Goiânia pode ganhar centro de tratamento à base da cannabis medicinal

Projeto foi apresentado na Câmara Municipal e também prevê ações de capacitação para profissionais de saúde

Rafael Vaz
Por Rafael Vaz
cannabis medicinal2

Um projeto de lei apresentado na Câmara Municipal de Goiânia prevê a implementação do Centro Municipal de Tratamentos com Cannabis Medicinal (CMTCM). De acordo com a proposta, a ideia é oferecer acesso controlado a tratamentos com cannabis medicinal, bem como ações de educação e capacitação de profissionais da saúde.

Segundo o texto, o local também deve garantir o fornecimento de medicamentos baseados em cannabis de forma reguada. “Nossa ideia é que o espaço ofereça acesso, tratamento e acolhimento à população. Queremos um local referência em saúde para o atendimento completo de pacientes dentro de um grande centro médico, por meio de consultas, teleconsultas e novos medicamentos”, afirma o vereador Lucas Kitão (UB), autor do projeto.

O projeto é fruto de uma tese de mestrado do parlamentar. A matéria também complementa outras propostas, como a de autorização de distribuição de medicamentos à base da cannabis, o dia da cannabis medicinal e das políticas de incentivo no município.

Se for aprovada, a proposta também prevê alocação de recursos por dotações próprias da gestão. Há, ainda, a intenção de firmar parcerias com o Estado e entidades públicas e privadas.

Quer receber nossas dicas e notícias em primeira mão? Basta clicar aqui e entrar no canal do WhatsApp do Curta Mais.