos de música sertaneja do país, movimentou R$ 900 milhões em 2019, segundo a Secretaria de Turismo do Estado de São Paulo. Esses fatores, combinados com o talento e a profissionalização dos artistas sertanejos, ajudaram a estabelecer o gênero como um dos mais populares no Brasil, com Goiânia no centro desse universo musical

 

A música sertaneja em Goiânia se destaca não apenas pela sua popularidade nas rádios, mas também pela realização de grandes eventos que celebram o gênero. Além do já conhecido Villa Mix, um dos maiores festivais de música sertaneja do país, Goiânia sedia outros eventos importantes.

Um desses eventos é “A Sertanejada”, realizado na Pecuária de Goiânia. Este festival promete 10 horas de festa e é descrito como uma experiência única na cidade, oferecendo uma combinação de música, cultura e tradição sertanejas. O festival é projetado para acomodar até 10 mil pessoas, com uma área de camarotes e uma praça de alimentação completa, além das apresentações musicais.

O Villa Mix, por sua vez, é um festival que foi reconhecido como uma festa oficial da capital goiana. Este evento é um exemplo da importância de Goiânia no cenário da música sertaneja, reforçando o título da cidade como a “Capital Nacional do Sertanejo”. Estes eventos, juntamente com a presença de bares e restaurantes voltados para o sertanejo, mostram como Goiânia é um centro vibrante para o gênero.

Esses festivais não apenas celebram a música sertaneja, mas também contribuem significativamente para a economia e a cultura local, atraindo um grande número de visitantes e fãs do gênero de todo o país. Através desses eventos, Goiânia reafirma sua posição como um dos maiores e mais importantes centros de produção de música sertaneja do Brasil.

Berço de talentos e inovação

Goiânia, conhecida como a Capital Nacional da Música Sertaneja, desempenha um papel crucial no desenvolvimento e na inovação deste gênero musical. A cidade não é apenas o local de origem de várias duplas e artistas renomados, mas também um centro de criatividade e inovação musical no cenário sertanejo.

A influência da música sertaneja em Goiânia está intimamente ligada à história econômica e cultural da região. Desde o século XVIII, com a expansão da economia pecuarista para o Brasil Central, elementos culturais caipiras, como a música sertaneja, começaram a se formar. Esta tradição se intensificou no século XX, especialmente com a ascensão dos grandes frigoríficos no oeste paulista e a engorda do gado em estados como Minas Gerais, Goiás e Mato Grosso. Assim, a música sertaneja se tornou uma expressão da cultura do boi, que inclui os carros de boi, os boiadeiros, os berrantes e a moda de viola.

Goiânia, além de ser um celeiro de talentos, oferece uma infraestrutura robusta para a produção musical. A presença de estúdios de gravação de alta tecnologia atrai artistas e técnicos de todo o país, fortalecendo a posição da cidade como um polo de talento e inovação no sertanejo. Além disso, a cidade é palco de grandes eventos e festivais sertanejos, como o Villa Mix Festival, um dos maiores do Brasil, reforçando a identidade cultural de Goiânia como a capital deste gênero musical.

A proposta de reconhecimento da música sertaneja como patrimônio cultural de Goiás destaca ainda mais a importância do gênero na região. Se aprovada, esta medida simbolizará o reconhecimento oficial da música sertaneja não apenas como um elemento de entretenimento, mas também como uma parte essencial da identidade e da história cultural de Goiás.

Essa mistura de história, cultura, talento e inovação faz de Goiânia um lugar único no cenário da música sertaneja, não apenas no Brasil, mas também no cenário musical global. A cidade continua a ser um ponto de referência e uma fonte de inspiração para artistas e fãs do gênero em todo o país.

Reconhecimento e orgulho cultural

A designação de Goiânia como a Capital Nacional da Música Sertaneja é um reflexo de sua profunda conexão com esse gênero musical, que é uma expressão fundamental da cultura e da história de Goiás. A música sertaneja em Goiás, e especialmente em Goiânia, não é apenas uma forma de entretenimento, mas uma representação cultural que expressa emoções e conta histórias do povo goiano, mantendo viva a tradição caipira.

A “moda de viola”, caracterizada pelo uso do violão de dez cordas e por versos rimados, é uma das formas mais tradicionais de expressão da música sertaneja em Goiás. Em Goiânia, essa tradição é reverenciada e muitos artistas locais mantêm viva essa forma de arte, permitindo que ouvintes se conectem com as raízes do gênero musical.

A cidade não é apenas um local de nascimento para vários artistas renomados, mas também um centro de inovação e criatividade musical no cenário sertanejo. A presença de estúdios de gravação de alta tecnologia e a realização de grandes eventos e festivais sertanejos, como o Villa Mix Festival, reforçam a posição de Goiânia como um polo de talento e inovação no sertanejo.

Essa mistura de história, cultura e inovação faz de Goiânia um lugar único no cenário da música sertaneja. A cidade continua a ser um ponto de referência e uma fonte de inspiração para artistas e fãs do gênero em todo o país. Em Goiás, a experiência sertaneja é uma jornada cultural que permite aos visitantes explorar as raízes e a história desse gênero musical que conquistou o coração do Brasil

Capital nacional da Música Sertaneja 

Goiânia recebeu o título de “Capital Nacional da Música Sertaneja” após a aprovação de um projeto de lei na Câmara Municipal, que foi posteriormente sancionado pelo prefeito Rogério Cruz (Republicanos). Este título oficial foi concedido à cidade em reconhecimento à sua influência significativa e contribuição histórica ao gênero sertanejo no Brasil.

A decisão de conceder este título a Goiânia está fundamentada na sua reputação como berço de grandes nomes da música sertaneja, e na sua posição como um dos principais centros de produção e promoção do gênero musical. Além de ser o local de origem de várias duplas e artistas renomados, Goiânia também é conhecida por sediar importantes eventos e festivais sertanejos, incluindo o Villa Mix Festival, que é um dos maiores do país.

Este reconhecimento formal como a Capital Nacional da Música Sertaneja fortalece ainda mais a identidade cultural de Goiânia e destaca a cidade no cenário nacional como um importante centro de música e arte. A designação reflete a rica tradição musical da cidade e sua contínua inovação e influência no cenário da música sertaneja brasileira.

Leia também:

Ilha no Nordeste é o destino apaixonado de hit do carnaval e palco do descobrimento do Brasil

Conheça Caxias, cidade histórica do Nordeste que se tornou querida por turistas goianos

Henrique e Juliano dominam o Spotify em Goiás em 2023

Que a Retrospectiva 2023 do Spotify está disponível para consulta na plataforma, de forma individual para os usuários, você já sabe. Mas você sabia que Henrique e Juliano são os ‘donos da parada’ em Goiás? A dupla sertaneja foi destaque em pelo menos outros três Estados do país, como Tocantins, Distrito Federal e Acre.

O sertanejo ganhou um espaço especial na playlist de muitos brasileiros, até mesmo em versões como o arrocha e o agronejo. A lista de cantores mais ouvidos no Brasil conta ainda com nomes como Ana Castela e a rainha goiana, Marília Mendonça, destaque em lugares como Amazonas, Amapá, Pará e Roraima. Taylor Swift é a única não-brasileira da lista, sendo TOP 1 no Sergipe.

Confira os 5 artistas sertanejos mais ouvidos em Goiás

  1. Henrique e Juliano
  2. Ana Castela
  3. Jorge e Mateus
  4. Gusttavo Lima
  5. Matheus e Kauan

Confira as 5 músicas mais ouvidas em Goiás em 2023

  1. Leão – Marília Mendonça
  2. Seu Brilho Sumiu – Israel & Rodolffo e Mari Fernandez
  3. Nosso Quadro – Ana Castela
  4. Covardia – Ana Castela e Wesley Safadão
  5. Namorando ou Não – Clayton & Romário e Luan Santana

Confira qual cantor, ou cantora, foi o mais ouvido do seu estado este ano:

  • Acre – Henrique e Juliano
  • Alagoas – Felipe Amorim
  • Amapá – Marilia Mendonça
  • Amazonas – Marilia Mendonça
  • Bahia – Nadson O Ferinha
  • Ceará – Felipe Amorim
  • Distrito Federal – Henrique e Juliano
  • Espírito Santo – Ana Castela
  • Goiás – Henrique e Juliano
  • Maranhão – Felipe Amorim
  • Mato Grosso – Ana Castela
  • Mato Grosso Do Sul – Ana Castela
  • Minas Gerais – Ana Castela
  • Pará – Marilia Mendonça
  • Paraíba – Felipe Amorim
  • Paraná – Ana Castela
  • Pernambuco – Nattan
  • Piauí – Felipe Amorim
  • Rio de Janeiro – Mc Cabelinho
  • Rio Grande do Norte – Felipe Amorim
  • Rio Grande do Sul – Ana Castela
  • Rondônia – Ana Castela
  • Roraima – Marilia Mendonça
  • Santa Catarina – Ana Castela
  • São Paulo – Mc Ryan SP
  • Sergipe – Taylor Swift
  • Tocantins – Henrique e Juliano

 

 

Marília Mendonça ganha prêmio póstumo no Grammy Latino 2023

Acontece nesta quinta-feira (16/11), a 24ª edição do Grammy Latino – premiação que celebra e reconhece nomes da música latina. E, pela primeira vez na história, o evento ocorre em Sevilha, na Espanha. Entre os vencedores da noite, um dos destaques foi o prêmio póstumo de Marília Mendonça na categoria “Melhor Álbum de Música Sertaneja”.

A cantora, que morreu em novembro de 2021 por conta da queda de um avião, concorreu na categoria ao lado de nomes como Lauana Prado, a dupla Chitãozinho e Xororó, Jorge e Matheus, e Daniel. A vitória veio pelo álbum “Decretos Reais”, lançado após sua morte, em maio deste ano.

Marília Mendonça concorreu na categoria ao lado de nomes como Lauana Prado, a dupla Chitãozinho e Xororó, Jorge e Matheus, e Daniel. A premiação foi recebida por Marcelo Soares, presidente da Som Livre.

Concorrendo à categoria de Melhor Álbum de Música de Raízes em Língua Portuguesa por “TecnoShow”, a brasileira Gaby Amarantos levou para casa seu primeiro gramofone na premiação – ela havia sido indicada na edição de 2012, pelas categorias de Melhor Artista Revelação e por seu trabalho com o álbum “Treme”.

Recorde no Spotify

Marília se tornou a primeira artista nacional a alcançar a marca de 10 bilhões de reproduções no Spotify. Por mês, ela mantém uma média diária de 13 milhões de ouvintes na plataforma.

A trajetória póstuma de Marília Mendonça confirma a velha máxima de que o legado de um artista ultrapassa a vida. O sucesso da música “Leão”, no topo das paradas desde o início deste ano, é um exemplo. A compositora e intérprete, que começou a escrever profissionalmente aos 16 anos, deixou um acervo com pelo menos cem canções ainda inéditas. O material passa por um processo de catalogação e mantém acesa a carreira da artista.

 

Quer receber nossas dicas e notícias em primeira mão? É só entrar em um dos grupos do Curta Mais. Basta clicar AQUI e escolher.

 

Vozes de Goiás: Mulheres que encantam na música regional e nacional

Goiás se tornou referência da música sertaneja no Brasil e berço de cantores e duplas sertanejas que hoje conquistam o mundo. Tendo sua capital reconhecida como a capital nacional do sertanejo, em Goiás, no coração do Brasil é onde se destacam as mulheres goianas, cujas vozes encantam e o talento impressiona, marcando a música brasileira. 

 

Em Goiás, a música é resultado da diversidade cultural e artística da região, com estilos musicais diversos que envolvem não só o famoso sertanejo. À medida que exploramos as trajetórias das mulheres goianas na música, podemos observar que elas são verdadeiras narradoras de experiências, sentimentos e tradições. Vamos então conhecer algumas dessas lindas vozes goianas. 

 

Marília Mendonça 

@mariliamendoncacantora

Foto: Reprodução

 

Nascida em Cristianópolis, Goiás, nossa rainha da sofrência não poderia deixar de estar no topo da lista! Marília Dias Mendonça foi uma cantora, compositora e instrumentista goiana. Era reconhecida como líder do sertanejo por mulheres, e sua contribuição para o empoderamento feminino revolucionou o universo da música sertaneja entre 2010 e 2020.

 

Em novembro de 2021 a cantora veio a falecer vítima de uma queda de avião. Sua morte causou um grande impacto em rede nacional e internacional e vários artistas lamentaram a tragédia e prestaram suas homenagens como Maiara e Maraisa, Gal Costa, Gustavo Mioto, Anitta, Ivete Sangalo, Dulce María, Luísa Sonza, Roberta Miranda, entre vários outros. Após sua morte, Mendonça se tornou a artista mais ouvida nos streamings globais, com 28,6 milhões de streams, e emplacou 74 de suas músicas no TOP200 do Spotify no Brasil.

 

Wanessa Camargo

@wanessa

Foto: Reprodução Instagram

 

Nascida em Goiânia e filha do Zezé Di Camargo, Wanessa Godói Camargo é uma cantora, compositora, atriz e apresentadora brasileira que atingiu o estrelato no início da década de 2000. A maior parte da carreira musical de Wanessa é fincada na música pop, além de passear também pelo sertanejo.

 

Lauana prado

@lauanaprado

Foto: Reprodução Instagram

 

Lauana nasceu em Goiânia e cresceu no município de Araguaína, no Tocantins. Na época, começou a se apresentar em bares e fez seus primeiros shows. Antes de se tornar uma intérprete conhecida, Lauana usou o nome artístico Mayara Prado e participou em programas de calouros, entre eles o The Voice Brasil, sendo semifinalista do time de Carlinhos Brown. Também atuou como compositora, tendo músicas gravadas por artistas sertanejos como Roberta Miranda, Edson & Hudson e Rionegro & Solimões.

 

Day Camargo

@day

Foto: Reprodução Instagram

 

Filha de Camarguinho (da dupla Cleiton & Camargo) e sobrinha de Zezé di Camargo e Luciano, Day Camargo vem trilhando seu caminho na música e já colhe bons frutos. Recentemente, a goiana de 27 anos entrou para a lista das dez compositoras mais bem remuneradas da década. Day faz parte de uma dupla sertaneja brasileira juntamente com Lara Menezes da Silva. O primeiro álbum da dupla contou com participação especial das duplas Maiara & Maraisa e Munhoz & Mariano.

 

Day Limns 

@daylimns

Foto: Reprodução Instagram

 

Day Limns nasceu e cresceu em Goiânia, mas se mudou para São Paulo com o objetivo de realizar o sonho de seguir carreira na música. Em 2017, teve a oportunidade de participar da sexta edição do programa The Voice Brasil, onde chegou às finais pelo time do Lulu Santos, desde então, Day lançou vários hits. Day também é coautora de Não perco meu tempo, single da cantora Anitta, e Complicado, sucesso da parceria entre Vitão e Anitta. 

 

Ana Caetano

@anacaetanoc

Foto: Reprodução Instagram

 

Ana Clara Caetano é uma cantora, atriz, compositora e multi-instrumentista, integrante do duo musical Anavitória, com Vitória Falcão. Ana nasceu em Goiânia, porém foi criada em Tocantins, onde conheceu Vitória, com quem posteriormente formaria uma dupla. A cantora chegou a cursar medicina por dois anos no IMEPAC em Minas Gerais, mas acabou desistindo e mudou-se para São Paulo a fim de seguir carreira musical, oficializando o duo Anavitória criado em 2013.

 

Bia Torres 

@musicabia

Foto: Reprodução Instagram

 

Cantora, compositora, atriz e bailarina, Ana Beatriz Ferreira Torres nasceu em Goiânia e ficou conhecida nacionalmente após participar da primeira edição do The Voice Kids Brasil, em 2016. Em seguida, ingressou no grupo musical BFF Girls, ao lado de Laura Schadeck e Giulia Nassa. Como atriz, estreou no cinema em 2020 no filme “O Melhor Verão das Nossas Vidas”

 

Quer receber nossas dicas e notícias em primeira mão? É só entrar em um dos grupos do Curta Mais. Basta clicar AQUI e escolher.

 

>Veja Também<

 

Conheça 10 goianos famosos fora da música sertaneja

 

Mulheres de Goiás: a goiana que disseminou a música clássica no mundo

 

10 famosos que são goianos e você não sabia

Festival Sertanejo homenageia Tião Carreiro em Goiânia

Em uma grande celebração à cultura sertaneja, Goiânia se prepara para o Festival ASertanejada, que ocorrerá no dia 21 de outubro no Goiânia Arena. Um dos grandes destaques do evento será a homenagem a Tião Carreiro, aclamado como “mestre da viola” e ícone da música raiz brasileira.

A programação, que se estende por 10 horas, começando às 13h, promete envolver o público com a autêntica música sertaneja. Grandes artistas do cenário sertanejo estarão presentes, entre eles Gino e Geno e João Carreiro. O local escolhido para a festa é a Arena ASertanejada, situada na Av. Fued José Sebba, no Jardim Goiás. O festival busca ressaltar as tradições e raízes caipiras, celebrando a essência musical e cultural do interior brasileiro.

Informações do Evento:

  • Evento: Brahma ASertanejada
  • Data: 21 de Outubro
  • Local: Goiânia Arena – Av. Fued José Sebba, Jardim Goiás, Goiânia – GO, 74805-100
  • Horário: 13h às 23h
  • Ingressos: Disponíveis em www.asertanejada.com

Homenagem a Tião Carreiro

Nascido em 1934 como José Dias Nunes em Monte Azul, Minas Gerais, Tião Carreiro se tornou um dos mais renomados artistas da música sertaneja. Desde os 8 anos, seu talento musical era evidente. Autodidata, aprendeu a ler, escrever e a tocar viola sozinho. Em março de 1959, ele introduziu o “Pagode de Viola”, um novo ritmo que destacava a importância da viola.

Ao longo de sua carreira, Tião Carreiro produziu 25 discos 78 rpm, mais de 50 LPs e acumulou mais de 300 composições. Ele também foi fundamental para a popularização da música sertaneja, elevando-a dos programas de rádio da madrugada para os palcos de rodeios, teatros, exposições e horário nobre da televisão.

Para compreender melhor a magnitude de Tião Carreiro para a música brasileira, incluiremos fotos detalhadas e uma seção especial dedicada a sua trajetória no festival.

Chrystian canta clássicos sertanejos em show intimista em tradicional clube de Goiânia

No próximo dia 29 de setembro, a partir das 20h, o Clube de Engenharia de Goiás será palco de uma noite memorável para os amantes da música sertaneja. É a ‘’IV Noite Sextaneja’’ onde o cantor Chrystian se apresentará em um show intimista junto com convidados. O evento, que já está com todos os ingressos esgotados, promete uma atmosfera única para os amantes do gênero.

Chrystian, conhecido por ser parte da dupla sertaneja Chrystian & Ralf, teve uma carreira musical bem-sucedida que se estendeu por várias décadas. A dupla conquistou o público com uma série de sucessos, incluindo “Cheiro de Shampoo”, “Poeira no Vento”, “Nova York” e “Saudade”. Suas músicas cativaram os ouvintes com letras emotivas e melodias marcantes, tornando-os uma referência no cenário da música sertaneja.

O Clube de Engenharia de Goiás, que vem se destacando por sua agenda cultural diversificada, não se limitará apenas a este evento. Está previsto um calendário de shows que contará com outros artistas de renome nacional ainda este ano, proporcionando aos goianienses e visitantes uma oportunidade única de apreciar música de alta qualidade em um ambiente tradicional na cidade.

Devido a realização do show, na sexta-feira, dia 29 de setembro, o Clube vai funcionar até às 16h e o estacionamento interno estará fechado o dia todo para montagem do evento. O evento está previsto para começar a partir das 20h.

 

SERVIÇO:

IV Noite Sextaneja – com show de Chrystian e convidados

Quando: 29 de setembro

Onde: Clube de Engenharia de Goiás – Rua 132, 500 – Setor Sul

Horário: A partir das 20 horas

Mais informações: (62) 3281-0000 (whatsapp)

 

Quer receber nossas dicas e notícias em primeira mão? É só entrar em um dos grupos do Curta Mais. Basta clicar AQUI e escolher.

 

Victor e Léo fazem publicação enigmática e fãs apostam em retorno da dupla

Os corações dos fãs de Victor e Léo podem estar prestes a se encher de alegria, pois a dupla sertaneja lançou uma publicação enigmática que deixou todos ansiosos. No vídeo emocionante compartilhado em seus perfis de mídia social, Victor Chaves e Léo Chaves parecem sugerir que estão se preparando para um possível retorno aos palcos.

No vídeo, a dupla é surpreendida por uma pergunta curiosa e tocante do filho do cantor Léo. Ele expressa sua surpresa e emoção ao dizer: “Você e meu pai vão fazer um show? Eu nunca vi.” As palavras inocentes da criança deram origem a uma onda de especulações e esperanças entre os fãs de longa data da dupla.

Assista ao vídeo:

Os irmãos, conhecidos por suas músicas cativantes e letras profundas, conquistaram uma legião de seguidores ao longo dos anos. Seu retorno aos palcos seria um sonho realizado para muitos, e as redes sociais logo se encheram de mensagens de apoio e excitação.

Embora o vídeo não revele detalhes concretos sobre um possível retorno da dupla, a atmosfera emotiva que envolve a conversa dos filhos de Léo com Victor deixou os fãs ansiosos por mais informações.

Será que Victor e Léo estão realmente planejando um retorno triunfante? Só o tempo dirá, mas uma coisa é certa: a possibilidade de reviver os sucessos icônicos da dupla é motivo suficiente para deixar os fãs animados.

Fiquem ligados para mais novidades!!! O retorno dessa dupla talentosa ao mundo da música seria uma celebração para a indústria sertaneja e seus admiradores.

 

Quer receber nossas dicas e notícias em primeira mão? É só entrar em um dos grupos do Curta Mais. Basta clicar AQUI e escolher.

Fotos da matéria:  Divulgação/Victor e léo

Globo terá ‘Amigos’ na programação de final de ano

Os anos 90 foram marcados pelo auge da música sertaneja no Brasil, e um dos momentos mais icônicos dessa era foi o especial “Amigos“, que reuniu Chitãozinho e Xororó, Zezé Di Camargo e Luciano e Leandro e Leonardo.

Um dos últimos shows do “Amigos” será realizado em São Paulo, no dia 02 de dezembro. Chitãozinho e Xororó, Zezé Di Camargo e Luciano e Leonardo se reúnem novamente para uma noite com alguns dos maiores sucessos da música sertaneja e prometem, mais uma vez, emocionar a todos os presentes. E a nossa queridinha Rede Globo pensa em uma iniciativa de transmitir o especial “Amigos”.

Ao longo dos anos, a Globo vem inovando sua grade especial de fim de ano, pois se antes apenas o rei Roberto Carlos tinha espaço para brilhar na maior emissora do Brasil, agora os sertanejos também passaram a dominar a programação da emissora carioca.

Na edição de 2019 a primeira vez em que os sertanejos ganharam um espetáculo próprio na emissora após décadas, o público foi ao delírio e o resultado foi um dos maiores índices de audiência para especiais na emissora, refletindo no desejo popular.

 

O início do projeto 

O primeiro especial Amigos foi exibido em 23 de dezembro de 1995, e contou com uma introdução em clima rural, com cenas de gado e plantações em uma fazenda de Chitãozinho, na cidade de Campinas.

“Dezembro de 1995: pela primeira vez, seis grandes amigos se encontram e dividem a mesma emoção. Eles fazem da amizade a força do seu canto”, dizia uma voz em off. A abertura ainda mostrava os cantores tendo uma refeição juntos à mesma mesa enquanto falavam sobre a importância da amizade. “Pra mim, é a gente poder olhar nos olhos do outro e saber que nenhum tá fazendo mal ao outro. 

“Pra mim, é a gente poder olhar nos olhos do outro e saber que nenhum tá fazendo mal ao outro. O respeito do ser humano, um pelo outro, não ter falsidade, estar comendo na mesma mesa. Pra mim, isso é amizade”, dizia Leandro.

Cerca de 100 mil pessoas estiveram presentes no Espaço Verde Chico Mendes, em São Caetano, onde foi gravado o espetáculo. O ingresso podia ser trocado por brinquedos e alimentos não perecíveis para fins beneficentes. 

O sucesso da apresentação foi tanto que a Globo chegou a reprisá-la duas vezes no ano seguinte, em março e junho de 1996. O especial de 1997 marcaria também a última apresentação de Leandro com o grupo exibida na TV.

 

Créditos da imagem de capa: Rede Globo 

Quer receber nossas dicas e notícias em primeira mão? É só entrar em um dos grupos do Curta Mais. Basta clicar AQUI e escolher.

 

>Veja Também<

https://www.curtamais.com.br/goiania/goiania-recebe-extraordinaria-exposicao-de-artes-plasticas-inspirada-nos-anos-1980

https://www.curtamais.com.br/goiania/apreciando-a-vida-boemia-descubra-a-cervejaria-goiana-que-leva-musica-ao-vivo-para-a-calcada-toda-quinta-feira

https://www.curtamais.com.br/goiania/flamboyant-in-concert-2023-divulga-shows-horarios-e-como-participar

https://www.curtamais.com.br/goiania/canto-kids-2023-festival-de-talentos-infantis-em-pirenopolis-abre-inscricoes

 

Goiânia recebe Faustão para o 1º Prêmio Marília Mendonça

Goiânia está se preparando para receber o Prêmio Marília Mendonça. A cidade será palco da primeira edição desse prêmio, exclusivamente dedicado ao gênero sertanejo, que tem como objetivo homenagear a talentosa artista goiana e destacar sua importância para a música brasileira. 

A premiação irá abraçar causas sociais que Marília sempre se dedicou em vida.

Dona Ruth, mãe de Marília Mendonça, lançou oficialmente o Prêmio Marília Mendonça e escolheu Goiânia como sede para esse evento especial. 

A cerimônia acontecerá no dia 24 de outubro de 2023 e terá como apresentador ninguém menos que Fausto Silva, o Faustão. A escolha de Faustão se deu devido ao apoio que ele deu a Marília no início de sua carreira, abrindo um espaço em sua aposentadoria para comandar essa atração única.

O prêmio contará com 13 categorias, que serão entregues aos vencedores escolhidos por um júri especializado e por votação popular.

 

Além de celebrar os talentos da música sertaneja, o Prêmio Marília Mendonça também terá um importante papel social. A artista sempre se dedicou a causas sociais e foi uma voz ativa na luta contra a violência doméstica e o empoderamento feminino. Portanto, essa premiação também será uma oportunidade de destacar e apoiar essas causas tão importantes.

 

Serviço

Prêmio Marília Mendonça em Goiânia

Quando: 24/10/2023

Mais informações em breve

 

Quer receber nossas dicas e notícias em primeira mão? É só entrar em um dos grupos do Curta Mais. Basta clicar AQUI e escolher.

Foto de Capa: Divulgação/Band

1º Prêmio Marília Mendonça de Música Sertaneja será realizado em Goiás

Aparecida de Goiânia foi o local escolhido para receber o 1º Prêmio Marília Mendonça de Música Sertaneja, que acontece no dia 24 de Outubro, no Clube de Campo. Sob a organização da mãe da artista, Dona Ruth, a iniciativa pretende valorizar os profissionais da área. A premiação, que também será transmitido pelo canal da cantora no YouTube, possui curadoria formada por importantes nomes do mercado sertanejo. Os nomes mais votados por eles concorrerão a partir de voto popular no site dedicado ao prêmio, que ainda não divulgado.

As categorias abrangem: Produtor Musical, Revelação, Artista Solo Masculino, Artista Solo Feminino, Dupla Masculina, Dupla Feminina, Canção do Ano, Álbum do Ano, Projeto Audiovisual/Videoclipe, Música Tradicional Sertaneja, Artista Tradicional Sertanejo, Performance do Ano e Evento de Rodeio/Feira Agropecuária.

“Como mãe e em nome de toda a família, estamos profundamente emocionados com a criação deste prêmio que presta uma homenagem extremamente sensível ao legado de Marília. Além disso, ele incorpora as causas que minha filha abraçou, sempre buscando dar visibilidade e oportunidade para novos intérpretes e compositores dentro do universo sertanejo”, expressa Dona Ruth, mãe de Marília Mendonça, com gratidão.

Dona Ruth, também menciona que o Prêmio Marília Mendonça é uma extensão do impacto deixado por Marília e serve como uma maneira adicional de mantê-la presente, para além de suas composições musicais. “A música sertaneja merece esse reconhecimento e visibilidade, e o fato de o nome de Marília estar associado a ele traz muita alegria à família. Afinal, é nossa responsabilidade dar continuidade ao movimento pelo qual ela se empenhou tão profundamente”, conclui.

aparecida

Apresentador famoso

Rumores apontam que o lendário apresentador de TV Fausto Silva, o Faustão, que recentemente se aposentou, foi anunciado como o host da primeira edição do Prêmio.

Faustão foi convidado para apresentar o prêmio pela família da cantora sertaneja Marília Mendonça, que idealizou o evento. A família reconhece o papel significativo que Faustão desempenhou na carreira de Marília, dando a ela uma plataforma para alcançar um público mais amplo através de suas participações em seu programa. Eles também destacaram a afeição que Faustão sempre demonstrou por Marília e o espaço que ele deu aos cantores de sertanejo em seu programa.

Mais detalhes e informações sobre o evento devem ser anunciados em breve.

faustao

 

 

Quer receber nossas dicas e notícias em primeira mão? É só entrar em um dos grupos do Curta Mais. Basta clicar AQUI e escolher.

Cristiano Araújo: 8 anos sem a inesquecível voz do sertanejo

No dia 24 de junho de 2023, uma onda de emoção varreu o Brasil, marcando o oitavo ano desde a perda trágica de Cristiano Araújo, um ícone na música sertaneja. Em 2015, a vida deste talentoso artista de apenas 29 anos foi brutalmente interrompida por um acidente automobilístico após um show em Itumbiara, Goiás. Apesar de sua partida prematura, o legado de Cristiano Araújo continua reverberando na indústria musical, ainda cativando milhares de fãs por todo o país.

Filho de Goiânia e nascido em uma família de músicos, Cristiano Araújo nutriu seu amor pela música desde a infância. Recebeu seu primeiro violão aos seis anos, começou a performar em festivais locais aos nove e se aventurou na composição musical aos dez. Seu talento não passou despercebido, levando-o a gravar seu primeiro álbum aos treze e participar do festival de Fausto Silva na Rede Globo, lançando sua carreira ao estrelato.

Após uma breve jornada em dupla sertaneja, Cristiano Araújo encontrou seu verdadeiro chamado como artista solo. A partir de 2010, seu nome começou a ecoar pelos quatro cantos do Brasil. A canção “Efeitos”, lançada em 2011, impulsionou ainda mais sua carreira, figurando entre os termos mais pesquisados no Google naquele ano.

Em sua constante ascensão, Cristiano Araújo lançou “Ao Vivo em Goiânia”, um álbum repleto de hits como “Você Mudou” e “Mente Pra Mim”, e que contou com a participação de grandes nomes do sertanejo. A regravação de “Bará Berê” foi destaque na trilha sonora da novela “Salve Jorge”, aumentando ainda mais sua popularidade.

Seus passos firmes na carreira musical sofreram uma interrupção abrupta em 2015. Ele e sua namorada, Allana Moraes, faleceram em um trágico acidente automobilístico quando voltavam de um show em Itumbiara. O motorista Ronaldo Miranda perdeu o controle do veículo, conduzindo a uma velocidade de 179 km/h, resultando em um trágico fim para Cristiano e Allana.

O impacto de sua perda foi sentido em todo o país. Oito anos se passaram, mas a memória de Cristiano Araújo continua viva, e suas músicas ainda ressoam nos corações de seus fãs.

Contudo, mesmo após sua partida, o legado de Cristiano Araújo continua firme. A Som Livre lançou a canção “Por que” em sua homenagem em 2022, enquanto João Reis, pai de Cristiano, anunciou a produção de um álbum póstumo com dez faixas, sendo algumas inéditas.

Estas gravações, com a inconfundível voz de Cristiano Araújo, são uma celebração de seu imenso talento. Enquanto as saudades permanecem, sua música continua ecoando, mantendo viva a lembrança do “Causador de Efeitos”, o mito do sertanejo moderno.

Anápolis recebe show de Daniel comemorando 40 anos de carreira

Se você é fã de música sertaneja, prepare-se para um evento inesquecível! Daniel, um dos maiores nomes do gênero, está com data marcada para se apresentar em Anápolis com sua turnê comemorativa pelos 40 anos de carreira. Além disso, o show promete emocionar o público com uma homenagem especial a João Paulo, seu antigo parceiro de dupla.

No dia 17 de junho, é a vez da cidade de Anápolis receber o artista, na Estância Nobel, ás 21h:30. Os ingressos para esse show estão à venda pelo site Ingresso S.A, com valores a partir de R$ 165.

O espetáculo faz parte da turnê “Daniel 40 Anos Celebra João Paulo e Daniel”, que tem como objetivo homenagear o amigo e parceiro que faleceu em um trágico acidente de carro em 1997. Mesmo após tantos anos, a saudade ainda é grande e Daniel faz questão de manter viva a memória do amigo em seus shows.

Com o apoio da família, dos fãs e dos amigos, o cantor decidiu seguir em frente e continuar a trajetória de sucesso que havia iniciado ao lado de João Paulo. A dupla fez história nos anos 90 com grandes sucessos como “Estou Apaixonado” e “Desejo de Amar”.

 

Mais Informações

Show do Daniel em Anápolis

Quando: 17/06/23 (sábado) – às 21h:30

Onde: Estância Nobel – Anápolis – GO

Valores: a partir de R$ 165 (Setor VIP) no site Ingresso SA

Telefone: (62) 98122-8122

 

Quer receber nossas dicas e notícias em primeira mão? É só entrar em um dos grupos do Curta Mais. Basta clicar AQUI e escolher.

Foto de Capa: Divulgação

Festival ‘A Sertanejada’ promete resgatar tradição sertaneja com grandes nomes da música em Goiânia

Reunindo comida, bebida e o melhor do sertanejo que valoriza a cultura de Goiás, Goiânia recebe, no dia 21 de outubro, o festival A Sertanejada. Com apoio da Ambev Nacional o evento desembarca na pecuária de Goiânia e reunirá grandes nomes da música sertaneja em 10 horas de festa.

 

Com capacidade de até 10.000 pessoas, a Pecuária de Goiânia contará com praça de alimentação, arquibancada e o camarote exclusivo que já se consolidou nos eventos de patrocínio Brahma. Os organizadores prometem ainda surpreender com uma experiência inédita na arena.  

 

“A Sertanejada vem para celebrar o orgulho de ser caipira, DU GOIÁS, do pé rachado mesmo, das comitivas, cavalgadas, da sola da bota e da viola apaixonada”, comenta Fabricia Calixto, CEO FCB Entretenimento.  

 

Serviço

 

Brahma ASertanejada

Data: 21 de Outubro

Endereço: Arena Pecuária Goiânia – R. 250, 221 – St. Nova Vila, Goiânia – GO,

Horário: 13h às 23h

Ingressos: asertanejada.com

 

Fotos: Letícia Irene e @work.itcreatives

 

Quer receber nossas dicas e notícias em primeira mão? É só entrar em um dos grupos do Curta Mais. Basta clicar AQUI e escolher.

Gusttavo Lima é condenado pela segunda vez a pagar R$ 50 mil por ter divulgado número de telefone em música; entenda

O cantor Gusttavo Lima foi condenado a pagar R$ 50 mil por danos morais a uma mulher de Pato Branco, no Paraná, que teve o seu número de telefone divulgado em uma música do cantor. Ela venceu o processo em primeira instância e a defesa ainda pode recorrer da decisão, segundo informou o portal G1.

 

“Como já mencionamos anteriormente, é importante ressaltar que Gusttavo Lima é apenas o intérprete da música ‘Bloqueado’. Os compositores são as pessoas que criam a obra e inseriram um número aleatório, sem indicar quem seja, muito menos o DDD”, diz a nota.

 

A canção que cita o número de telefone se chama “Bloqueado” e foi lançada em 2021. Segundo o advogado da mulher, Fabiano Giaretta, ela usa este número desde 2009 e recebeu diariamente ligações, mensagens, conteúdo pornográfico e até ameaças no seu telefone. A decisão foi assinada pelo juiz Daniel Proença Larsson, e depois homologada pelo juiz de direito de Pato Branco, Luiz Henrique Vianna Silva.

 

Esta não é a primeira vez que Gusttavo Lima é condenado pelo mesmo motivo. Como não há um DDD para o número na letra da música, outras pessoas que usam o mesmo número pelo Brasil passaram pela mesma situação e estão processando o cantor. Em junho, outra mulher, esta de São Paulo, venceu o processo em que o artista foi também condenado a pagar R$ 50 mil.

 

Na música, ele canta os versos: “Me bateu uma saudade / Daquelas que o coração arde / 9XXX-XX03 / Olha eu recaindo outra vez”. Neste segundo processo, a defesa de Gusttavo argumentou que prints de conversas da mulher não poderiam servir como provas, mas a Justiça entendeu que o cantor não se precaveu para evitar estes transtornos e que as mensagens recebida pela mulher de Pato Branco citavam diretamente a música do cantor.

 

 

Foto: Reprodução