Warner confirma data de estreia do reboot de Harry Potter

A série reboot de Harry Potter estreia no serviço de streaming Max em 2026, anunciou a Warner Bros. Falando durante uma teleconferência financeira, o CEO David Zaslav expressou seu entusiasmo com a série Harry Potter.

Zaslav destacou que o último filme de Harry Potter foi feito há mais de uma dúzia de anos e está comprometido com a franquia rumo ao futuro.

“Não temos vergonha de nossa empolgação com Harry Potter”, disse Zaslav. “O último filme foi feito há mais de uma dúzia de anos. Estive em Londres há algumas semanas com Casey e Channing e passamos um tempo real com JK e sua equipe. Ambos os lados estão entusiasmados por reacender esta franquia. Nossas conversas foram ótimas e não poderíamos estar mais entusiasmados com o que está por vir.”

“Mal podemos esperar para compartilhar uma década de novas histórias com fãs de todo o mundo no Max. Nosso objetivo é estrear em 2026.”

Filmes iguais Harry Potter

No ano passado, a estrela de Harry Potter, Daniel Radcliffe, disse que não achava que voltaria para o reboot. Durante uma entrevista ao Deadline, o ex-aluno de Hogwarts e vencedor do Torneio Tribruxo explicou se faria ou não uma aparição especial.

“Acho que não, não”, disse ele. “Certamente, tudo o que li sobre a série está começando do zero, então seria um pouco estranho me ver aparecer… Acho que Harry Potter sempre esteve destinado a se tornar como Sherlock Holmes… Há provavelmente uma criança de oito anos cuja vida vai mudar em alguns anos, então meu cérebro vai para lá.”

Harry Potter: A Série está em desenvolvimento desde 2021 e chegará no catálogo da MAX. Foi assumido um compromisso de 10 anos pela Warner Bros. Discovery e será uma “adaptação fiel” dos romances com um elenco totalmente novo. J.K Rowling atuará como produtora executiva.

 

*Fonte: IGN Brasil

Veja também:

 

Conheça a aclamada série do Star+ que é considerada a ”nova Game of Thrones”

Uma das séries mais aguardadas do ano, “Xógum: A Gloriosa Saga do Japão” finalmente chega ao catálogo do Star+ nesta terça-feira, 27 de fevereiro, prometendo ser a resposta ao ”vazio” deixado por Game of Thrones. A trajetória até esse momento, no entanto, foi repleta de desafios e mudanças que moldaram a produção ao longo de quase 11 anos.

Em março de 2013, a Fox anunciou a adaptação do best-seller de James Clavell, originalmente transformado em uma minissérie de sucesso em 1980. Contudo, a produção enfrentou reviravoltas em seu desenvolvimento, resultando em atrasos significativos. Somente em 2018, a FX encomendou 10 episódios, enfrentando posteriormente atrasos adicionais devido à pandemia.

Gina Balian, executiva da FX responsável pelo departamento de minisséries, explicou à Variety os motivos dos atrasos e mudanças em Xógum. “Quando você está adaptando algo que já foi adaptado, tem que haver uma razão para isso”, disse, deixando claro que os envolvidos queriam que essa nova versão fosse inovadora e atual, não apenas repetição da minissérie de 1980. “Demorou um pouco para encontrar a voz certa para a série”.

Para Balian, os atrasos foram uma bênção, permitindo que “Xógum” se destacasse como uma narrativa inovadora.

Trama

A série segue a jornada do marinheiro britânico Jack Blackthrone, interpretado por Cosmo Jarvis, após naufragar no Japão feudal. Envolto em conflitos políticos e armamentistas, Jack se torna peça-chave nas ambições de Lord Toranaga, interpretado por Hiroyuki Sanada, de se tornar o Shogun.

A série mergulha no universo dos samurais e gueixas, explorando um Japão dividido por religiões e políticas durante a eclosão de uma guerra civil.

A ”nova Game of Thrones”

Quando Game of Thrones chegou ao fim, a busca por sua sucessora foi intensa. “Xógum: A Gloriosa Saga do Japão” surge como uma forte candidata para preencher esse vazio. A série oferece essa colisão entre duas culturas no Japão do século XVII, apresentando uma narrativa épica que pode rivalizar com a grandiosidade da trama de George R. R. Martin.

Criada por Rachel Kondo e Justin Marks, a produção busca introduzir a história a uma nova geração, mantendo sua essência épica. As comparações com Game of Thrones são evidentes, mas a abordagem única de “Xógum” se destaca. Alison Herman da Variety destaca o foco nas pessoas como o ponto unificador entre as duas séries, enquanto Nick Schager do The Daily Beast a considera a série mais épica desde Game of Thrones.

Críticas

Com uma aprovação impressionante de 100% no Rotten Tomatoes, a série está recebendo elogios fervorosos. A crítica destaca a habilidade do elenco, com Hiroyuki Sanada se destacando como uma presença comandante. A análise ressalta a política de fogo lento em jogo, embora alguns apontem para caracterizações superficiais devido ao grande elenco.

“Xógum é a série mais épica da TV desde Game of Thrones”, elogiou Nick Schager, do The Daily Beast.

“O substituto de Game of Thrones de 2024 pode ser o programa pelo qual esperamos 5 anos”, escreveu Greg Macarthur, do ScreenRant.

Já Amy West, do GamesRadar, escreveu: “Game of Thrones, se Game of Thrones se passasse no Japão feudal”.

A produção nem chegou, mas nós já a ”consideramos pacas”. A obra é elogiada por sua atmosfera tensa e considerada uma verdadeira obra-prima. Resta agora ao público confirmar se “Xógum” realmente se tornará a sucessora digna de Game of Thrones.

Não perca! Xógum: A Gloriosa Saga do Japão estreia nesta terça, 27, no Star+.

Confira o trailer abaixo:

Após sucesso de ”Terra Noturna”, True Detective é renovada para 5ª temporada

A HBO acaba de renovar a série True Detective para uma quinta temporada. Issa López, que trabalhou nesta temporada intitulada ‘’Terra Noturna’’, fez um acordo com a plataforma e retornará como showrunner.

A notícia não é surpresa, já que True Detective: Terra Noturna, estrelada por Jodie Foster e Kali Reis, se tornou a temporada mais assistida da série criminal até hoje, com 12,7 milhões de visualizações em todas as plataformas. O último episódio da produção foi ao ar no último domingo, 18 de fevereiro.

Até o momento, nenhum detalhe de enredo ou elenco da quinta temporada foi divulgado.

Enredo

Na trama de True Detective: Terra Noturna, seis homens que operam uma estação de pesquisa no Alasca desaparecem sem deixar vestígios após uma longa noite de inverno.

As detetives Liz Danvers (Jodie Foster) e Evangeline Navarro (Kali Reis) são chamadas para investigar o caso, ao mesmo tempo em que lidam com os lados sombrios de si mesmas, bem ao estilo de True Detective.

Além de estrelar, Jodie Foster também foi uma das produtoras da quarta temporada.

Sucesso da HBO

A antologia policial, inicialmente criada por Nic Pizzolatto, ficou conhecida em grande parte por escalar grandes estrelas do cinema. A primeira temporada, vencedora de cinco Emmys, teve Matthew McConaughey (Magnatas do Crime) e Woody Harrelson (O Homem de Toronto) como protagonistas investigando uma série de assassinatos aparentemente ritualísticos na Louisiana. Até hoje, a temporada de estreia da série é uma das mais aclamadas da HBO.

Todas as temporadas estão disponíveis no catálogo da HBO Max.

 

Veja também:

 

 

Vem aí! 4ª temporada de The Boys ganha data de estreia

Ansiosos? O Amazon Prime Video divulgou, nesta quinta-feira (22), a data de estreia da quarta temporada da série “The Boys”. Os novos capítulos chegam ao streaming em 13 de junho deste ano.

A nova temporada estreia com três episódios. Depois, os capítulos serão lançados, toda sexta-feira, até o dia 18 de julho.

A sinopse oficial da 4ª temporada também foi divulgada:

“Nos novos episódios de The Boys, o mundo está à beira de um colapso. Victoria Neuman está mais perto do que nunca do Salão Oval e sob o domínio de Capitão Pátria, que está consolidando seu poder. Billy Bruto, com apenas alguns meses restantes de vida, perdeu o filho de Becca e seu emprego como líder dos The Boys. O resto da equipe está farto de suas mentiras. Com os riscos mais altos do que nunca, eles precisam encontrar uma maneira de trabalhar juntos e salvar o mundo antes que seja tarde demais”.

A terceira temporada de “The Boys” foi finalizada em 2022. Posteriormente, a produção ganhou uma série derivada intitulada “Gen V”. A primeira parte do spin-off já está disponível no Prime Video e a segunda temporada também já foi confirmada, ainda que não tenha tido a sua data de estreia anunciada.

Os novos episódios de “The Boys” também serão uma sequência direta dos eventos mostrados em “Gen V”.

 

Veja também:

 

 

Confira 7 lançamentos de peso da Netflix nesta semana

Prepare sua pipoca e ajuste sua lista de favoritos, porque a Netflix está pronta para impressionar os espectadores com sete lançamentos de peso nesta semana! A plataforma de streaming líder está entregando uma seleção diversificada de conteúdo que promete manter todos os tipos de espectadores entretidos. Vamos, então, conferir alguns lançamentos que são destaques na Netflix nesta semana.

 

Posso te Contar um Segredo? 

Já disponível

Posso te Contar um Segredo? É uma série dirigida por Liz Williams que conta o caso curioso de um crime real envolvendo três mulheres. A série nos mostra a vida de três mulheres que mudam para sempre após um stalker invadir suas contas nas redes sociais. E elas não são as únicas vítimas. 

 

Avatar: O Último Mestre do Ar 

Estreia dia 22/02

Avatar é uma aguardada adaptação live-action da série de televisão de animação de mesmo nome. Na série acompanhamos um garoto conhecido como o Avatar que precisa dominar os quatro poderes elementares para salvar um mundo em guerra e enfrentar um inimigo implacável.

 

The Flash – Temporada 9 

Estreia dia 22/02

Com as outras 8 temporadas disponíveis no catálogo da Netflix, chegou a hora da 9ª e última temporada de The Flash chegar à Netflix, para a alegria dos fãs que ansiavam por ver os capítulos finais do seriado e saber o que acontece com o protagonista. Na série acompanhamos as aventuras do homem mais veloz do planeta, o cientista da Central City Police Barry Allen, que após um trágico acidente adquire o poder da velocidade.

 

Entrevías – Temporada 3

Estreia dia 23/02

A terceira e última temporada da série espanhola Entrevías finalmente chega a Netflix. A série conta a história da neta de um veterano de guerra que se envolve com as pessoas erradas e passa a ser procurada pela polícia e por traficantes. Enfurecido, o avô declara guerra contra os bandidos e passa a atacar o crime organizado em seu bairro.

 

F1: Dirigir para Viver – Temporada 6

Estreia dia 23/02

Na série documental, em cada temporada implacável de Fórmula 1, pilotos, gestores e donos de equipes vivem grandes emoções nas pistas e fora delas. Já com cinco temporadas na Netflix, a sexta temporada chega nesta semana para animar os fãs do esporte e de alta velocidade

 

Aftersun 

Estreia dia 24/02

Em Aftersun vemos Sophie refletir sobre a alegria e a melancolia das férias que ela tirou com seu pai 20 anos antes. Memórias reais e imaginárias preenchem as lacunas enquanto ela tenta reconciliar o pai que conheceu com o homem que desconhecia.

 

Holocausto Brasileiro 

Estreia dia 25/02

Neste documentário, acompanhamos o emocionante relato da maior e mais silenciosa tragédia já ocorrida no Brasil, a morte de 60 mil pessoas dentro da maior instituição psiquiátrica do País, o Hospital Colônia de Barbacena, fundado em 1903 na cidade de mesmo nome, em Minas Gerais. O Colônia de Barbacena era parte de um grupo de sete instituições psiquiátricas criadas na cidade e que teria dado ao município o apelido de “Cidade dos Loucos”. No fim, ficou conhecido por oferecer um tratamento desumano aos pacientes.

 

>Veja Também<

Nova minissérie da Netflix traz reflexões sobre a vida e vai deixar o seu coração quentinho

Confira os lançamentos coreanos na Netflix em 2024

Esse é o melhor filme que você verá esta semana na Netflix

Uma das séries de maior sucesso no Prime Video acaba de ser renovada para uma segunda temporada!

O Prime Video confirmou nesta segunda-feira (19) que a série “Cangaço Novo” ganhará sua segunda temporada. O seriado no estilo “nordestern” – no estilo velho-oeste mas no Nordeste brasileiro – teve seus primeiros episódios lançados em 2023.

Confira a nossa resenha da série aqui:

 

“Cangaço Novo” foi criada por Mariana Bardan e Eduardo Melo. O seriado é estrelado por Allan Souza Lima, Alice Carvalho e Thainá Duarte.

A segunda temporada da série deve abordar a trajetória dos irmãos Vaqueiro após a tragédia que ocorreu no final da primeira. O seriado mostra a nova onda do cangaço, adaptando a conhecida história de Lampião e outros que marcaram o país.

Os novos episódios ainda não têm data de estreia confirmada.

 

Cangaço Novo virou sucesso ao redor do mundo. Segundo o Estadão, a produção entrou no Top 10 dos mais assistidos da plataforma em 49 países.

Sinopse

A série conta a história de Ubaldo (Allan Souza Lima), um infeliz bancário da zona urbana de São Paulo sem nenhuma lembrança de sua infância. Ele descobre que tem uma herança e duas irmãs no sertão cearense: Dilvânia (Thainá Duarte) lidera um grupo que adora seu famoso pai falecido; e Dinorah (Alice Carvalho) é a única mulher em uma gangue de ladrões de banco.

Ubaldo chega à cidade, passa a ser cultuado pela forte semelhança com o pai, e é chamado a cumprir seu destino como o novo mítico “cangaceiro” e líder supremo da gangue.

Ele terá que enfrentar bandidos, assassinos, policiais corruptos e literalmente explodir pequenas cidades enquanto embarca em sua jornada, tentando desesperadamente manter seus valores morais sob controle”.

Os oito episódios da primeira temporada de Cangaço Novo estão disponíveis no Prime Video.

Confira o trailer abaixo:

 

 

Veja também:

Nova minissérie da Netflix traz reflexões sobre a vida e vai deixar o seu coração quentinho

Baseada no romance homônimo de David Nicholls, a Netflix lançou recentemente sua nova minissérie “Um Dia” (One Day). Mas esta não é a primeira adaptação do livro best-seller. Em 2011, a obra literária ganhou uma versão cinematográfica estrelada pelos astros Anne Hathaway e Jim Sturgess. Ao contrário do filme, a série mergulha mais profundamente na complexidade dos relacionamentos, explorando a vida dos protagonistas ao longo de duas décadas.

“Um Dia” conta a história de Emma Morley e Dexter Mayhew. Os dois se conhecem em 15 de julho de 1988, na noite da formatura, mas, no dia seguinte, cada um segue seu caminho. Onde será que estarão nesse mesmo dia no ano seguinte, no próximo e em todos os outros 20 anos? Em cada episódio, eles estão um ano mais velhos. A data é a mesma, e os dois vão evoluindo e mudando, se aproximando e se separando, vivendo alegrias e decepções.

A trama segue esse mesmo formato anual, revisitando os protagonistas no mesmo dia, mas ganha uma riqueza narrativa ao se estender por 14 episódios. Leo Woodall e Ambika Mod, nos papéis principais, cativam o público com performances envolventes, destacando-se por sua versatilidade e maturidade ao atravessar as décadas. A química entre os dois é o ponto alto da série, acrescentando camadas autênticas aos personagens e fazendo com que torçamos por seu sucesso, mesmo diante das adversidades.

A produção não é apenas uma adaptação; é uma expansão rica e emocional do universo criado em seu livro. Ao explorar mais profundamente cada ano da jornada de Emma e Dexter, a série se torna uma tapeçaria complexa de experiências e lições de vida, proporcionando um banquete emocional para os espectadores ávidos por uma narrativa envolvente.

Nostalgia

Além disso, “Um Dia” é uma ode visual à nostalgia, transportando-nos para o encanto dos anos 80 e 90, onde a estética cuidadosamente recriada adiciona uma dimensão extra à experiência. A série é um lembrete poético de que as histórias de amor podem transcender o tempo, mantendo sua relevância e beleza ao longo das décadas.

Assistir a “Um Dia” não é apenas consumir entretenimento; é embarcar em uma jornada que nos desafia a refletir sobre nossas próprias escolhas, relacionamentos e a natureza efêmera da vida.

Uma ponderação sobre as vidas que se cruzam com a nossa, a minissérie é como um soneto agridoce sobre a importância de viver intensamente todos os dias, na certeza de que sendo bons ou maus, cada um deles vale a pena ser desfrutado.

Prepare-se para rir, chorar e se perder na narrativa irresistível que essa minissérie oferece!

Assista ao trailer abaixo:

 

Veja também:

 

 

 

Nostalgia! Clássica animação dos X-Men está de volta com novos episódios

A nostalgia bateu forte! A animação dos X-Men, grande sucesso dos anos 90, ajudou uma geração inteira a conhecer os mutantes da Marvel e se apaixonar pelas histórias em quadrinhos.

Agora, antigos e novos fãs poderão aproveitar a sequência do desenho, X-Men ’97, que chegará com novos episódios em março ao Disney+.

 

Revival da clássica série animada dos mutantes, a nova versão da série animada vai continuar de onde a última parou, após o season finale da 5ª temporada, exibido em 1997.

Composta por Ciclope, Wolverine, Fera, Jubileu, Tempestade, Gambit, Jean Grey e Vampira, a série terá dez episódios e deve explorar o falecimento de Charles Xavier, que acontece no final do desenho original, e como isso afetou os seus alunos.

A prévia, que aposta forte na nostalgia, mostra o visual repaginado da equipe de Mutantes, além de ser embalado pelo marcante tema de guitarra do clássico.

Confira o trailer abaixo:

Bom Dia Verônica: saiba tudo sobre a 3ª temporada da série

Os aficionados por suspense têm motivos para comemorar com o lançamento da terceira e última temporada de “Bom Dia, Verônica” na Netflix.

Batizada de “A Caçada Final”, a nova sequência promete envolver os espectadores em um desfecho épico para a intrigante história da detetive Verônica Torres, interpretada por Tainá Müller.

Bom Dia Verônica: saiba tudo sobre a 3ª temporada da série

Foto: divulgação/Netflix

Com apenas três episódios, a série encerra sua jornada na plataforma de streaming, mergulhando em uma investigação intensa que redefine o gênero.

 

Mergulhamos nos detalhes da 3ªtemporada, incluindo enredo, elenco estelar e a resposta crítica internacional.

 

Enredo e sinopse de Bom Dia Verônica

Bom Dia Verônica: saiba tudo sobre a 3ª temporada da série

Foto: divulgação/Netflix

Situada na agitada São Paulo, “Bom Dia, Verônica” acompanha a vida da escrivã Verônica Torres, que, após testemunhar um suicídio, se envolve em dois casos não resolvidos de violência contra mulheres.

Na nova temporada, a pergunta “Quem é Doúm?” orienta a narrativa, levando Verônica a uma busca pelo terceiro irmão enquanto enfrenta a ameaça da máfia em sua jornada.

 

Elenco estelar

Além da brilhante atuação de Tainá Müller como Verônica Torres, a série conta com Rodrigo Santoro, Klara Castanho, Maitê Proença, Reynaldo Gianecchini, Eduardo Moscovis e outros renomados nomes da televisão brasileira.

O elenco diversificado e talentoso adiciona camadas complexas aos personagens, tornando cada episódio uma experiência envolvente.

 

Assista ao trailer da 3ª temporada de Bom Dia Verônica

 

Leia Também

Quarta-feira de Cinzas é feriado?

 

Repercussão e críticas internacionais

“Bom Dia, Verônica” conquistou seu espaço como um dos maiores sucessos originais da Netflix no Brasil, acumulando indicações em prestigiosas premiações televisivas.

Com uma nota sólida de 7.5 no IMDb e uma aprovação de 69% no Rotten Tomatoes, a série cativou tanto o público quanto os críticos. No entanto, análises internacionais como a do Decider e do The Review Geek oferecem perspectivas mistas, destacando o potencial do personagem principal, mas pontuando desafios narrativos.

 

Em um panorama mais amplo, “Bom Dia, Verônica” se despede com um legado marcante, consolidando-se como um marco no cenário das séries brasileiras de suspense. A diversidade de opiniões reflete a complexidade da narrativa, que, apesar de suas críticas, deixa uma impressão duradoura nos espectadores.

Concluindo sua trajetória com “A Caçada Final”, a série oferece uma última oportunidade aos fãs de desvendar mistérios ao lado de Verônica Torres. A produção, que transcende as fronteiras nacionais, adiciona mais um capítulo fascinante à crescente lista de sucessos da Netflix.

 

 

Série de 9 temporadas quebra recorde de ‘The Office’ como a mais assistida dos streamings; saiba qual

A série de drama jurídico “Suits”, disponível no catálogo da Netflix, conquistou o título de mais assistida em streaming nos Estados Unidos em 2023, de acordo com dados da Nielsen, renomada empresa global de análise de dados e audiência.

Este feito marcou a ascensão de “Suits”, desbancando o antigo líder, o seriado de comédia “The Office”.

No decorrer do ano passado, “Suits” acumulou impressionantes 57,7 bilhões de minutos de visualização, estabelecendo um novo recorde e superando os 57,1 bilhões de minutos vistos de “The Office” em 2020.

Essa conquista pode ser atribuída à presença da série nos catálogos tanto da Netflix quanto do Peacock, ampliando sua acessibilidade e alcance.

É válido ressaltar que a análise da Nielsen se concentra exclusivamente nos televisores dos EUA, excluindo dados provenientes de dispositivos móveis e de outros países.

Além disso, a duração dos episódios desempenhou um papel significativo nessa classificação, visto que cada episódio de “Suits” tem aproximadamente uma hora de duração, enquanto “The Office” apresenta episódios com cerca de 30 minutos.

No panorama geral, o domínio das séries da Netflix foi evidente nos rankings de audiência, consolidando ainda mais a posição da plataforma como líder no mercado de streaming. Além de “Suits” e “The Office”, outras séries populares, como “Bluey”, “NCIS”, “Grey’s Anatomy” e “The Big Bang Theory”, também se destacaram como altamente assistidas ao longo de 2023.

Sobre Suits

A série conta a história de Mike Ross (Patrick J. Adams) é um garoto que abandonou a faculdade de direito mas, brilhante como é, consegue uma entrevista com o respeitado Harvey Specter (Gabriel Macht), um dos melhores advogados de Manhattan. Quando percebe o talento nato e a memória fotográfica do garoto, Harvey o contrata e, juntos, eles formam uma dupla imbatível. Mesmo sendo um gênio, Mike ainda tem muito a aprender sobre o Direito. E mesmo sendo um advogado tão competente, Harvey irá aprender com sua nova dupla a ver seus clientes de outra maneira.

A princípio, ambos mentem para que Mike possa trabalhar na firma Pearson Hardman, um escritório de advocacia com uma política de aceitar apenas ex-alunos da Escola de Direito de Harvard.

Além da parceria no âmbito profissional, Harvey e Mike criam um forte laço de amizade um com o outro à medida em que resolvem novos casos todos os dias. Rachel Zane (Meghan Markle) é filha de um dos advogados mais influentes da cidade e, apesar de ter uma vaga garantida na empresa do pai, resolve trabalhar na Pearson Hardman, onde se aproxima de Mike e Harvey.

 

Veja também:

 

Nova série estrelada por Jodie Foster com trama de investigação e terror no Alasca vai te prender no sofá

A aguardada quarta temporada de True Detective finalmente chegou à HBO Max, prometendo prender os espectadores em um enredo intrigante e repleto de reviravoltas. Sob o título “Terra Noturna”, a série se passa na fictícia cidade de Ennis, no Alasca, onde a escuridão polar intensifica os mistérios que envolvem o desaparecimento de oito cientistas em uma estação de pesquisa.

Dando vida à destemida xerife Liz Danvers, Jodie Foster volta à figura policial pela qual ela ficou conhecida em ‘’O Silêncio dos Inocentes,’’ e o que soma a uma boa parcela do prazer de assistir a True Detective: Terra Noturna é ver de quantas maneiras ela consegue perder a paciência.

Numa de suas melhores atuações, ela encontra uma parceira de ringue ideal na boxeadora e atriz Kali Reis, cuja versatilidade em tela faz de sua personagem, a intrépida Evangeline Navarro, alguém profundamente introspectiva, mas igualmente motivada a espancar o mundo ao seu redor.

As duas detetives formam uma dupla complexa, mergulhando não apenas na investigação, mas também em suas próprias almas.

Kali Reis interpreta a personagem Evangeline Navarro e Jodie Foster como a xerife Liz Danvers

A trama da série antológica acompanha o caso de oito homens que desaparecem, sem deixar rastros, de uma estação de pesquisa durante a “longa noite de inverno” na cidade de Ennis, Alasca. Nesse cenário, as detetives Danvers e Navarro precisam superar atritos e mentiras do passado para resolverem o caso juntas.

Obcecada há́ anos pelo assassinato de uma jovem indígena cujo culpado nunca foi encontrado, Navarro suspeita que o caso tenha conexão com os desaparecimentos — e a partir das primeiras evidências, a teoria ganha força e captura aos poucos a atenção do público com tensão e realismo.

Toque Feminino na Direção

Issa López, diretora e roteirista, assume o comando desta temporada, trazendo um toque feminino e sangue fresco à aclamada série antológica. Pela primeira vez, True Detective apresenta uma narrativa liderada por duas detetives, explorando não apenas o mistério do caso, mas também as complexidades de suas vidas pessoais.

A trama se desdobra de maneira não-linear, proporcionando uma narrativa envolvente que explora não apenas o crime em questão, mas também os segredos enterrados sob o gelo ‘’eterno’’. Flashbacks e elementos do passado se entrelaçam, desafiando as expectativas dos espectadores.

O clima do Alasca adiciona uma camada adicional de complexidade às cenas de crime, com o gelo e a neve tornando-se aliados perfeitos para ocultar rastros e evidências. A série promete oferecer cenas de crime variadas e criativas, além de sobrenaturais, mantendo os fãs na ponta de seus assentos.

Estreia aclamada no Rotten Tomatoes

True Detective: Terra Noturna estreou com aprovação massiva no Rotten Tomatoes, com uma pontuação impressionante de 98%. A série é elogiada por sua direção, performances marcantes e uma trama que transcende as expectativas. Vale lembrar que True Detective já é ganhadora de cinco prêmios Emmy pelas outras temporadas, incluindo Melhor Série de Drama, Roteiro e Diretor, além de ter levado o BAFTA de Melhor Episódio Piloto e outras nomeações.

Em contrapartida, o crítico Nick Schager, do The Daily Beast, opina que a série está “tentando morder mais do que pode mastigar em detrimento de suas próprias forças, e esse declínio gelado não está dando certo”.

Terra Noturna não é o mesmo relâmpago que a primeira temporada de True Detective foi, e nada será. As comparações são inevitáveis, mas isso é algo novo. Os residentes de Ennis podem não ter certeza do retorno dos mortos, mas depois de conhecê-los, uma coisa nós podemos dizer: True Detective está de volta e vale a sua maratona!

A série é exibida todo domingo a partir das 23h na HBO Max.

Confira o trailer abaixo:

 

Uma das maiores séries dos anos 2000 chegou no Prime Video

“One Tree Hill”, aclamada como uma das séries emblemáticas dos anos 2000, acaba de encontrar um novo lar no catálogo do Prime Video.

A série, que capturou o coração de uma geração, volta a ficar acessível para os fãs nostálgicos e promete conquistar novos admiradores com suas tramas envolventes e personagens inesquecíveis.

Conhecida no Brasil como “Lances da Vida”, a produção se destacou por retratar de forma autêntica os dilemas da juventude, amizades, amores e desafios da vida adulta, tornando-se um marco na cultura pop da década.

A estreia no Prime Video é um evento significativo para os aficionados pela série, que durante anos acompanharam as vidas de Lucas, Nathan, Peyton, Brooke e Haley na pequena mas agitada Tree Hill. Sua inclusão no serviço de streaming oferece a oportunidade perfeita para uma maratona nostálgica, permitindo que os fãs revivam momentos icônicos e emocionantes que marcaram época.

“One Tree Hill” se destacou não apenas por sua narrativa cativante, mas também pela forma como abordou temas complexos e relevantes com sensibilidade e profundidade. A série soube equilibrar drama, romance e humor, criando uma conexão genuína com seu público.

Agora, disponível na íntegra no Prime Video, ela promete reacender as emoções e lembranças daqueles que cresceram acompanhando as reviravoltas de seus personagens favoritos.

No Brasil, a popularidade de “One Tree Hill” foi amplificada pelas exibições no SBT sob o título “Lances da Vida”. Fato que a tornou uma queridinha entre o público brasileiro. As transmissões pela emissora abriram as portas para uma legião de fãs que, mesmo após o fim da série, continuaram fiéis. Compartilhando, dessa forma, sua paixão pela trama em comunidades e redes sociais.

A chegada do drama ao Prime Video, portanto, não é apenas uma oportunidade de reencontro para os fãs de longa data. Mas também uma porta de entrada para que novas gerações descubram a magia dessa série atemporal.

Em um momento em que a nostalgia dos anos 2000 está em alta, “One Tree Hill” retorna para reivindicar seu lugar no coração dos espectadores, provando que histórias bem contadas são verdadeiramente eternas.

Quem lembra desse ícone de abertura?

 

*Fonte: Mix de Séries

Veja também:

As Marvels ganha data de estreia no Disney+

Em um anúncio recente, a Disney divulgou a tão esperada data de estreia de “As Marvels” em sua plataforma de streaming. O filme, protagonizado por Brie Larson, Iman Vellani e Teyonah Parris, está programado para entrar no catálogo da plataforma no dia 7 de fevereiro.

Envolto em expectativas, “As Marvels” é uma sequência de “Capitã Marvel”, o sucesso de 2019 estrelado por Brie Larson. O filme também dá sequência a eventos ocorridos em Ms Marvel e Wanda Vision. 

Sob a direção de Nia DaCosta e com um roteiro elaborado por Megam McDonnell, Elissa Karasik e a própria DaCosta, o filme promete transportar os espectadores para um novo patamar de emoções.

Disney+

No enredo, somos guiados pela Capitã Marvel, interpretada por Larson, que se vê diante de desafios imprevistos, lançando-a em uma missão para estabilizar um universo em desequilíbrio. Contudo, o destino a leva a um buraco de minhoca singular, onde seus poderes se entrelaçam com os de duas heroínas: a superfã Kamala Khan, também conhecida como Ms. Marvel (Iman Vellani), e a capitã Monica Rambeau (Teyonah Parris), sobrinha afastada de Carol.

Envolvidas em um misterioso fenômeno que as faz trocar de lugar sem compreender a causa, levando-as a trabalharem juntas, surgindo assim “As Marvels”. Esta narrativa única e empolgante promete desvendar segredos cósmicos e trazer divertimento com as aventuras mais inesperadas. Entretanto, apesar da expectativa, é intrigante observar que o filme foi marcado por controvérsias quanto ao seu desempenho nas bilheteiras.

“As Marvels” não atingiu as expectativas de sucesso financeiro que muitos associam automaticamente à Marvel Studios. Com uma arrecadação de apenas US$205,8 milhões, frente a um orçamento de produção de cerca de US$250 milhões, o filme foi rotulado como um desafio para o estúdio. Em meio a avaliações divergentes, o filme enfrentou dificuldades nas bilheterias globais, angariando pouco mais de US$200 milhões ao redor do mundo.

Disney+

“As Marvels” chega ao Disney+, prometendo uma jornada cinematográfica que vai além das barreiras da realidade. Em 7 de fevereiro, prepare-se para embarcar em uma aventura intergaláctica repleta de reviravoltas, poderes extraordinários e a magia única que só o MCU pode proporcionar. 

Apesar das oscilações nas bilheteiras, a verdadeira riqueza do filme reside na narrativa envolvente. Preparem-se para testemunhar a grandiosidade destas heroínas excepcionais e suas jornadas entrelaçadas. 

 

>Veja Também<

7 motivos que fizeram com que Vingadores da Marvel fosse um sucesso estrondoso

A nova série da Marvel Studios chegou ao Disney+ pronta para quebrar os moldes

Da trapaça à redenção: Loki encerra temporada gloriosa e prova que o universo Marvel continua firme e forte

Os Feiticeiros de Waverly Place vai ganhar uma nova temporada com Selena Gomez

Uma das séries mais marcantes do Disney Channel – e responsável por lançar Selena Gomez ao estrelato –, Os Feiticeiros de Waverly Place (2007-2012) vai ganhar uma nova temporada com retorno de parte do elenco original.

A nova versão do programa será um spin-off protagonizado por Justin Russo (David Henrie), irmão mais velho da personagem de Selena (Alex), e já está com o episódio piloto encomendado pela Disney.

As informações foram divulgadas pelo Deadline. Até o momento, Selena está confirmada apenas no primeiro capítulo da história, mas há chances de a artista negociar para participar mais vezes.

Justin será o protagonista da vez!

A série acompanhará a vida adulta de Justin, que optou por deixar seus dias de bruxo para trás. Agora, ele vive uma vida humana como qualquer um, e cuida de sua esposa, que será interpretada por Mimi Gianopulous (Baby Daddy), e seus dois filhos (Alkaio Thiele e mais um ator, que ainda não foi definido).

O mais velho dos Russo, porém, é surpreendido por uma poderosa jovem bruxa (Janice LeAnn Brown) que bate em sua porta em busca de treinamento –e, assim, ele precisa reviver seu passado bruxo para salvar o mundo dos feiticeiros.

O spin-off está nas mãos de Jed Elinoff e Scott Thomas, responsáveis por outra sequência de sucesso do Disney Channel: A Casa da Raven. Ainda não se sabe como será a participação de Selena Gomez, nem mesmo se outros atores como Jennifer Stone (Harper), Jake T. Austin (Max) ou David DeLuise (Jerry) terão espaço na nova atração.

 

 

Veja também:

 

A nova série da Marvel Studios chegou ao Disney+ pronta para quebrar os moldes

Em 2024, o cenário do entretenimento tem nos entregado diversas novidades, e a Disney mais uma vez se destaca ao proporcionar experiências memoráveis aos amantes de filmes e séries. Desta vez, no universo Marvel, surge a tão aguardada série “Echo”, uma proposta inovadora, onde somos convidados a testemunhar, desde o primeiro dia, a saga completa de uma super-heroína que desafia as convenções, ampliando os horizontes do Universo Marvel e quebrando padrões.

Echo é um spin-off da série Gavião Arqueiro. Na série acompanhamos a atriz Alaqua Cox dando vida a heroína Maya Lopez, a primeira nativa americana da Marvel Studios. Mestre em artes marciais e surda, ela é capaz de replicar perfeitamente os movimentos de uma pessoa. Echo é conhecida por ter colaborado com heróis como Demolidor, Blade e Vingadores. 

Na trama, a protagonista tenta se reconectar ao seu passado indígena após anos de serviços sujos realizados a mando do famoso Rei do Crime, de quem é filha adotiva. O grande vilão de Echo é ninguém menos que Wilson Fisk, interpretado por Vincent D’Onofrio, já conhecido por sua participação na série “Demolidor”. O líder de um império criminoso coloca Maya na corda bamba, resgatando um personagem 

Apesar de ser uma série da Disney, Echo não tem como foco um público infantil, tendo em vista sua classificação indicativa (18), além de ser uma entre as séries mais adultas e violentas da Marvel Studios, prometendo quebrar os moldes e surpreender a todos.

Sem sombra de dúvidas, “Echo” surge como uma inovação no universo Marvel, desafiando expectativas com sua abordagem adulta e violenta. A série já está disponível no Disney+, e a possibilidade de assisti-la completa de uma só vez certamente agradará aos fãs que estão cheios de expectativas e ansiosos para mergulhar em um universo completamente novo. Com Maya López no centro de uma trama repleta de reviravoltas e dilemas morais, “Echo” não apenas quebra os moldes do Marvel Studios, mas redefine o que esperamos de uma narrativa super-heroica, proporcionando aos fãs uma experiência única e inesquecível. 

 

>Veja Também<

Da trapaça à redenção: Loki encerra temporada gloriosa e prova que o universo Marvel continua firme e forte

7 motivos que fizeram com que Vingadores da Marvel fosse um sucesso estrondoso

Marvel reserva datas em 2026 para lançamentos da fase 7