Saiba como descobrir a expectativa de vida do seu cachorro

Sempre teve curiosidade de saber qual é a expectativa de vida do seu cachorro? O focinho dele pode revelar.

rodrigosouza
Por rodrigosouza
pexels cottonbro studio 4047041
Foto: Pexels

Um estudo abrangente conduzido no Reino Unido trouxe à tona uma correlação intrigante: o tamanho do focinho dos cães pode ser um indicador crucial da sua longevidade. Se você sempre quis saber qual é a expectativa de vida do seu cachorro, recomendamos ler esse artigo até o final. Descubra como as características do seu focinho podem determinar quanto tempo ainda o seu companheiro de quatro patas vai viver ao seu lado. Bora lá conferir essa parada?

Pequeno é grande na longevidade canina

Os resultados da pesquisa, publicada recentemente no periódico científico Scientific Reports, revelam que raças de pequeno porte, caracterizadas por focinhos mais longos, desfrutam de uma expectativa de vida significativamente maior. Com uma média de 13,3 anos, esses cães superam seus primos de focinho achatado, que tendem a viver consideravelmente menos. Saber qual é a expectativa de vida do seu cachorro é importante, certo?

Para alcançar essas conclusões, os pesquisadores, liderados por Kirsten McMillan, da renomada ONG britânica Dogs Trust, e colaboradores da Universidade John Moores de Liverpool, analisaram dados de centenas de milhares de cães de 155 raças diferentes, usando uma metodologia abrangente. Essa extensa amostragem permitiu uma visão minuciosa das tendências de longevidade canina.

Diferenças marcantes entre raças mestiças e puras

Contrariando uma crença popular sobre a longevidade dos cães mestiços, o estudo revelou que, em média, os cães de raça pura viviam mais do que seus colegas mestiços. Com uma expectativa de vida média de 12,7 anos, os cães de pedigree destacaram-se nesse aspecto em relação aos outros, que podem viver até 12 anos.

Enquanto a genética desempenha um papel fundamental na determinação da expectativa de vida do seu cachorro, o cuidado oferecido pelos proprietários também é um fator significativo. Além disso, observou-se que as fêmeas tendem a viver ligeiramente mais do que os machos, refletindo uma tendência comum em muitas outras espécies animais.

Tamanho importa: pequenos têm a vantagem

Uma tendência consistente emergiu dos dados: cães de porte pequeno tendem a viver mais do que seus companheiros de maior estatura. No topo da lista de longevidade canina, estão raças como o pinscher-miniatura e o jack-russell-terrier, destacando a vantagem dos cães de pequeno porte em relação aos de grande porte.

Se você tem um cão de focinho achatado, como os buldogues e boxers, por exemplo, sabia que eles enfrentam desafios únicos de saúde que impactam negativamente na expectativa de vida do seu cachorro? É verdade. Problemas respiratórios e cardíacos, associados à sua estrutura facial distintiva, contribuem para uma menor longevidade entre essas raças.

Repensando os padrões de raça

Diante dos desafios de saúde enfrentados pelos cães braquicefálicos (aqueles que possuem cabeça curta ou larga), há um crescente debate sobre a necessidade de revisão dos padrões de raça e práticas de cruzamento. O foco está na promoção de características faciais mais saudáveis e na redução dos problemas de saúde associados.

Em última análise, compreender os fatores que influenciam a expectativa de vida do seu cachorro permite que os proprietários adotem medidas proativas para garantir uma vida longa e saudável para seus fiéis companheiros. Desde cuidados veterinários regulares até considerações sobre genética e estilo de vida, cada decisão pode fazer a diferença na jornada terrena do seu animal de estimação. E todo esse cuidado personalizado pode maximizar consideravelmente a longevidade canina.

Confira também: 

Cachorro em apartamento? Conheça 5 dicas para ter uma convivência harmoniosa com o seu amigo peludo

Conheça 12 Raças de Cachorro Que Não Latem Muito

Nova raça de cachorro é descoberta recentemente nos EUA

Holanda se torna o 1º país do mundo a não ter cachorros abandonados nas ruas

6 Dicas Criativas para Refrescar Seu Gato no Verão

Quer receber nossas notícias e dicas de turismo, gastronomia e entretenimento em primeira mão? Siga o Curta Mais no Instagram: @guiacurtamais e nas outras redes sociais, você também pode entrar em nosso canal do WhatsApp clicando aqui.