Metallica deve fazer shows no Brasil ainda em 2024!

O Metallica poderá fazer dois shows no Brasil em novembro de 2024 como parte da turnê M72 World Tour. A informação foi divulgada pelo jornalista peruano Jayro Liberato Huaranga através da conta Zero Live no X (antigo Twitter), indicando apresentações nos dias 14 e 16 de novembro no estádio do Morumbi, em São Paulo.

O jornalista Daniel Perrone, especializado em notícias sobre o São Paulo Futebol Clube, também repercutiu a notícia em seu blog, após ser informado pela torcida Comando Metal Tricolor. Além disso, o site Ligado à Música mencionou que o jornalista José Norberto Flesh já havia afirmado que a banda poderia desembarcar no país em 2024.

Até o momento, o Metallica não confirmou oficialmente as datas, mas os rumores sobre a turnê M72, que promove o décimo primeiro álbum de estúdio “72 Seasons”, lançado em abril do ano passado, continuam a crescer. A turnê também pode incluir shows em outros países da América do Sul, como Chile e Argentina.

Metallica no Brasil

A última apresentação da banda de heavy metal no Brasil foi em 2022, com shows nas cidades de São Paulo, Curitiba, Belo Horizonte e Porto Alegre. O grupo de rock veio ao país outras nove vezes nos anos de 1989, 1993, 1999, 2010, 2011, 2013, 2014, 2015 e 2017.

Estamos na torcida!

Com Marcão Britto e Thiago Castanho, turnê 30 anos Charlie Brown Jr. chega a Goiânia

Agenda: confira onde curtir o fim de semana em Goiânia

Neste final de semana em Goiânia, onde os aromas da tradição se misturam com os ritmos envolventes da música brasileira. Delicie-se com uma feijoada, um verdadeiro ícone da gastronomia nacional, enquanto os acordes do samba e pagode embalam cada momento de celebração.

Saiba onde apreciar cada minuto do seu fim de semana, para se deliciar com essa iguaria tão querida pelos brasileiros. Dos restaurantes tradicionais aos acolhedores botecos, a feijoada de Goiânia promete encantar os paladares mais exigentes.

Quando a noite cai, a energia da cidade se transforma com a música ao vivo, onde os sons do samba e pagode vão dominar com tudo. Deixe-se levar pelos envolventes embalos e dance ao ritmo da nossa cultura.

Prepare-se para curtir bastante neste final de semana em Goiânia, onde a união da feijoada com a música brasileira promete proporcionar uma experiência repleta de sabores, alegria e boas lembranças.

Detonautas faz show gratuito em Goiânia

A banda Detonautas está rodando todo o Brasil com o show ‘Elétrico’ onde apresenta seus grandes sucessos como ‘Outro lugar’, ‘Você me faz tão bem’, ‘Olhos certos’, ‘Quando o sol se for’, ‘Retorno de saturno’, dentre outros. E claro, o grupo vai passar por Goiânia, para um show 100% gratuito neste sábado, 13 de Abril. O evento acontece na praça da pista de skate do Itatiaia, a partir das 19h.

Detonautas é uma das maiores representantes do rock nacional, com 21 anos de carreira, 7 álbuns de estúdio, 3 dvds ao vivo, incluindo o da antológica apresentação no Rock in Rio 2011, quando dividiu o Palco Mundo com artistas internacionais como Guns’n’Roses e System Of A Down, e algumas coletâneas.

Tocam por todo Brasil desde 2002 ininterruptamente, participando de todos os grandes festivais do país e com algumas turnês internacionais nos EUA e Japão. É uma das bandas mais ouvidas nas plataformas de streaming, estando entre as 10 mais do segmento.

Celebrando uma história vitoriosa e mostrando que a banda segue viva e pulsante, Tico Santta Cruz, Fábio Brasil, Renato Rocha, Phil Machado e André Macca estão comemorando os 20 anos de carreira do grupo, como um dos melhores representantes do rock brasileiro.

Goiânia Noise Festival é a atração do fim de semana na capital

Fim de semana agitado em Goiânia! A 28ª edição do festival Goiânia Noise começa na sexta-feira (12/4) e segue até domingo (14/4). O Cento Cultural Oscar Niemeyer receberá 52 apresentações em três dias, divididas nos dois palcos e também no Estúdio Sesc-Noise.

Além disso, 10 DJs também comandam as pick ups numa área especial. Entre os principais nomes do line up deste ano estão Nação Zumbi, Terno Rei, Rancore, Francisco El Hombre, Letrux, Krisiun, Nervosa, Boogarins (foto), Violins e Carne Doce, entre outros.

Os ingressos ainda estão à venda no site Bilheteria Digital e na Monstro Discos, com valores a partir de R$ 50,00. O domingo é gratuito, mas com a necessidade de retirar ingresso pelo site. O evento também conta com a opção de meia entrada solidária, mediante a doação de 1 litro de leite que será encaminhado para a Organização das Voluntárias de Goiás (OVG).

Atrações

Como de costume, o Goiânia Noise apresenta um line up com uma grande diversidade de estilos, linguagens, sotaques e pesos, do indie rock ao thrash metal, passando por psicodelismos, ritmos afro-brasileiros, stoner rock, rockabilly, punk rock, disco music, guitar rock e aquela roqueiragem mais tradicional mesmo.

Além dos shows com nomes de maior destaque, os chamados headliners, o Noise aposta em artistas mais novos ou que já começam a se destacar na cena alternativa brasileira, fazendo um grande panorama do que há de melhor no cenário nacional. É o caso das bandas paulistas The Mönic e Los Clandestinos Trio, da Blastfemme, do Rio de Janeiro, Lucas Hanke, de Porto Alegre, e da YPU, de Brasília.

O line up traz ainda nomes bem tradicionais do underground nacional como os veteranos do Devotos, de Recife, Galinha Preta, de Brasília, os mineiros da Verbase e Dorsal Atlântica, banda carioca que foi uma das fundadoras do heavy metal no Brasil.

Entre os artistas goianos, os destaques são Boogarins, Carne Doce, Violins, Mechanics, Terra Cabula, a cantora Maduli e Johnny Suxxx, que volta aos palcos após cinco anos. A seleção goiana conta ainda com revelações, apostas e veteranos como Spiritual Carnage, Red Sand King, Blowdrivers, Lâmpada Mágica, Fat Drive Factory, Ousel, Mundhumano, Vento Cobre e muitas outras. Ao todo são 23 bandas goianas no line up, confirmando mais uma vez a característica do Noise de ser a maior vitrine da música produzida no Estado.

O festival conta ainda com uma outra programação no Estúdio Sesc-Noise, um espaço que funciona como um terceiro palco e onde 12 artistas selecionados irão se apresentar e gravar uma música sob direção do produtor musical Gustavo Vazquez, responsável por discos premiados do rock independente nacional. O resultado das gravações será compilado em um álbum digital que será lançado pela Monstro Discos nas principais plataformas de streming musical.

O 28º Goiânia Noise Festival é uma produção da Monstro Discos, com co-realização do SESC e apoio da Equatorial, via Lei Goyazes, e do Governo de Goiás.

Comédia romântica brasileira tem cantor sertanejo como protagonista e é destaque na Netflix

“Rodeio Rock” não é apenas uma comédia romântica comum; é uma jornada de identidade e amor entrelaçada com as batidas do sertanejo e do rock. Este filme brasileiro, que agora brilha na Netflix, mergulha na história de dois músicos visualmente idênticos, mas essencialmente opostos, interpretados brilhantemente por Lucas Lucco. Enquanto Hero, um talentoso roqueiro pouco reconhecido, e Sandro, o controverso astro sertanejo do país, parecem viver em mundos separados, o destino os entrelaça de maneira inesperada.

A reviravolta ocorre quando uma cirurgia coloca Sandro em coma, dando a Hero a chance única de assumir a identidade de seu oposto e liderar uma turnê nacional. O que começa como uma oportunidade promissora logo se torna uma encruzilhada emocional quando Hero se vê apaixonado por Lulli (interpretada por Carla Diaz), ex-namorada de Sandro. Este conflito entre a busca pela fama e a fidelidade aos próprios valores transforma “Rodeio Rock” em mais do que uma simples comédia romântica; é uma reflexão sobre autenticidade e paixão.

A premissa única de “Rodeio Rock” é alicerçada por performances convincentes de seu elenco diversificado, que inclui talentos como Carla Diaz, Felipe Hintze e Paula Cohen. Lucas Lucco brilha tanto como o desajeitado Hero quanto como o carismático Sandro, oferecendo uma dualidade convincente que mantém o espectador cativado do início ao fim.

A direção habilidosa deixa sua marca, equilibrando os elementos cômicos e românticos com uma sensibilidade surpreendente. A trilha sonora, uma fusão perfeita de rock e sertanejo, complementa a narrativa, adicionando camadas de profundidade emocional a cada cena.

Em um cenário dominado por produções convencionais, “Rodeio Rock” destaca-se como uma obra verdadeiramente original. Sua abordagem única de misturar gêneros musicais e explorar temas universais o torna um dos destaques do catálogo da Netflix. Enquanto muitos filmes optam por seguir fórmulas previsíveis, este se destaca ao desafiar as expectativas e oferecer uma experiência cinematográfica autêntica e memorável.

Em conclusão, “Rodeio Rock” é mais do que apenas uma comédia romântica; é uma celebração da música, da identidade e do amor. Com sua história envolvente, performances estelares e mensagem tocante, o filme se destaca como um dos principais destaques da Netflix. Prepare-se para rir, se emocionar e se apaixonar nesta jornada única através dos ritmos do sertanejo e do rock.

Leia também:

A nova promessa da Netflix para os fãs de ‘The Last Kingdom’

10 títulos imperdíveis na Netflix para decifrar a articulação política

30 anos sem Kurt Cobain: conheça a vida e carreira do líder do Nirvana que conquistou a Geração Z

Kurt Cobain, o cantor, fundador e guitarrista do Nirvana, se matou há 30 anos, em 5 de abril de 1994. Sua saída de cena precoce e violenta, aos 27 anos, foi um trauma global. Embora seu corpo tenha sido descoberto em 8 de abril, o atestado de óbito indica sua morte desde o dia 5 daquele mês.

Cobain, uma figura emblemática do movimento grunge, liderou o Nirvana, uma banda que se destacou nos anos 90 com o álbum “Nevermind”. Sua influência transcendeu a música, deixando uma marca duradoura na cultura pop.

Nascido em Aberdeen, Washington, em 1967, Cobain desde cedo mostrou interesse pela música, começando a tocar guitarra ainda na adolescência. Em 1987, ele fundou o Nirvana com Krist Novoselic e Aaron Burckhard, que mais tarde seria substituído por Dave Grohl.

A banda rapidamente ganhou destaque no cenário musical underground de Seattle e, em 1989, lançou seu álbum de estreia, “Bleach”. No entanto, foi com o lançamento de “Nevermind” em 1991 que o Nirvana alcançou fama global.

O single “Smells Like Teen Spirit” tornou-se um hino da geração X, popularizando o movimento Grunge. Cobain, com sua voz distintiva e letras introspectivas, tornou-se um ícone para milhões de fãs em todo o mundo.

No entanto, a crescente fama e os desafios pessoais levaram Cobain a lutar contra o vício em drogas e depressão. Ele enfrentou problemas significativos, que foram amplamente documentados em entrevistas, relatos de amigos próximos e na própria autobiografia.

O cantor enfrentou o vício em heroína e outras substâncias desde o início dos anos 90. Ele frequentemente falava sobre sua batalha com a dependência, admitindo abertamente problemas com drogas.

Em 1992, Kurt casou-se com Courtney Love, vocalista da banda Hole, que também era uma figura controversa e, como ele, tinha uma história de uso de substâncias ilícitas. Eles tiveram uma filha, Frances Bean Cobain, no mesmo ano.

A depressão de Cobain era conhecida e suas letras muitas vezes refletiam temas de angústia emocional, alienação e desespero. Ele foi diagnosticado com depressão clínica e sofria de problemas de saúde mental ao longo de sua vida adulta.

Os altos e baixos foram marcados por várias tentativas de reabilitação e internações em clínicas de desintoxicação. A pressão da fama e os conflitos internos provavelmente exacerbaram esses problemas.

A morte prematura de Cobain chocou o mundo e gerou uma onda de luto entre seus fãs. Após sua morte, surgiram teorias da conspiração em torno do evento, embora a investigação oficial tenha concluído que se tratou de um suicídio.

A banda Nirvana foi composta por Krist Novoselic, Kurt Cobain e Dave Grohl, que hoje faz parte do Foo Fighters (foto: divulgação)

Influência em outros artistas e estilos

A influência de Kurt Cobain em outros artistas e estilos musicais é inegável, deixando uma marca indelével no cenário musical e cultural. Tanto durante a vida, quanto após a morte, a música do Nirvana e os estilo e atitude do cantor tiveram um impacto profundo em várias áreas.

Como líder do Nirvana, Cobain foi uma figura central no movimento grunge que surgiu em Seattle nos anos 90, inspirando bandas como Pearl Jam, Soundgarden e Alice in Chains. O sucesso avassalador do Nirvana com o álbum “Nevermind” contribuiu para revitalizar o interesse pelo rock em uma época dominada pela música pop, abrindo caminho para uma nova geração de bandas de rock alternativo e indie.

As letras inspiraram uma geração de músicos a escrever letras mais pessoais e significativas. A estética grunge, marcada por roupas desleixadas, influenciou não só a moda, mas também a cultura visual em geral, contrastando com a ostentação do rock “mainstream” da época.

Cobain personificava uma atitude de desdém em relação à autoridade e à indústria musical estabelecida, inspirando músicos a desafiar convenções e buscar autenticidade em sua arte.

Após a morte, Kurt Cobain tornou-se uma figura lendária, continuando a ser uma fonte de inspiração para músicos de todas as gerações, mantendo viva sua memória e legado.

Sucesso atual

No Reino Unido, uma reportagem do jornal The Guardian, apontou que a obra do Nirvana atinge hoje até a geração Z (pessoas entre 14 e 29 anos). Artistas tão díspares quanto a cantora neozelandesa Lorde, 27, e o rapper americano Lil Nas X, 24 anos, citam Kurt Cobain como ídolo.

Nos Estados Unidos, o rapper Post Malone, nascido 15 meses depois da morte de Cobain, é o fã mais famoso. Ostenta várias tatuagens homenageando o cantor e sua banda.

Em 2020, durante a pandemia, ele pediu autorização a Frances Bean Cobain, filha de Kurt, para fazer uma live beneficente tocando o repertório do Nirvana. Em janeiro, a Rolling Stone destacou o supergrupo indie feminino boygenius (formado por Julien Baker, Lucy Dacus e Phoebe Bridgers, idades entre 28 e 29 anos), em imagem que reproduzia uma icônica capa da revista com o grupo de Cobain.

Shows no Brasil

O Nirvana, que também contava com o baixista Krist Novoselic e o baterista Dave Grohl, chegou a vir para o Brasil em 1993 para fazer dois shows trazido pelo Hollywood Rock, festival inspirado no sucesso do Rock in Rio.

A apresentação em São Paulo ficou marcada como o pior show da história da banda. Em entrevista a Lucio Ribeiro, publicada pelo Popload, Grohl explica que Kurt Cobain havia consumido alguma substância similar ao diazepam, e subiu ao palco numa rotação inferior à da banda. Em função disso, o show teve vários problemas de microfonia.

Cobain chegou a engatinhar no palco e se vestir de mulher. Cenas desse show, que teve como palco o estádio do Morumbi, na zona sul da capital paulista, ficaram registradas no DVD ““Live! Tonight! Sold Out!”. A experiência teria rendido, inclusive, inspiração para demos do álbum “In Utero” que teria sido gravadas em um estúdio no Rio de Janeiro.

A passagem pela capital fluminense, no entanto, foi mais tranquila. Exibido ao vivo pela TV Globo, o show aconteceu na Praça da Apoteose e contou com um Kurt Cobain aparentemente sóbrio.

 

 

*Fontes: SBT News / Estadão / CNN

Veja também:

 

Sandami, ex-vocalista do Sambô, é a atração confirmada em festival de feijoada que acontece em Goiânia

Prepare-se para uma experiência gastronômica e musical incomparável em Goiânia no dia 27 de abril, no Espaço Dois Ipês, no setor Jaó, a partir das 12h! Um festival de feijoada, a Feijú está chegando para combinar o melhor da culinária com um lineup de dar água na boca. Em um cenário marcado pelo conforto, animação e entretenimento, este evento promete uma mistura de estilos que vai sacudir a cidade.

Para facilitar sua entrada e garantir segurança, a venda de ingressos acontece através do site do LIGA, uma plataforma que traz a novidade do reconhecimento facial, tornando o processo de entrada ainda mais rápido, prático e seguro.

Com uma seleção cuidadosa de cinco atrações de tirar o fôlego, o festival promete uma jornada musical que vai literalmente sacudir os esqueletos dos presentes. Desde a voz icônica que marcou época com o Sambô até os ritmos contagiantes do rock and roll e o balanço do pandeiro, cada artista trará sua própria essência para elevar o astral do evento. San, 25ZEROUM, Lui Torcatto, Neto Bueno e Digão estão prontos para incendiar a pista e fazer você dançar a noite toda.

 

Goiânia recebe show de rock com Edu Falaschi

O músico Edu Falaschi anunciou a turnê “Rebirth Live In SP Revisited”, que celebra os 20 anos do DVD “Rebirth Live In SP”, lançado com o Angra no início dos anos 2000. Trata-se de uma série de shows que passará por mais de 30 cidades no Brasil, entre os meses de maio e agosto de 2024. E claro, Goiânia está incluída no roteiro dos shows.

Falaschi promete uma noite inesquecível no palco do Bolshoi Pub no dia 6 de Junho. No evento, que se assemelha a um mini festival, ele estará acompanhado pelas bandas Noturnall e Storia como convidadas especiais. A infraestrutura do show conta com um ônibus próprio e toneladas de equipamento de som e luz, criando uma experiência imersiva.

Os fãs terão a chance de reviver a nostalgia ao ouvir ao vivo o repertório completo do DVD “Rebirth World Tour: Live in São Paulo”, incluindo clássicos como “Carry On”, “Nothing To Say” e “Make Believe”.

Os ingressos já estão à venda no site Bilheto, com valores a partir de R$ 80,00.

Edu Falaschi estará acompanhado de sua banda composta por Fabio Laguna (teclados), Roberto Barros (guitarra), Diogo Mafra (guitarra), Raphael Dafras (baixo) e Jean Gardinalli (bateria) para a entrega de momentos inesquecíveis junto ao seu fiel e apaixonado público brasileiro.

Projeto Autismo no Palco volta a acontecer em Goiânia

O projeto “Autismo no Palco”, promovido pelo Núcleo de Apoio e Inclusão do Autista (Naia), terá mais uma edição em Goiânia. O evento acontece no dia 2 de Abril, data que também celebra o Dia Mundial e o Dia Nacional de Conscientização sobre o Autismo.

A última edição contou com mais de 20 talentosos artistas do espectro autista que subiram ao palco para interpretar uma variedade de sucessos do rock e da música pop. A combinação de música e inclusão resultou em uma noite memorável, repleta de energia e entusiasmo.

Os ingressos estão à venda no site Sympla, com valores a partir de R$ 25,00.

Em uma noite de muito talento e superação no Bolshoi Pub, os artistas vão performar músicas das bandas Coldplay, Beatles, U2 e muitos outros sucessos. Além disso, o evento deste ano terá a participação especial da banda Liga Joe.

Sobre a data

Criado em 2007 pela ONU e instituído no Brasil pela Lei 13.652/2018, o Dia Mundial e o Dia Nacional de Conscientização sobre o Autismo são celebrados em 2 de abril.

O  objetivo da data é promover conhecimento sobre o espectro autista, bem como sobre as necessidades e os direitos das pessoas autistas.

O autismo é uma condição relacionada ao desenvolvimento do cérebro e afeta aspectos da comunicação, linguagem, comportamento e interação social.

Dada a larga variação de características e os diferentes  graus de necessidade de suporte, o autismo foi classificado como um espectro em 2013, pela American Psychiatric Association – Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais.

 

Dead Fish anuncia show em Goiânia

No dia 29 de Maio, véspera de feriado de Corpus Christi, a banda de hardcore Dead Fish retorna a Goiânia para um show de lançamento do seu mais recente trabalho autoral, ”Labirinto da Memória”. O evento acontece no palco do Bolshoi Pub, a partir das 20h.

No repertório, músicas presentes no referido álbum, como ”Dentes Amarelos”, ”Avenida Maruípe” e ”49”, além de canções marcantes nos mais de 30 anos de carreira do grupo, como ”A Urgência”, ”Bem-Vindo ao Clube”, ”Queda Livre”, ”Sonho Médio”, ”Tão Iguais”, ‘’Você’’, entre outras.

Natural de Vitória, capital do Espírito Santo, o Dead Fish é formado atualmente por Rodrigo Lima (voz), Ricardo Mastria (guitarra), Igor Tsurumaki (baixo) e Marcos Melloni (bateria).

Os ingressos estão à venda no site Usina do Ingresso, com valores a partir de R$ 50,00.

Após mudanças e cancelamentos, Lollapalooza Brasil anuncia line-up completo

O Lollapalooza Brasil anunciou, nesta terça-feira (27), o cancelamento de três artistas: Jaden, Rina Sawayama e Dove Cameron não cantarão mais nesta edição do festival. Segundo a organização, as desistências acontecem por motivos pessoais.

Agora, Jessie Reyez foi incluída no line-up no sábado (23), enquanto Greta Van Fleet participará no dia 24.

No mês passado, o Paramore também cancelou a sua participação no festival pelos mesmos motivos. Na ocasião, o festival anunciou que a banda Kings Of Leon foi escalada para substituir o grupo como headliner no dia 23 de março.

Agora, o lineup principal dividido por dia fica assim:

Arcade Fire e Blink-182 na sexta-feira, enquanto Kings of Leon, Limp Bizkit e Titãs encerram o sábado, mesmo dia de Jessie Reyez. Sam Smith, SZA e Greta Van Fleet fecham o domingo e a 11ª edição do festival, que acontece nos dias 22, 23 e 24 de março de 2024 no Autódromo de Interlagos, em São Paulo.

Além das novidades no lineup, o Lollapalooza Brasil também atendeu ao maior pedido dos fãs nas redes sociais e anuncia a categoria de ingressos Lolla Double, que compreende dois (02) dias de festival a escolha do cliente por um preço promocional.

As combinações possíveis para essa categoria são para pista, podendo abranger a sexta e o sábado, sexta e domingo e o sábado e domingo. Para aqueles que desejam adquirir o Lolla Double, os descontos de Meia Entrada (para pessoas elegíveis) e Entrada Social ainda serão aplicados. Para clientes Bradesco, o desconto de 10% também se aplica a categoria.

No total serão quatro palcos, mais de 70 atrações, e uma programação com atividades simultâneas que tomam conta dos mais de 600 mil m² de extensão do Autódromo de Interlagos. Os ingressos para o festival estão disponíveis no site da Ticketmaster.

Fãs do Brasil, Greta Van Fleet volta ao país

O Greta Van Fleet já se apresentou no Lollapalooza Brasil, em 2019, quando foi um dos destaques do festival e conquistou o público com sua performance. Com mais de um milhão de ingressos vendidos em todo o mundo e mais de 250 shows esgotados em cinco continentes, a banda traz aos fãs brasileiros a turnê do novo álbum, “Starcatcher”, que foi lançado em 2023 e produzido pelo ganhador do Grammy, Dave Cobb.

 

A estreia de Jessie Reyez no Brasil

Pela primeira vez no Brasil, a canadense Jessie Reyez é conhecida pelo single “Figures” e por colaborações com artistas como Calvin Harris e Eminem. Ganhadora de vários prêmios Juno, Jessie Reyez já lançou dois álbuns de estúdio, “Before Love Came to Kill Us” (2020) e “Yessie” (2022). O estilo musical da cantora mescla R&B, soul e hip hop, com letras sobre amor, perda e relacionamentos.

 

 

Mais informações

Lolla Double: Dá acesso a dois dias do festival, a definir de acordo com a escolha no momento da compra.

Lolla Day: Dá acesso a um dia do festival (sexta, sábado ou domingo), a definir de acordo com a escolha no momento da compra.

Lolla Comfort Day by Cielo: Dá acesso a um dia do festival (sexta, sábado ou domingo), a definir de acordo com a escolha no momento da compra, na área exclusiva Lolla Comfort. Esta é uma área exclusiva dentro do festival para quem busca mais conforto em sua experiência. Com vista privilegiada do evento, o espaço oferece guarda volumes, pontos de alimentação, bares e banheiros próprios, além de zona de sombra para descanso.

Lolla Lounge Day by Vivo: Dá acesso a um dia do festival (sexta, sábado ou domingo), a definir de acordo com a escolha no momento da compra, na área Lolla Lounge by Vivo. A Vivo, patrocinadora do evento, oferece a área mais premium do festival. Esta área é para aqueles que procuram uma experiência mais premium com open bar e food, ativações de marcas exclusivas, after party e meeting point com shuttle de ida e volta para o evento.

Ingressos com acesso aos 3 dias de experiências premium do festival continuam à venda

Lolla Comfort Pass by Cielo: O Lolla Comfort Pass permite acesso aos 3 dias do festival e a área exclusiva Lolla Comfort, para quem busca mais conforto em sua experiência, com vista privilegiada do evento, lockers, pontos de alimentação, bares e banheiros próprios, além de zona de sombra para descanso.

Lolla Lounge Pass by Vivo: A Vivo, patrocinadora do evento, oferece a área mais premium do festival. O Lolla Lounge Pass by Vivo dá acesso aos três dias do festival e à área Lolla Lounge, com open bar e food, ativações de marcas exclusivas, after party e shuttle de ida e volta para o evento.

 

Veja também:

 

 

Confira a programação completa da 28ª edição do Goiânia Noise Festival

Com um total de 40 shows com artistas renomadas nacionais e regionais, a 28ª edição do Goiânia Noise Festival acontece nos dias 12, 13 e 14 de abril no Centro Cultural Oscar Niemeyer, em Goiânia.

O line-up inclui nomes como Nação Zumbi, Terno Rei, Rancore, Francisco El Hombre, Letrux, Krisiun, Nervosa, Boogarins, Violins e Carne Doce, entre outros. Artistas de várias regiões do Brasil, como Rio Grande do Sul, Pará, São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Pernambuco, Distrito Federal e Goiás, estarão representados no festival.

Além dos headliners, o festival apresenta artistas novos e nomes já consolidados na cena alternativa. Entre eles estão The Mönic, Los Clandestinos Trio, Blastfemme, Lucas Hanke e YPU.

Os artistas goianos também terão destaque, com participação de Boogarins, Carne Doce, Violins, Mechanics, Terra Cabula, Maduli e Johnny Suxxx, este último retornando aos palcos após cinco anos. No total, 23 bandas do estado estarão presentes festival.

Ingressos

Os ingressos estão disponíveis para venda na Bilheteria Digital e na Monstro Discos, com valores a partir de R$ 50,00. No domingo, a entrada será gratuita mediante doação e todo o leite arrecadado com a meia entrada social será destinado à Organização das Voluntárias de Goiás (OVG).

Confira abaixo programação completa:

12 de abril (sexta-feira)

00h45 – Nação Zumbi (PE)

23h15 – Francisco, El Hombre (SP)

22h30 – Krisiun (RS)

22h00 – Mechanics (GO)

21h30 – Devotos (PE)

21h00 – The Mönic (SP)

20h30 – Terra Cabula (GO)

20h00 – Mundhumano (GO)

19h30 – Urumbeta do Espaço (GO)

19h00 – Black Lines (GO)

18h30 – Cabrosa (GO)

18h00 – Gladio Tempus (GO)

13 de abril (sábado)

00h45 – Terno Rei (SP)

23h15 – Letrux (RJ)

22h30 – Carne Doce (GO)

22h00 – YPU (DF)

21h30 – Nervosa (SP)

21h00 – Johnny Suxxx (GO)

20h30 – Dorsal Atlântica (RJ)

20h00 – Lucas Hanke & Cromatismo de Sensações (RS)

19h30 – Los Clandestinos Trio (SP)

19h00 – Buk (PA)

18h30 –  Spiritual Carnage (GO)

18h00 – Ousel (GO)

17h30 – Fat Drive Factory (GO)

17h00 – Synx (GO)

16h30 – Vento Cobre (GO)

16h00 – Sanguínea (GO)

14 de abril (Domingo)

22h45 – Boogarins (GO)

21h15 – Rancore (SP)

20h30 – Violins (GO)

20h00 – Maduli (GO)

19h30 – Blastfemme (RJ)

19h00 – Red Sand King (GO)

18h30 – Galinha Preta (DF)

18h00 – Blowdrivers (GO)

17h30 – Verbase (MG)

17h00 – Lâmpada Mágica (GO)

16h30 – Teia (GO)

16h00 – Uttara (GO)

 

 

Slipknot confirma dois shows no Brasil

A banda norte-americana de nu-metal Slipknot anunciou uma turnê comemorativa pelos 25 anos de lançamento do seu primeiro álbum, de 1999. O Brasil está na rota da tour e receberá a segunda edição do Knotfest Brasil, um festival criado pelo próprio grupo.

O festival está agendado para os dias 19 e 20 de outubro, e será realizado no estádio Allianz Parque, em São Paulo, com direito a duas apresentações inéditas da banda.

Headliner do festival, o Slipknot ainda promete um repertório diversificado, onde trará shows diferentes para cada uma das datas. No primeiro dia, a banda cumpre agenda com um setlist comemorativo de 25 anos de história e, no dia seguinte, tocará seu disco de estreia na íntegra. As bandas convidadas ainda serão anunciadas.

“Em 2022, realizamos a estreia do Knotfest no Brasil com ingressos esgotados, 45.000 pessoas participaram do evento naquela ocasião. Poder dar continuidade à essa parceria, que está só no começo, com uma edição que celebra os 25 anos de Slipknot, nos deixa ainda mais animados pelo que vamos fazer em 2024. Além de algumas novidades, como a mudança de venue [local do show], vamos ter outras surpresas para este ano”, comentou Pepeu Correa, CEO da produtora 30e.

Ingressos

Os tickets estão à venda no site Eventim com valores a partir de R$ 490,00.

 

Veja também:

 

Goiânia recebe orquestra Concert In The Beatles com entrada gratuita

A Orquestra Jovem Joaquim Jayme  (OJJ)  e o Coro Juvenil de Goiânia (CJGO) vão reinventar o rock clássico no palco do Teatro Goiânia nesta quinta-feira (22/02), às 20h, com o Concert in The Beatles.

O repertório da noite é voltado para o rock dos anos 60, com sucessos da banda inglesa. A apresentação tem entrada gratuita, sujeita à lotação do espaço.

Sob regência da maestrina Ráimora Borges (OJJ)  e do maestro Gidalte S’óli Jr. (CJGO), os músicos interpretaram clássicos.  Entre eles, canções populares que marcaram a carreira dos astros como Let It Be, Imagine e Yesterday.

A entrada é gratuita, entretanto, é necessário retirar os ingressos na bilheteria do teatro partir das 18h.