Praça do Sol em Goiânia recebe festival de música gratuito

Neste domingo (12), chega ao fim o último dia do festival musical Goiânia in Cosmos, com shows de Valter Mustafé, Kleuber Garcêz e Larissa Moura. O evento será realizado às 18h na Praça do Sol, Setor Oeste, e marca a última edição do festival.

O Goiânia in Cosmos é um festival que prestigia artistas goianos nos palcos. MPB, pop, rock e música caipira são alguns dos estilos presentes no festival multicultural. A proposta do festival é promover artistas locais, independente do gênero musical, sempre de forma diversa, com grande público.

ac57ae52b476b3f1392f6665d375a73f.png
Foto: Divulgação

Os shows deste domingo são comandados pelos artistas goianos: Valter Mustafé, sucesso do MPB local, com hits como “Tão Blue”, “Ponto de Fuga” e “Cidade Vazia”; Kleuber Garcêz da Banda Káypisilon apresentando mais um show do Baile do Divino; já Larissa Moura apresenta seu repertório MPB.

O público irá aproveitar os shows de forma totalmente gratuita e com fácil acesso pela tradicional praça goianiense.

 

SERVIÇO
Festival Goiânia In Cosmos
Local: Praça do Sol, Rua 9 – Setor Oeste
Data: 12/11/2023 – Domingo das 18h às 20h30
Entrada: gratuita

 

Praça localizada no coração do setor Oeste é querida por muitos goianienses

Goiânia pode até não ter praia, mas temos um registro de cerca de 32 parques e bosques que exercem a mesma função. Brincadeiras à parte, os setores de Goiânia escondem esses lugarzinhos que funcionam como ótimo passatempo e espaço de lazer. Com acessibilidade para portadores de necessidades especiais e um pet place encantador, a Praça do Sol é um dos cartões postais da cidade. O point conta também com o monumento “Eu Amo Goiânia”.

Praça

Imagens: Marcos Aleotti Fotografia – Curta Mais

Por muito tempo, a Praça sofreu com o descaso. A grama já ocupava o posto de matagal, o piso possuía buracos perceptíveis. Não era um lugar indicado para passeios. Em 2016, a Praça recebeu um projeto de reforma que a colocava à frente dos estilos arquitetônicos encontrados por outros points como esse ao redor da cidade. Tanto a execução do projeto, quanto a execução da obra, receberam a assinatura da Companhia de Urbanização de Goiânia (Comurg).

praça

Imagens: Marcos Aleotti Fotografia – Curta Mais

Centralizada entre as ruas 13, 9 e João de Abreu no Setor Oeste, foi escolhida para receber a nova escultura de concreto ostentando seus dois metros de altura. O projeto de reformulação da praça teve por objetivo redesenhá-la para se parecer com um sol. Foram implantados corredores de concreto simbolizando raios de Sol. Com a composição de quatro círculos voltados para a Rua 13. Cada um desses círculos recebeu um meio de entretenimento diferente.

Para o primeiro círculo foram usados tons de vermelho em concreto puro. Com aproximadamente trezentos e quarenta metros quadrados, o espaço recebeu uma academia pública ao ar livre.

academia

Imagens: Marcos Aleotti Fotografia – Curta Mais

academia

O segundo, com cerca de duzentos e oitenta e cinco metros quadrados, recebeu a imposição de pisos em borracha nas cores azul e verde para abrigar o espaço de recreação infantil. O local foi formulado com brinquedos acessíveis para crianças com deficiência, trabalhando com a inclusão dos pequenos.

praça

Imagens: Marcos Aleotti Fotografia – Curta Mais

Medindo quatrocentos e sessenta metros quadrados, um outro círculo foi projetado para receber o anfiteatro. O local abriga a construção de duas arquibancadas estruturadas em alvenaria e piso de concreto.

praça

Imagens: Marcos Aleotti Fotografia – Curta Mais

Já o círculo restante, com um espaço de oitenta e cinco metros quadrados, recebeu uma estrutura bem pet friendly. O local reservado para a diversão dos animaizinhos é o primeiro de Goiânia construído em áreas públicas da Capital.

pet

Imagens: Marcos Aleotti Fotografia – Curta Mais

A obra realizada na Praça do Sol não foi animadora só para os moradores da região. A reforma garantiu mais conforto aos feirantes locais e seus clientes. Durante os domingos, quando o sol aparece sobre o importante cartão postal, a praça recebe a tradicional Feira do Sol.

praça

Imagens: Marcos Aleotti Fotografia – Curta Mais

Clube Curta Mais seleciona o que há de melhor na cidade e negocia benefícios exclusivos para você não perder tempo e ter uma experiência incrível. Faça sua assinatura por apenas 9,90 por mês e tenha acesso aos melhores lugares e programas de Goiânia!

Quer receber nossas dicas e notícias em primeira mão? É só entrar em um dos grupos do Curta Mais. Basta clicar AQUI e escolher.

Pauta desenvolvida pela estagiária de jornalismo Julia Macedo com a supervisão da jornalista Fernanda Cappellesso.

Faixa colocada na Praça do Sol causa polêmica em Goiânia

Um dos principais cartões postais de Goiânia virou motivo de polêmica nas redes sociais nos últimos dias. Tudo por causa de uma faixa com os dizeres “A Praça do Sol pertence aos moradores do Setor Oeste”. O aviso é assinado pela Apsol, a associação que cuida do espaço e reúne moradores locais.

A imagem foi compartilhada nas redes sociais e tem gerado muitas críticas e até mobilização popular contra o posicionamento da Associação. “Partiu Praça do Sol nesse fim de semana mesmo, com força! Quem organiza o movimento?”, escreveu uma internauta no Twitter.

“Isso não está certo! A Praça do Sol, assim como todas as praças de Goiânia, pertencem à todos os goianos!”, comentou outra internauta na página Goiânia Antiga.

A motivação para colocação da faixa ocorreu após a assinatura de um termo de cooperação firmado com a Prefeitura de Goiânia no programa ‘Adote uma Praça’ com a associção assumindo a responsabilidade pela manutenção do espaço público. Mas a tentativa de segregação do local, fere o artigo 99 do Código Civil Brasileiro que afirma que as praças são um patrimônio público e de uso comum.

A principal reclamação da associação é com os feirantes que ocupam o espaço antes do horário regular na tradicional Feira do Sol que começa às 16 horas todos os domingos, afastando os moradores da região.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Curta Mais® (@guiacurtamais) em

Homem é flagrado andando com um porco de estimação em rua de Goiânia

Quem foi à Feira do Sol no último domingo (4) em Goiânia deve ter se deparado com a cena: um homem caminhava tranquilamente pela praça enquanto levava o seu bichinho de estimação na coleira.

Até aí tudo bem. O que não falta na Praça do Sol é gente levando seus cachorrinhos para passear. Mas o homem em questão estava levando nada menos do que um porquinho.

A imagem chamou a atenção das pessoas que caminhavam pela feira. Uma delas fez questão de fotografar a cena.

Confira:

05cd929fac0f1e0d1532d70030ccaa23.png

Praça do Sol no Setor Oeste vira novo cartão postal de Goiânia; veja fotos

A tradicional Praça do Sol no Setor Oeste está de cara nova. O endereço, conhecido por abrigar todos os domingos a Feira do Sol, foi totalmente reformulado para receber as bancas e o público da feirinha que mistura artesanato, moda e gastronomia e atrai uma pequena multidão de moradores e turistas nas tardes e noites de domingo. É o primeiro espaço público de Goiânia concebido para receber com conforto pessoas com necessidades especiais, idosos e animais de estimação.

O projeto inclui acessibilidade e propõe uma nova concepção arquitetônica e paisagística com o inovador pet place, um ambiente exclusivo para bichinhos de estimação.

Segundo a descrição da própria Prefeitura de Goiânia, responsável pela intervenção, o projeto foi baseado em uma visão fotográfica com a ideia de implantar corredores de concreto simbolizando raios de sol, com quatro círculos voltados para a Rua 13. Cada círculo contemplará uma atividade diferente, sendo um de 340 m², com concreto na cor vermelha e academia ao ar livre; outro de 285 m², com piso de borracha nas cores azul e verde, com o parque infantil com brinquedos acessíveis para crianças com deficiência; outro círculo de 460 m², que receberá o anfiteatro com duas arquibancadas de alvenaria e piso de concreto na cor amarelo; e o último, de 85 m², com uma estrutura especial para receber animais de estimação, como cachorros e gatos. O pet place será o primeiro construindo em áreas públicas da Capital.

Tanto nos corredores dos raios como nas demais dependências da praça, o concreto será branco e de alto desempenho. Além de elevada resistência e durabilidade, o concreto aumenta a vida útil da praça. Já os raios terão bordas vermelhas de granito flameado. No centro da praça será instalada uma escultura “EU AMO GOIÂNIA”, construída em concreto, com uma altura estimada em dois metros. A cor dos letreiros será branca e a do coração vermelha. A escultura também será voltada para a Rua 13.

As novas vagas de estacionamento serão exclusivas para portadores de necessidades especiais e idosos.

Veja fotos:

Praça

Praça

Praça

Fotos

Fotos

Fotos

Fotos

Fotos

Fotos

Fotos

Fotos

Fotos: Curta Mais / Marcos Aleotti

Nova imagens do projeto da Praça do Sol foram divulgadas pela Comurg

Quem mora na região da Praça do Sol estão acompanhando as obras de perto, mas quem não costuma passar por ali aguarda ansioso pelas novidades que o projeto promete para o espaço. Localizada entre as ruas 13, 9 e João de Abreu, no setor Oeste, a Praça do Sol está passando revitalização e será a primeira praça Goiânia a receber um novo conceito arquitetônico. A obra é executa pela Companhia de Urbanização de Goiânia (Comurg), autora do projeto, e a previsão é de que seja concluída em 90 dias.

O que mais despertou a curiosidade pela obra é o monumento “EU AMO GOIÂNIA”, que ganhará destaque no espaço público. Famoso em várias outras grandes cidades, a escultura será o novo cartão postal da Capital e terá cerca de 2 metros de altura.

Goiânia vai ganhar monumento presente em várias cidades do mundo (Foto: Diulgação/Comurg)

Segundo a assessoria de imprensa da Prefeitura, o projeto é baseado em uma visão fotográfica, a ideia é implantar corredores de concreto simbolizando raios de Sol, com quatro círculos voltados para a Rua 13. Cada círculo contemplará uma atividade diferente, sendo um de 340 m², com concreto na cor vermelha e academia ao ar livre; outro de 285 m², com piso de borracha nas cores azul e verde, com o parque infantil com brinquedos acessíveis para crianças com deficiência; outro círculo de 460 m², que receberá o anfiteatro com duas arquibancadas de alvenaria e piso de concreto na cor amarelo; e o último, de 85 m², com uma estrutura especial para receber animais de estimação, como cachorros e gatos. O pet place será o primeiro construindo em áreas públicas da Capital. O projeto contempla também novas vagas de estacionamento para portadores de necessidades especiais e idosos serão implantadas.

A Praça do Sol é uma das principais da região e recebe todos os domingos a Feira do Sol, conhecida nacionalmente pela variedade de mercadorias comercializadas. Neste período de obras, a feira será realizada nas Ruas 13 e João de Abreu. A decisão foi acordada entre os feirantes e representantes da Secretaria Municipal de Trânsito (SMT).